Artigos

As delícias da gastronomia mágica

Eis que vem chegando o Natal, e depois da confraternização, da reunião com familiares e da troca de presentes, o item mais lembrado é justamente a comida. Nada como saborear um peru de Natal, as farofas mais diferentes, o tender, rabanadas, e toda a sorte dos mais deliciosos itens culinários feitos justamente para a ocasião.

Recordando sua paixão pela comida na coluna de hoje, Gabriela Lutfi usa este espaço para nos deixar com muita fome neste domingo. Leia e registe seu comentário ao final desta coluna particularmente deliciosa!

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Por Gabriela Lutfi

Eu amo comida. Não é algo tipo “eu gosto de comer”, eu tenho uma paixão avassaladora por comida. Eu adoro cozinhar, eu tenho pilhas e pilhas de livros de gastronomia, eu até mesmo sonho com comida!

Por isso, muitas das minhas cenas favoritas de Harry Potter são quando eles estão no salão comunal e Rony sempre está enfiando algo na boca.

A gastronomia dos bruxos não é muito diferente da nossa, especialmente com relação ao salão comunal. Tirando que a comida magicamente aparece e também deve ser mil vezes mais deliciosa que a nossa, nós conseguimos observar que a alimentação deles é relativamente normal. Nas descrições dos livros e nas cenas dos filmes, podemos ver que eles comem bastante carne, caçarolas, verduras, tortas, sanduíches, marshmallows etc. A única coisa estranha que eu realmente notei no salão comunal foi o suco de abóbora (que é um hit pra eles, mas eu nunca experimentei!).

Agora vamos para a parte que realmente importa: as comidas exóticas. Onde mais podemos observar a variedade anormal de comida é na primeira viagem de Harry no trem com destino à Hogwarts, quando uma moça passa com o carrinho servindo comida. Eu imagino que deve ter sido o choque de Harry frente a tantas coisas diferentes que causou uma descrição detalhada que foi quase o suficiente para sanar minha curiosidade gastronômica.

Em primeiro lugar, o meu favorito: feijõezinhos de todos os sabores. Gente, olha que coisa sensacional! Quem pensa nisso? Os feijões são meio que jujubas e possuem vários sabores exóticos. Nem todos são ruins, existem sabores normais como chocolate e menta. Daí vem alguns estranhos mas que ainda são comíveis, tipo espinafre e fígado. E depois disso começa a ficar interessante! Tem sabores horríveis como meia suja (ew), cera de ouvido e papel! Certa vez, uma amiga viajou para os Estados Unidos e trouxe de volta uma caixa dos feijõezinhos. Curiosa, eu peguei um e cometi o grande erro de experimentar sem ver qual era o sabor. Eu tenho certeza que deveria ser vômito, porque não tinha gosto pior do que aquele! Infelizmente, nunca descobri o sabor real do feijão (eu não vi que cor ele era!) e fiquei eternamente traumatizada.

Além desses, existe o eterno favorito: sapo de chocolate. É um sapo. De chocolate! É quase uma tortuguita, a diferença é que este é 3D e se mexe! Quem liga pra figurinha? Eu queria mesmo era o chocolate. A propósito, se eu comesse um, ia começar comendo pelo mesmo jeito que eu começo comendo uma tortuguita: pela cabeça!

Também tem o bolo de caldeirão. Esse não me lembro de ter visto no filme, mas imagino que seja um cupcake em forma de caldeirão com alguma cobertura de cor vibrante! Muita gente adora fazer cupcakes assim para festas temáticas de Harry Potter!

Agora a coisa mais famosa que todo mundo adora copiar é a cerveja amanteigada. Nos livros é confirmado que nela contém álcool (não
muito, apenas o suficiente para embebedar um elfo doméstico. Ou seria psicológico?), mas muitas receitam por aí fazem ela sem álcool e sem manteiga! Qual é a verdadeira eu não sei, mas a que é servida no parque do Harry Potter leva manteiga e água com gás saborizada!

Por fim, para os mais maníacos por comida (assim como eu), existe um guia não oficial de receitas culinárias de Harry Potter! (é justo falar que existe um de Jogos Vorazes também?)

O livro foi escrito por Dinah Bucholz, uma maníaca por comida e livros assim como muitos de nós, e contém receitas maravilhosas que vão desde sorvete de limão (que os Dursley compram para Harry na visita ao zoológico), Bouillabaisse (a comida francesa servida para as alunas de Beauxbatons) até Marshmallows caseiros! Infelizmente, o livro não tem a receita da cerveja amanteigada, mas esta você consegue achar aos quilos na internet!

Nossa, todo esse papo de comida me deu fome. Acho que vou lá tentar fazer um sapo de chocolate!

Vou contar um segredo: Gabriela Lutfi aprecia muito a sopa de cebola da Sra. Weasley.