Não categorizado

Mais Rupert e Driving Lessons

Mais uma reportagem com o Rupert Grint sobre seu mais novo filme, Driving Lessons.

Dessa vez, o site CommingSoon.net fez uma entrevista perguntando coisas da carreira do ator e do novo filme dele.

Para matar a curiosidade de alguns, conseguimos algumas fotos do filme:
Rupert e Laura LinneyRupert e Julie Walters

Para ler a entrevista completa traduzida, clique aqui.

Exclusivo: Driving Lesson de Rupert Grint

Pela maior parte do tempo, ninguém realmente ouviu falar de Rupert Grint antes dele aterrissar no papel de Ron Weasley em Harry Potter e a Pedra Filosofal; cinco anos e quarto filmes depois, e poucos podendo imaginar o jovem ator em qualquer outro papel.

Eles finalmente terão a chance de ver Rupert aparecendo mais como ator quando ele aparecer em Driving Lessons, o primeiro filme dirigido por Jeremy Brock, escritor de Mrs. Brown, que aparecerá pela primeira vez nos EUA no Festival de Filmes Tribeca, no domingo, 30 de abril. Rupert gravou o filme no ultimo verão durante o intervalo entre o Cálice de Fogo e a Ordem da Fênix.

No filme, ele faz o papel de Ben, um adolescente com uma mãe super religiosa, interpretada por Laura Linney, que fica amigo de uma excêntrica atriz interpretada por Julie Walters – a mãe de Rupert/Ron nos filmes de Harry Potter – quando ela concorda em lhe dar aulas de direção.

ComingSoon.net falou com o jovem ator semana passada para descobrir um pouco mais do filme, e como as coisas estão no quinto filme de Harry Potter.

ComingSoon.net: “Driving Lessons” estará em exibição pela primeira vez nos EUA no Festival de Filmes Tribeca. Ele ainda também não foi lançado no Reino Unido, ainda, mas ele já apareceu em algum festival por lá?
Rupert Grint:
Eu acho que em um em Dublin, Irlanda, mas acho que é só isso realmente.

CS: Você já teve a chance de vê-lo com um público?
Grint:
Não, ainda não. Só com minha família.

CS: Como você encontrou tempo para fazer este filme?
Grint:
Bem, exatamente durante o intervalo entre o quarto e o quinto filme. Foram somente seis semanas de filmagem em Londres, então foi bem fácil de conseguir, na verdade.

CS: Eu sei que Jeremy escreveu vários filmes ótimos, mas o que fez com que você quisesse fazer deste filme o segundo filme não Potter?
Grint:
Eu estava no meio do quarto filme de Harry Potter, e recebi o roteiro. Eu simplesmente gostei muito dele. Pensei que seria uma coisa legal de se fazer. Então, conheci Jeremy, e todos por lá eram pessoas muito legais, então aconteceu desse jeito. Era uma coisa tão diferente de Harry Potter havia uma parte bem atrativa nele, porque não haviam efeitos especiais, tipo recursos limitados, e muita direção, o que me atraiu bastante. Eu estou na verdade aprendendo a dirigir agora na vida real. Simplesmente funcionou muito bem, porque havia um pequeno espaço entre os dois Harry Potter, e coube muito bem.

CS: Alguma idéia por que Jeremy escolheu você para este papel?
Grint:
Não sei, realmente (risos).

CS: Julie Walters e Laura Linney já haviam assinado com este filme quando você decidiu faze-lo?
Grint:
Eu tinha escutado rumores que Julie Walter queria faze-lo, como ela era a Senhora Weasley, minha mãe nos filmes de Harry Potter, então foi muito bom trabalhar com ela novamente.

CS: Nós estamos acostumados a ver você fazendo mais comédia, mas neste filme, você é mais o suporte para Julie. Foi difícil esconder seus instintos humorísticos?
Grint:
Claro. Essa foi outra diferença que eu também gostei bastante, porque Ben é bastante diferente de Ron, obviamente.

