O Enigma do Príncipe

Emma Watson e Daniel estampam capa de publicações

Potterish :: Harry Potter, o Ickabog, Animais Fantásticos e JK Rowling Emma Watson e Daniel estampam capa de publicaçõesPotterish :: Harry Potter, o Ickabog, Animais Fantásticos e JK Rowling Emma Watson e Daniel estampam capa de publicações
À medida que o dia 15 de julho se aproxima, parece que as revistas teens do mundo inteiro estão focadas no lançamento do sexto filme da série potteriana, Enigma do Príncipe. Reflexo disso são as já constantes matérias sobre seus astros principais.
Uma das publicações a dar destaque à série é a brasileira Capricho, que traz a jovem Emma Watson em sua capa. Além de esbanjar toda a sua beleza nas imagens, a atriz concedeu uma entrevista exclusiva à revista, na qual papeou sobre fama, moda, sua vida pessoal e como administra seu dinheiro.

“Tive muita sorte de conseguir o papel de Hermione aos 9 anos de idade. Foi muito sem querer, na verdade.”

Por sua vez, o protagonista dos filmes, Daniel Radcliffe, foi escolhido para estampar a capa de duas revistas singapurenses de nome semelhante: a Teens e a Teenage. Na primeira, é dado enfoque à carreira do ator após o término da franquia de filmes, enquanto a segunda mostra diversos detalhes do filme que está por vir.

Para conferir os Scans da Capricho, disponibilizados pela nossa equipe, clique aqui! Já os Scans com Daniel Radcliffe podem ser visualizados aqui e aqui. A tradução na íntegra da entrevista de Radcliffe à Teens encontra-se na extensão.

DANIEL RADCLIFFE
Daniel sonhador

Teens ~ Kellyn Ong
Julho de 2009
Tradução: Renan Lazzarin

Não é fácil ser famoso. Mas Daniel Radcliffe parece estar lidando com a fama. A Teens segue sua carreira desde que ele se tornou o Eleito.

Daniel Radcliffe, uma das estrelas emergentes mais sexies de sua geração, tem apenas 19 anos. Mas, para um cara com menos de duas décadas de vida, ele certamente chegou a algum lugar. É claro, ele ganhou o papel de uma vida com Harry Potter (e uma franquia cinematográfica com oito filmes que o ajudaram a juntar uma fortuna estimada em 30 milhões de libras de acordo com a Lista dos Ricos de 2009 do Sunday Times de Londres). Mas ele não se contenta apenas com a fama de ser Harry Potter.

Sem descansar nos louros, Daniel está na transição de simples Harry Potter para um ator sério desde 2006. Ele participou em alguns filmes independentes (como Um Verão para toda a Vida e My Boy Jack) entre as filmagens de Harry Potter.

Mas o papel que o fez despontar tinha que ser o de Alan Strang na peça londrina de West End Equus. Alan Strang era um jovem torturado com uma obssessão pouco saudável por cavalos. Este papel exigiu que Daniel aparecesse nu em uma cena.

Fugindo do padrão
Apesar da enorme pressão anterior à estreia que o atingia devido a sua fama como Harry Potter (e também devido ao interesse midiático na cena de nudez da peça), Daniel conseguiu exceder todas as expectativas com sua interpretação repleta de nuances do anti-herói de Equus.

A peça foi tão bem-sucedida que, um ano depois, chegou à Broadway de Nova Iorque, com Daniel repetindo o papel de Alan Strang.

Numa entrevista à Reuters antes da estreia da peça na Broadway, Daniel confessou que a ideia de atuar em Nova Iorque era “aterrorizante,” uma vez que lhe tinham dito que o público seria mais crítico.

Grande sucesso
Mas ele não deveria ter se preocupado: conseguiu impressionar a plateia novaiorquina e chegou a ganhar os prêmios de “Melhor Ator” e “Revelação” na Broadway.com Audience Award 2009. A premiação foi decidida através de votos dos espectadores.

Em entrevista à revista britânica Filmstar, Daniel comparou seus papeis muito diferentes em Harry Potter e Equus, “Harry é genial e adoro interpretá-lo, mas obviamente quero me abrir a algo além desse personagem. E sim, Equus parecia marcar uma pequena mudança – todos achavam e esperavam que eu falhasse e, como isso não aconteceu, minha escolha bizarra atingiu seu objetivo!”

Saindo de Hogwarts
Daniel está atualmente filmando o último capítulo da série Harry Potter, Harry Potter e as Relíquias da Morte. Ele será dividido em duas partes devido ao conteúdo pesado do livro.

Quando findarem as gravações do último filme, Daniel terá passado quase uma década crescendo com a série. E ele admite isso. Numa entrevista ao E! Daily 10, Daniel refletiu, “Será triste quando eu terminar esses filmes porque terá sido metade da minha vida!”

“Nunca vou conseguir assistir qualquer um dos filmes sem lembrar, com um detalhamento incrível, de cada dia de meus anos de formação. Quando você faz algo tão duradouro, você quer chegar ao final do jeito certo.”

Não importando o fim de Harry Potter, de algo podemos ter certeza: para Daniel Radcliffe, Harry Potter é apenas o começo de uma longa e genial carreira de atuação por vir.