Filmes e peças ︎◆ J. K. Rowling ︎◆ O Enigma do Príncipe

Rowling: “O poder da empatia humana salva vidas”

borda3 - Rowling: "O poder da empatia humana salva vidas"jkr12 - Rowling: "O poder da empatia humana salva vidas"
Já é de longa data o comprometimento de Rowling na doação de si mesma para os que necessitam de um gesto de caridade. Para confirmar, mais uma vez, essa nossa idéia a Amnesty International USA fez uma citação de Rowling quando esta trabalhou no órgão.
A autora trabalhou na filial de Londres quando tinha aproximadamente 20 anos de idade, e ainda não havia dado início á sua mágica história:

“Paguei os aluguéis quando tinha por volta dos 20 anos por intermédio do meu trabalho no departamento de pesquisa na sede londrina da Amnesty International. Lá, em meu pequeno escritório, li cartas precipitadamente rabiscadas contrabandeadas para fora de países de regimes totalitários por homens e mulheres que se arriscavam a ser presos para informar ao resto do mundo o que estava acontecendo a eles. Vi fotografias daqueles que tinham desaparecido… Li testemunhos de vítimas torturadas e vi imagens de seus ferimentos… Comecei a ter pesadelos, pesadelos mesmo, sobre algumas das coisas que vi, ouvi falar e li.

E ainda aprendi mais sobre a bondade humana na Amnesty International do que eu tinha idéia antes. Amnesty mobiliza milhares de pessoas que nunca foram torturadas ou presas por pensarem diferente para ajudar aquelas que foram. O poder da empatia humana, quando existe uma ação coletiva, salva vidas e liberta prisioneiros. Pessoas normais, que vivem bem e têm segurança certa, se unem a grande números para salvar pessoas que eles nem conhecem, e nunca irão conhecer. Minha pequena participação neste processo foi uma das experiências mais humildes e inspiradoras na minha vida.”

Trabalhando arduamente a Amnesty International atua em mais de 150 países tentando diminuir o sofrimento social e físico de várias pessoas.