Animais Fantásticos e Onde Habitam ︎◆ Filmes e peças

Colin Farrell comenta sobre sua participação em “Animais Fantásticos”

Enquanto promovia o seu mais novo filme, “The Lobster”, o ator irlandês Colin Farrell (“O Vingador do Futuro”) comentou pela primeira vez, após ter sido escalado para o elenco, sobre o seu trabalho em “Animais Fantásticos e Onde Habitam”.

O vídeo publicado no canal World News pode ser assistido na íntegra logo abaixo junto com a tradução da parte em que o ator fala sobre “Animais Fantásticos”. A tradução na íntegra feita pela nossa equipe pode ser lida no modo notícia completa.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

“Estou trabalhando um pouco nisso, sim, trabalhando um pouco em um spin-off. Estou filmando agora em Londres, tem sido divertido. É lindo, um mundo enorme, sabe?”, ele disse.

Farrell interpretará o personagem Graves, um bruxo  que o magizoologista Newt Scamander (Eddie Redmayne) conhece em sua viagem a Nova Iorque.

“Animais Fantásticos e Onde Habitam”, com roteiro original escrito por J.K. Rowling, dirigido por David Yates e produzido por David Heyman, chega aos cinemas brasileiros no dia 17 de novembro de 2016. Fiquem ligados no Potterish para mais novidades!

ANIMAIS FANTÁSTICOS E ONDE HABITAM
Colin Farrel fala sobre “The Lobster” e “Animais Fantásitcos”

World News
Transcrito por: Kätrin Baumgarten.
Revisado por: Aline Michel.
Entrevistadora [EN]: Você está gostando de estar em casa, reencontrando os amigos e a família?

– Colin Farrell [CF]: É, somos todos os amigos aqui, amigos próximos. É ótimo, mas é rápido, apenas uma semana. É uma visita passageira, mas é ótimo, muitas xícaras de chá e alguns Doner Kebabs, saindo.

– EN: Isso é ótimo. Por que você não nos conta um pouco sobre o seu papel no Lobster

– CF: Eu adorei o roteiro. Era incrivelmente diferente, como nada que eu já tivesse lido antes e o universo todo que foi projetado, as convenções desse universo e quão impecavelmente foi construído. Eu tinha visto o trabalho de Yorgos antes, eu havia visto Dogtooth antes de ler o roteiro de Lobster e eu aproveitei a oportunidade. Era simplesmente algo que eu nunca tinha lido antes. De tempos em tempos você lê um material de um escritor que é tão único que faz um grande barulho em sua entrada ao mundo. É a mesma coisa com a escrita de Mark McDonald, mesmo que seus estilos de escrita sejam diferentes, eles têm uma singularidade de voz, entende?.

EN: Foi bom filmar em Kerry?

– CF: Sim, foi incrível. Eu adoro o oeste da Irlanda, me sinto muito confortável lá. Desde os tempos de Falling For A Dancer, de volta à velha Península de Beara.

– EN: Fantástico, e obviamente maio foi um mês bem agitado na sua campanha para direitos iguais de casamento. Você ficou encantado?

– CF: Sim, eu fiquei encantado e aliviado. Acho que foi um bom ponto de partida para as próximas gerações, jovens adolescentes também. Acho que é um chamado honesto para a importância da compaixão numa sociedade que sonha em ser tão civil com relação a como tratamos uns aos outros quanto o possível, então acho que foi brilhante.

– EN: E você estará lá ano que vem ao lado do seu irmão? Ele vai casar ano que vem.

– CF: Ele vai se casar, sim. Se eu conseguir um convite, é claro, sim.

– EN: E você trabalhará em Harry Potter em seguida?

– CF: Estou trabalhando um pouco nisso, sim, trabalhando um pouco em um spin off

– EN: Está ansioso?

– CF: Eu estou filmando agora em Londres, tem sido divertido. É lindo, um mundo enorme, sabe?

– EN: É verdade que vão fazer um filme sobre o time irlandês de futebol?

– CF: Espero que sim, em tempo. O roteiro é lindo e Frank Carter Royce escreveu um roteiro extraordinário. Ainda temos que achar alguém que se encaixe como diretor, mas eu acho, eu não seu exatamente onde vamos filmar, mas alguma parte será aqui.