Animais Fantásticos e Onde Habitam ︎◆ Filmes e peças

David Heyman responde à crítica quanto à diversidade étnica em “Animais Fantásticos”

A próxima revista da Entertainment Weekly, que chega às bancas estrangeiras nesta semana, além de divulgar fotos, informações sobre o enredo e personagens, também trouxe à tona uma antiga discussão levantada no Twitter por uma fã: a (falta) de diversidade étnica no elenco do filme “Animais Fantásticos e Onde Habitam”.

Na época, J.K. Rowling, que assina o roteiro do longa-metragem, rebateu a informação dizendo que nem todos os personagens eram brancos, mas agora o produtor de longa data dos filmes, David Heyman, discutiu de forma mais ampla o assunto com a EW.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

“Como todos os trabalhos de Jo Rowling, [Animais Fantásticos] é populado por uma variedade de pessoas e isso acontecerá da mesma forma nesta série ao longo dos filmes. Haverá pessoas de vários tipos de etnias. Em Nova Iorque, na década de 1920, existia uma segregação entre brancos e negros, a vizinhança era largamente separada e isso é refletido [no filme]. Mas o Mundo Mágico é uma sociedade muito mais aberta e tolerante, onde pessoas de cores e etnias diferentes convivem juntos de forma harmônica. Existem pessoas de cor nesse mundo de uma maneira natural.”

Traduzido por: Pedro Marins.
Revisado por: Marina Anderi.

Vale ressaltar que “Animais Fantásticos” é, na verdade, uma história de aceitação, como relata a revista. Neste filme, haverá um grupo que clama por uma segunda Salém, com o objetivo de expor e destruir bruxos e bruxas.

“Animais Fantásticos e Onde Habitam” estreia nos cinemas brasileiros em 17 de novembro de 2016 com a direção de David Yates e roteiro original de J.K. Rowling.

A EW ainda promete trazer mais conteúdo sobre o filme, inclusive entrevistas. Fiquem ligados no Potterish para mais informações!