Artigos

O que faz de Rabicho um grifinório?

O Chapéu Seletor costuma selecionar os alunos para as quatro casas de Hogwarts com base em determinados critérios. Para a Grifinória, que é decerto a casa mais amada pelos fãs, costumam ir os estudantes “corajosos” e “destemidos”.

Ao mesmo tempo, o detestável Pedro Pettigrew costuma ser lembrado pela covardia que condicionava seus atos. Você já se perguntou, portanto, o que levou o sábio Chapéu Seletor de Hogwarts a colocá-lo na Grifinória, ao lado de Tiago Potter, Sirius Black e Remo Lupin? Confira a análise da nossa nova colunista Laura Zacca e dê a sua opinião!

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

“Todos sabemos que o Chapéu Seletor jamais erra ao escolher qual casa de Hogwarts um aluno deverá ficar. Ele próprio, durante a seleção de casas do quarto ano de Harry na escola de magia, afirma em sua canção: ‘Até hoje ainda não me enganei’. Ora, se até hoje ele ainda não se enganou, o que o fez selecionar Pedro Pettigrew, provavelmente o personagem mais covarde criado por J.K. Rowling, para a casa dos corajosos, a casa de Godric Gryffindor? “

Por Laura Zacca

Todos sabemos que o Chapéu Seletor jamais erra ao escolher em qual casa de Hogwarts um aluno deverá ficar. Ele próprio, durante a seleção de casas do quarto ano de Harry na escola de magia, afirma em sua canção: “Até hoje ainda não me enganei” (O Cálice de Fogo, p.133). Ora, se até hoje ele ainda não se enganou, o que o fez selecionar Pedro Pettigrew, provavelmente o personagem mais covarde criado por J.K. Rowling, para a casa dos corajosos, a casa de Godric Gryffindor?

Quais, segundo o Chapéu Seletor, são as características dos alunos da Casa Grifinória? Vamos analisar os trechos das canções do Chapéu Seletor retirados dos livros, Harry Potter e a Pedra Filosofal, Harry Potter e o Cálice de Fogo e Harry Potter e a Ordem da Fênix:

“Quem sabe sua morada é a Grifinória,
Casa onde habitam os corações indômitos.
Ousadia e sangue-frio e nobreza
Destacam os alunos da Grifinória dos demais”.
(A Pedra Filosofal, p.89)

“Para Gryffindor, os valentes eram
Prezados acima de todo o resto.”
(O Cálice de Fogo, p.133)

“Disse Gryffindor: “Ensinaremos os
De nomes ilustres por grandes feitos”
(…)
Enquanto os mais corajosos e ousados
Foram para o destemido Gryffindor”.
(A Ordem da Fênix, p.169)


Pelas citações acima pode-se asseverar que as qualidades definidoras de verdadeiro grifinório são a coragem, o sangue-frio, a ousadia e a nobreza.

Agora analisaremos o perfil de Pedro Pettigrew. Todos sabemos que Pedro durante seus anos de escola pertencia ao grupo de amigos de Tiago Potter – James Potter na versão inglesa, pai do protagonista. O grupo em questão se auto intitulava “Os Marotos”, e como tal, foram os criadores do Mapa do Maroto – um mapa mágico da Escola de Magia e Bruxaria de Hogwarts, que exibe todos os corredores e passagens secretas e o local exato das pessoas dentro da escola e arredores de Hogsmeade. Na abertura do mapa após tocar de leve o pergaminho com a ponta da varinha e falar a tão famosa frase: “Juro solenemente que não pretendo fazer nada de bom”, aparecem os dizeres: “Os Srs. Aluado, Rabicho, Almofadinhas e Pontas, fornecedores de recursos para bruxos malfeitores, têm a honra de apresentar O MAPA DO MAROTO”, (O Prisioneiro de Azkaban, p.145).

Como um animago que se transformava em rato, Pettigrew era apelidado por seus amigos – Tiago Potter, Sirius Black e Remo Lupin – de Rabicho, nome pelo qual a maioria dos fãs o reconhece. Durante seus anos escolares Pedro é retratado como um garoto gordinho que sempre andava atrás de Tiago e Sirius. Como afirmou o próprio Sirius Black em uma passagem de Harry Potter e o Prisioneiro de Azkaban quando fica cara a cara com seu antigo colega e nos mostra a principal característica de Rabicho, a covardia: “Você sempre gostou de amigos grandalhões que o protegessem, não é mesmo? Você costumava nos acompanhar… a mim e ao Remo… e ao Tiago”. (O Prisioneiro de Azkaban, p.272). A coragem, portanto, não é uma qualidade sua.

Alguns anos após o seu período em Hogwarts, Pedro Pettigrew assim como os outros Marotos entrou para a Ordem da Fênix – uma organização fundada por Alvo Dumbledore para combater Lord Vordemort e seus seguidores, os Comensais da Morte. O que poucos sabiam é que Rabicho era um espião de Voldemort e passava informações valiosíssimas para o mesmo. “– Ele estava assumindo o poder em toda parte! – exclamou Pettigrew. – Que é que eu tinha a perder recusando o que me pedia?” (O Prisioneiro de Azkaban, p.276). O que vale dizer que a nobreza também não era seu ponto forte.

Vamos, a outra característica de um grifinório, a ousadia. O que seria então a ousadia? Segundo o minidicionário Aurélio, uma pessoa ousada seria aquela “que não teme; intrépido; corajoso”. Como avaliado Pedro não se encaixa na descrição acima, no entanto, esse mesmo dicionário nos dá uma outra alternativa, no qual, retrata essa qualidade como pertencente a uma pessoa “que não respeita a decência”. Como sabemos Pettigrew foi o grande responsável pela morte dos Potter ao contar a Lord Voldemort sobre o paradeiro da família. A decência é claro parece não pertencer ao seu perfil, e nos mostram sua face ousada através da traição cometida contra seus próprios amigos – aqueles que, segundo Sirius, teriam morrido para protegê-lo.

O sangue-frio, outra característica da Casa Grifinória, também se encaixa aqui: “– Harry, esse verme é a razão por que você não tem pais – rosnou Black. – Esse covardão teria olhado você morrer, sem levantar um dedo. Você ouviu o que ele disse. Dava mais valor à pele nojenta do que a toda sua família”. O que nos revela uma grande frieza por parte de Pedro Pettigrew.

Assim sendo, pode-se afirmar que apesar de não possuir a principal qualidade da morada dos “corações indômitos”, Pedro revelou-se uma pessoa ousada e de sangue-frio, outras duas características da casa de Godric Gryffindor. O Chapéu Seletor, portanto, apesar da constante ênfase na coragem e nobreza dos alunos dessa casa, não errou ao colocar Rabicho na Grifinória.

Conversando sobre essa análise, a Laura concordou comigo: o Chapéu Seletor deveria ter expulsado o Rabicho de Hogwarts, na verdade.