Alison Sudol ︎◆ Animais Fantásticos e Onde Habitam ︎◆ Atores ︎◆ Correspondente do Pottermore ︎◆ Dan Fogler ︎◆ Eddie Redmayne ︎◆ Ezra Miller ︎◆ Filmes e Peças ︎◆ Jon Voight ︎◆ Katherine Waterston ︎◆ Samantha Morton

POTTERMORE: Indo para Liverpool com “Animais Fantásticos”

Estamos certos de que todos se lembram perfeitamente de quando “Animais Fantásticos e Onde Habitam” estava sendo filmado em Liverpool, na Inglaterra, e muitos fãs apareceram no local e trouxeram ao fandom internacional diversas fotos, filmagens e pequenos detalhes da história que renderam altas especulações. Quem estava lá também era o Correspondente do Pottermore! Sim, aquele que sempre nos traz artigos maravilhosos sobre o universo de “Harry Potter”, estão lembrados?

Filmagens externas realmente devem ser complicadas…

“É uma operação gigante, levar todas as perucas, casacos, colchões para manobras perigosas, pôsteres, manequins, vestidos de lantejoula, câmeras, ferramentas para maquiagem, carros antigos, neve falsa, barracas e pessoas para uma nova locação. Gigante.”

Além de relatar sua experiência no set, ele fala também sobre os atores:

“Tem algo tão certo sobre Eddie e Katherine. Eles são absolutamente perfeitos para esse filme, e eu mal posso esperar para que você veja a cena que eles filmaram hoje. É uma dramática. Teve uma enorme quantidade de corridas…”

Para ler o relato completo traduzido pela nossa equipe, continuem no modo notícia completa.

Indo pra Liverpool com o filme de ‘Animais Fantásticos’
20 de novembro de 2015 – O Correspondente do Pottermore

Traduzido por: Rodrigo Cavalheiro em 20/11/2015.
Revisado por: Lucas Souza em 20/11/2015.

Nossa! Viajar para Liverpool com o elenco e a equipe de Animais Fantásticos parece com fugir com o circo, mas, felizmente, há menos palhaços.

É uma operação gigante, levar todas as perucas, casacos, colchões para manobras perigosas, pôsteres, manequins, vestidos de lantejoula, câmeras, ferramentas para maquiagem, carros antigos, neve falsa, barracas e pessoas para uma nova locação. Gigante.

É impossível deixar Eddie Redmayne, Katherine Waterston, Ezra Miller, Jon Voight, Dan Fogler, Alison Sudol, Samantha Morton e outras 535 pessoas em segredo, então nós nem tentamos. Fãs de Harry Potter e liverpuldianos sabem que estamos gravando na cidade – nós conseguimos ver vocês espiando por trás das tábuas pretas que cercavam o set. Nós podemos te ouvir, jovem cavalheiro que gritou ‘EXPECTO-O-O-O-O-O PATRONUM!’ do alto de um ônibus de dois andares que passava na rua.

Obviamente, nós não queremos estragar a magia para vocês. Contar exatamente o que aconteceu nessas cenas seria como contar para uma criança que a mãe dela é a Fada do Dente ou contar pra um fã de “Game of Thrones” quem é o próximo a morrer. Vocês acham que querem saber tudo, mas vocês não querem. Ainda não.

O que eu posso fazer é pintar um quadro com palavras de como era estar no set. Pode ser?

É noite de uma quarta-feira. Eu estou parado do lado de fora na fria escuridão com a minha vida (três barrinhas de Milky Way, um biscoito esfarelado, uma xícara de chá de hortelã, duas canetas, um pequeno caderno, um cachecol reserva e um carregador portátil) nos meus bolsos. Todos esfregamos as mãos e vemos Jon Voight sair de um imponente carro preto e subir as escadas do St. George’s Hall. Ele faz isso de novo e de novo, subindo as escadas enevoadas, para conseguir a tomada perfeita.

Liverpool_GettyImages-175304593

Do lado de dentro, Ezra Miller se prepara para a cena dele, fazendo um pouco de beat-box na sala verde [um espaço montado para que os atores esperem a sua vez de entrar em cena]. Ele passa e se apresenta, dizendo que é um fã de Harry Potter. Ele parece ser o tipo de ator que fica brincando e fazendo as pessoas rirem até ouvira palavra ‘Ação!’, e aí entrega suas falas sem problema algum. É algo impressionante de assistir.

Junto com Jon e Ezra, hoje há mais 444 figurantes no set. 40 maquiadores extras, 37 mesas de jantar completamente postas, dois cavalos e um Rolls-Royce antigo. Para alimentar todo mundo por um dia, o restaurante trouxe 750 peitos de frango, 40 quilos de bife, cubas de vegetais, litros de café, baldes de doces de dente do Drácula, um pomar de maçãs, a quantidade pão que você só acharia numa padaria e 700 fatias pré-cortadas de cheesecake de limão.
O filme é sua própria economia funcional; um mundo auto-suficiente nutrido por talento, cafeína, açúcar, lanches, excitação e a história dramática que J.K. Rowling fabricou.

No dia seguinte, a filmagem seguirá para o rio perto do Edifício Cunard.

No lado de dentro, o pessoal da Conselho Municipal de Liverpool tenta fazer suas tarefas diárias, sabendo que Eddie Redmayne está filmando lá embaixo. Eles passam na pontinha dos pés, sussurrando, e eu ouço algumas frases: ‘Aquele que ganhou o Oscar por aquele filme do Stephen Hawking… Sim, o novinho com sardas… Alguma coisa de Harry Potter, eu acho… Ele é muito gato… Oh, definitivamente bruxos…’

Eddie, enquanto isso, está quieto. Ele dá uma andada entre as tomadas, distribui pequenos sorrisos para todos, senta na sua cadeira de tecido preta e vai para a sala verde para um pouco de conforto de vez em quando. Ele coloca a jaqueta momentos antes de entrar na frente da câmera, e tira de novo gentilmente quando sai. Ele e Katherine sussurram um para o outro, talvez sejam suas falas, talvez estejam contando segredos, quem sabe?

Tem algo tão certo sobre Eddie e Katherine. Eles são absolutamente perfeitos para esse filme, e eu mal posso esperar para que você veja a cena que eles filmaram hoje. É uma dramática. Teve uma enorme quantidade de corridas…