Eventos

Warner Bros proíbe eventos de Harry Potter nos Estados Unidos

A Warner Bros. proibiu eventos de Harry Potter realizados por fãs nos Estados Unidos. Organizadores de festivais e convenções dos estados de Nova York, Pensilvânia, Illinois e outros foram informados de novas diretrizes que não permitem o uso de nomes de personagens, lugares ou objetos criados por J.K. Rowling para seu Mundo Bruxo.

“A Warner Bros. fica sempre feliz ao saber do entusiasmo dos fãs de Harry Potter, mas estamos preocupados e desaprovamos quando convenções de fãs se tornam um meio para atividades comerciais não autorizadas”, disse a empresa.


A medida desagradou os fãs norte-americanos. Sarah Jo Tucker, estudante da universidade Chestnut Hill, na Filadélfia, que organiza um campeonato de Quadribol, manifestou sua insatisfação ao jornal britânico the Guardian. “É quase como se a Warner Bros. tivesse sido tomada por Voldemort e estivesse tentando usar magia das trevas para destruir a luz de uma pequena cidade”, disse.

Philip Dawson, diretor do distrito comercial do bairro Chestnut Hill, contou que a Warner Bros. lhe avisou sobre as novas diretrizes em maio. Em outubro de 2017, seu festival reuniu cerca de 45 mil pessoas. Este ano, devido às mudanças, o evento passará a se chamar Varinhas e Bruxos e será uma celebração genérica com o tema magia. Os fãs, no entanto, continuarão a se vestir como personagens de Harry Potter. Eles tentaram entrar em contato com J.K. Rowling via Twitter, mas um porta-voz da autora disse que ela não tem nada a comentar sobre assunto.