Entrevistas ︎◆ Eventos ︎◆ JK Rowling ︎◆ JKRowling.com ︎◆ Livros

J.K. Rowling discute sobre sua experiência como Robert Galbraith e sua inspiração para escrever personagens masculinos

No dia 9 de Fevereiro, J.K. Rowling marcou presença no “Sheldonian Theatre”, em Oxford, para uma conversa em honra do 700º aniversário da Universidade Exeter. O “The Evening Standard reportou que, durante a conversa, Rowling conversou sobre escrever sob o pseudônimo Robert Galbraith para o livro “O Chamado do Cuco”: ela sentiu-se grata pelo livro ter sido rejeitado no início.

“Vocês nunca deveriam saber que era minha estrepitante caneta. Foi divertido, desde a primeira carta de rejeição. Vocês não fazem ideia.”

J.K. Rowling também falou sobre escrever personagens masculinos e como se inspirou para fazê-lo:

Há uma fala em “Melhor É Impossível” [1997 com Jack Nicholson] onde uma mulher pergunta como ele escreve personagens femininas tão maravilhosas, e ele diz, e estou parafraseando, ‘Penso em um homem, e tiro a lógica’, ou algo do tipo. Isso me fez rir, por mais misógino que seja, pois, quando escrevo um homem, eu tiro certas coisas e liberto partes de mim que não seriam aceitáveis. Para ser honesta, acho que sou bem masculina – ao menos é o que me dizem, e gosto de escrever [sobre] ambos.

Jo comentou, muito brevemente, acerca de suas recentes observações em uma entrevista com Emma Watson para a revista Wonderland, onde ela discute sobre o relacionamento dos personagens da série e declarou: “Harry amava Gina.”