Não categorizado

[Atualizado] Andy Linden em entrevista para o Harry Potter Fan Zone

Recentemente, um membro da equipe do hpfanzone entrevistou o ator que dará vida ao bruxo Mundungo Fletcher, Andy Linden, que, apesar de aparecer no decorrer dos livros da série, esta será a primeira vez do personagem nas telonas.

[meio-2]Na entrevista, Andy falou sobre como foi escalado para o papel e a sua relação com a série criada por J.K. Rowling antes das gravações:

“Vou ser brutalmente honesto com você; um pouco de nepotismo entrou em jogo no showbiz. Eu trabalhei com David Yates antes. Eu fiz um filme de arte com ele, muitos anos atrás, quando o mundo era plano [risos]. Eu tinha um pequeno papel em State Of Play, uma série de Tv bem-sucedida, então ele me manteve em mente para Mundungo Fletcher.

Eu tinha lido o último livro, na verdade. A coisa é você ver que eu estou “empurrando” os cinqüenta e sete anos, por isso, à essa altura da minha vida, estava mais para Senhor dos Anéis, em termos de fantasia. Eu estava em meus quarenta anos quando o primeiro livro de Harry Potter foi lançado, e eu não teria conhecido Harry Potter. Mas a minha juventude foi Tolkien, sem dúvidas.”

Faltam apenas 37 dias para a estreia de Harry Potter e as Relíquias da Morte – Parte 1. Acompanhe nossa contagem regressiva pelo Lembrol e fiquem ligados no Ish.

Atualização: A tradução da entrevista na íntegra pode ser visualizada na extensão da notícia.

ANDY LINDEN
Entrevista com Andy Linden

HP FanZone
12 de outubro de 2010
Tradução: Allon Souza e Letícia Vitória

Entrevista Exclusiva com o ator Andy Linden, o Mundungo Fletcher em “Relíquias da Morte”.
Por Andy, 12 de Outubro, 2010.

Recentemente, eu tive o prazer de conversar com Andy Linden, o ator que irá interpretar Mundungo Fletcher em “Harry Potter e as Relíquias da Morte”. Embora o Mundungo apareça em alguns dos livros da série Harry Potter, essa é a primeira vez que o veremos trazido à vida nas telonas.

Harry Potter Fan Zone (HPFZ): Como você foi escalado para o papel de Mundungo Fletcher?
Andy Linden (AL): Eu serei brutalmente honesto com você; um pouco de nepotismo entrou em jogo como acontece no showbiz. Eu já havia trabalhado com David Yates antes. Eu fiz um filme de arte com ele muitos anos atrás, quando o mundo era plano (risos). Então eu tive um pequeno papel em “State of Play”, uma série de televisão bem sucedida, então ele manteve em mente para fazer Mundungo Fletcher.

HPFZ: Você era fã de Harry Potter? Você tinha lido os livros ou visto os filmes?
AL: Eu li o último livro na verdade. O negócio é que eu estou perto dos 57 anos, então à essa altura da minha vida, estava mais para Senhor dos Anéis em termos de fantasia. Eu tinha uns 40 anos [quando o primeiro livro do Harry Potter foi lançado] e eu não saberia sobre Harry Potter, mas na minha juventude era o Tolkien, sem dúvidas.

HPFZ: Você foi lendo os livros quando foi escalado ou foi ver o que o seu personagem andou fazendo?
AL: Sim, eu fiz isso. Eu li o último livro – no qual estou envolvido – e eu comecei a assistir aos filmes só para sentir e formar o que viria a seguir.

HPFZ: Quando você começou a filmar o Relíquias da Morte?
AL: Deve ter sido no final de Fevereiro, início de Março de 2009. Eu acho que a minha cena foi a primeira [a ser filmada].

HPFZ: Foi a cena dos sete Potters?
AL: Não, foi uma mais tarde. A cena do Beco Diagonal. A cena acontece quando está chovendo realmente forte, implacavelmente. Não é preciso dizer que fiquei molhado o dia todo.

HPFZ: Você pode falar sobre outras cenas onde Mundungo aparece? Tem outra cena no livro onde ele é atacado por um elfo doméstico.
AL: Sim, Dobby e Monstro o atacam na cozinha. Eu acredito que é o Monstro que o traz de volta do Beco Diagonal porque ele roubou o medalhão. Eventualmente, ele é questionado pelo trio a seu respeito. Tem três cenas muito boas e é uma ótima breve aparição. Eu me diverti muito fazendo-as.

HPFZ: O Mundungo aparece na Parte II?
AL: Não, infelizmente, Mundungo não está na Parte II o que é triste mesmo, mas ele é muito bom de interpretar.

HPFZ: Como foi fazer as cenas com efeitos especiais, por exemplo, a cena onde você se transforma no Harry?
AL: Leva um tempão (risos). Tudo é altamente técnico então, conseqüentemente todas as cenas são meio quebradas, se entende o que quero dizer. Você meio que atua para o nada. São centenas de pequenas séries de olhares e caretas e tentativas de antecipar o que virá a seguir.

HPFZ: Daniel Radcliffe mencionou que aquela seqüência levou 95 tomadas para ser filmada.
AL: Sim, e isso não foi por falta de habilidade dos atores. Foi técnico. Tinha tanta cobertura que eles seriam mimados por escolha, se entende o que quero dizer.

HPFZ: Você pôde andar de vassoura também?
AL: Sim, eu pude (risos), mas disfarçado de Harry Potter. A essa altura todo mundo já tinha tomado a Poção Polissuco. Conseqüentemente, somos os disfarces. Essa cena em particular levou muito, muito tempo porque o Daniel teve que replicar todas as nossas expressões e movimentos diferentes.

HPFZ: Parece ter sido um processo bastante intenso.
AL: Sim, um pouco longo, podemos dizer. Mas eu me diverti muito em Harry Potter. Eu achei o elenco maravilhoso; a equipe é fantástica também. Eles têm uma equipe lá que sabe exatamente o que está fazendo. Eles estiveram fazendo aquilo por dez anos então você fica em boas mãos.

HPFZ: Para finalizar, nos livros, Mundungo é conhecido por roubar tesouros. Você conseguiu pegar alguma coisa como lembrança de sua experiência em Harry Potter?
AL: Eu adoraria dizer que sim, mas não pude, mesmo. Eles são meio preciosistas quando se fala dos acessórios e das roupas. Até mesmo com roteiro, você tem que guardá-lo com sua vida. O que eu peguei de lá foram boas memórias.
O Harry Potter Fan Zone gostaria de agradecer o Andy pelo tempo que deu para fazer esta entrevista.