fbpx
As Relíquias da Morte ︎◆ Parte 1

Lembrol: Faltam 13 dias para Relíquias da Morte Parte I

— Não podemos esconder minha família inteira, iria parecer suspeito demais, além disso, eles não podem largar o emprego – explicou Rony. — Então, vamos divulgar a história de que estou gravemente doente com sarapintose, razão por que não pude voltar à escola. Se alguém vier investigar, meus pais podem mostrar o vampiro na minha cama, coberto de pústulas. Essa doença é realmente contagiosa, portanto eles não vão querer chegar muito perto. E também não fará diferença se o vampiro não puder falar nada, porque aparentemente ninguém pode, depois que o fungo ataca a úvula.

— E seus pais concordaram com esse plano? – perguntou Harry.

— Papai, sim. Ele ajudou Fred e Jorge a transformarem o vampiro. Mamãe… bem, você já viu como ela é. Não vai aceitar que viajemos até termos partido.

Fez-se silêncio no quarto, interrompido apenas pelas leves batidas que Hermione produzia ao jogar os livros em uma das duas pilhas. Rony parou, observando-a, e Harry olhava de um para o outro incapaz de falar. As medidas que os amigos tinham tomado para proteger as famílias, mais do que qualquer outra coisa, o convenceram de que iriam acompanhá-lo e que sabiam exatamente o perigo que corriam. Quis manifestar o quanto isso significava para ele, mas simplesmente não encontrava palavras que fossem expressivas o suficiente.

Harry Potter e as Relíquias da Morte
Capítulo Seis, O Vampiro de Pijama, página 82