CS: O fato de você já ter trabalhado com ela antes ajudou na dinâmica entre vocês dois neste filme?
Grint:
É uma coisa bastante estressante, porque eu na verdade nunca fiz realmente outros filmes, exceto os de Harry Potter. Como a equipe é bastante unida, existe toda uma atmosfera familiar, é bastante assustador começar uma coisa totalmente nova, e eu não conhecia ninguém. Então realmente me ajudou ter alguém que eu conhecia.

CS: Sério? Nos filmes de Harry Potter, você trabalhou com vários diretores diferentes, então você deve achar que ficaria mais confortável trabalhando com pessoas diferentes.
Grint:
É, eu acho, mas toda essa coisa ainda é bastante nova para mim, e foi um tanto assustador no começo. É uma equipe muito menor também, mas foram seis semanas ótimas.

CS: Este é o primeiro filde de Jeremy como diretor. Como é comparar isto com trabalhar com tantos diretores mais experientes?
Grint:
Quase a mesma coisa. Jeremy foi muito bom, porque obviamente, ele também escreveu o roteiro. Ele sabia tudo sobre o que queria, então ele descrevia tudo claramente. Ele foi um cara muito legal tembém. Eu me dei bem com Jeremy. Ele é legal.

CS: Por causa do cabelo ruivo, Laura Linney pode dar a impressão de ser realmente sua mãe, mas ela era uma das poucas não britânicas no filme. Com o ela lidou com o sotaque britânico?
Grint:
Ela era a única Americana, sim, mas Laura foi muito legal. Eu me dei bem com ela. Ela foi muito boa, na verdade, conseguindo fazer e desfazer [o sotaque] perfeitamente.

CS: Houve alguma experiência em sua vida que você foi capaz de se espelhar para interpretar Ben?
Grint:
Lógico, eu me pareço mais com o personagem do Ron, mais que Ben, mas achoq ue todo adolescente pode se relacionar em algo com o Ben, porque é uma história de amadurecimento. Pude me relacionar com algumas coisas sim.

CS: Tanto nesse, quanto em Harry Potter, você é muito bom em fazer o tipo estranho, desconfortável. Isto é uma parte natural sua ou não tem nada a ver com você?
Grint:
Um pouco, depende muito sobre o que é. Ron acha difícil dançar e Ben é bem desengonçado com as garotas também. É um comportamento parecido em ambos os personagens, mas é um comportamento tipicamente da adolescência, eu acho.

CS: Você fará 18 anos em alguns meses, então você espera se libertar mais dos filmes de Harry Potter e fazer mais filmes como Driving Lessons?
Grint:
Driving Lessons foi muito divertido de fazer, e eu provavelmente vou querer fazer mais filmes pequenos. É muito bom fazer coisas um pouco diferentes, porque os filmes de Harry Potter, por mais diversão que eu tenha fazendo, eles tomam muito tempo para fazer, e tomam a maior parte do tempo. Eu gostaria de fazer mais disso no futuro com certeza.

CS: Você acha que muitos fãs de Harry Potter vão ver esse filme para ver sua atuação nele?
Grint:
Sim, eu acho. Seria bem interessante. Eu digo, Harry Potter é uma coisa enorme e tem uma repercussão enorme, então vai ser um pouco estranho.

CS: Em qual filme de Harry Potter você está?
Grint:
No quinto? Nós estamos quase na metade dele. Nós apensa começamos, mas ainda tem um longo caminho a percorrer, mas está indo muito bem.

CS: Eu não li o quinto livro ainda, então, Ron consegue finalmente uma namorada nesse?
Grint:
Não, ainda não é nesse. Existe muita coisa acontecendo nesse, e é um livro muito grande. Nós tivemos um novo diretor nesse também. Ele é na verdade um amigo de Jeremy, então foi bem tranqüilo.

Você notou uma grande diferença no roteiro, já que o primeiro não foi feito por Steven Cloves?
Grint:
Eu acho que ainda está bem parecido com o livro, e é um roteiro muito bom na verdade.

