Filmes e Peças ︎◆ Harry Potter and the Cursed Child ︎◆ JK Rowling ︎◆ JKRowling.com

J.K. Rowling explica seu envolvimento na criação da peça Cursed Child

Em uma sessão de perguntas e respostas em seu site, J.K. Rowling escreveu sobre seu envolvimento na criação da peça de teatro Harry Potter and the Cursed Child.

A escritora contou que recusou propostas para adaptar Harry Potter para os palcos durante dez anos, até conhecer os produtores Sonia Friedman e Colin Callender. “Eu só sabia que eles queriam fazer algo inédito, o que era intrigante, porque eu não tinha vontade alguma de ficar voltando infinitamente para as mesmas coisas”, explicou.

Depois de aceitar a proposta de Friedman e Callender, J.K. Rowling começou a trabalhar com o roteirista Jack Thorne e o diretor John Tiffany. Ela contou a eles o que tinha acontecido com Harry, Rony e Hermione depois de As Relíquias da Morte e explicou seu interesse especial pelo filho de Harry, Alvo Severo, que recebeu três nomes lendários no Mundo Bruxo e sofre muita pressão por isso. “Eu tenho muitas lembranças maravilhosas dos primeiros ensaios, de ver os figurinos e os truques de palco pela primeira vez, mas o que eu me lembro com mais carinho de nós três trabalhando juntos são as risadas”, relembra. “Pouquíssimas pessoas vieram para dentro do Mundo Bruxo comigo. Isso cria um laço especial.”

Ao assistir à peça pela primeira vez, J.K. Rowling se emocionou ao lembrar dos dezessete anos que passou escrevendo Harry Potter. “Eu sabia o roteiro de trás para frente, já tinha assistido ensaios de cenas individuais, mas nada me preparou para assistir à peça inteira, no teatro”, conta.

Da esquerda para direita: Jack Thorne (roteirista), J.K. Rowling e John Tiffany (diretor). Foto: Pal Hansen/The Observer.

Leia também:
+ A rotina de J.K. Rowling
+ J.K. Rowling explica sua função na produção de Animais Fantásticos

Sucesso de público e crítica, Harry Potter and the Cursed Child está em cartaz no Palace Theatre, em Londres, desde julho de 2016. Além da capital inglesa, a peça também está em cartaz na Broadway, em Nova York, desde abril de 2018, onde conta com o elenco protagonista original e um teatro reformado exclusivamente para a peça. A produção também estreará no começo de 2019 no Princess Theatre, em Melbourne, na Austrália.