CS: Como foi trabalhar com todos aqueles diretores diferentes nos filmes de Harry Potter? Você conseguiu aprender algo novo de cada um deles?
Grint:
Claro, obviamente existe um diretor novo em cada ano de filme de Harry Potter, e é sempre um pouco assustador, pra ser honesto, porque nós conhecemos Chris Colombus quando ele fez os dois primeiros filmes, e nós pudemos realmente conhece-lo. É bem assustador ter um novo diretor toda vez, mas nós tivemos muita sorte. Tivemos diretores muito bons realmente.

CS: Nós vimos bem mais do Ron no ultimo filme. O personagem está indo mais nessa direção no próximo filme?
Grint:
Sim, bem mais disso, na verdade, ele está crescendo e ficando mais independente que no quarto filme.

CS: Você ainda tem tempo livre fazendo os filmes de Harry Potter ou trabalha normalmente no horário de 9 as 5?
Grint:
Sim, é bem assim. A agenda dos filmes de Harry Potter é todo dia, cinco dias por semana, e em Driving Lessons, nós estávamos gravando seis dias por semana por semanas, e foi bem duro. Foi bem pesado, mas foi uma boa diversão.

CS: Você ainda assiste aulas no set do filmagem de Harry Potter?
Grint:
Eu costumava, mas agora eu deixei a escola bem recentemente, porque estava ficando bem difícil conciliar as aulas com o filme. Não sou uma pessoa muito acadêmica, então eu pensei em largar a escola e me concentrar mais no filme. Ainda bem que não tenho que fazer mais isso.

CS: Então, nenhum plano de ir para a universidade?
Grint:
Não, não, realmente não.

CS: Agora que você já fez quarto filmes e meio de Harry Potter, isso já se juntou a sua vida ou você consegue separar você mesmo do personagem quando está fora do set e não pensar nele?
Grint:
Os filmes de Harry Potter tomam realmente a maior parte do meu tempo, exceto os fins de semana, mas eu tenho uma vida bem normal aqui fora, fora do filme, então não é tão ruim assim. Depois dos filmes, você fica com um grande espaço entre eles, então você pode tirar umas férias e relaxar nesse meio.

CS: Você consegue ficar em casa enquanto está trabalhando no filme?
Grint:
Eu moro a mais ou menos meia hora dos estúdios, num lugar chamado Wattford. Vários vem de Leeds e dois vêm da Irlanda, então eles tem que ficar todos em hotéis. Eu tenho bastante sorte nesse quesito. Nós temos nossos próprios camarins e eles tem grandes salas de jogos com mesas de bilhar e tênis de mesa.

CS: Você teve chance de trabalhar com sua música por completo em seu tempo livre?
Grint:
É um trabalho bem legal. Eu definitivamente gostaria de fazer isso no futuro. Eu gostaria de tentar aprender a tocar violão. Seria muito legal. Eu toco o didgeridoo na verdade.

CS: Uma vez que você passou a maior parte de sua adolescência como ator/estrela de filme, é difícil ter uma vida normal?
Grint:
Claro, sim, quer dizer, eu vivo de uma forma bem normal, a única diferença é que sou reconhecido ocasionalmente quando saio de casa, mas isso nunca foi realmente tanto um problema.

CS: Você tem algum disfarce especial quando vai sair, talvez uma peruca escura e óculos para as pessoas não te reconhecerem?
Grint:
(Risos) É bem difícil porque meu cabelo é bem grande, e cabelos grandes e ruivos se sobressaem um pouco. Não foi nnca um problema realmente, não foge de controle.

Driving Lessons estréia no Festival de Filme Tribeca em 30 de abril as 8:30 com outras exibições em 1º de maio e 6 de maio. Os ingressos não estão mais disponíveis online, mas pode haver alguns no dia da exibição. ComingSoon.net têm também dois clips do filme, que você pode assistir aqui.

Harry Potter e a Ordem da Fênix está marcado para ser lançado em 13 de julho de 2007.