Animais Fantásticos e Onde Habitam ︎◆ Filmes e peças

David Heyman produzirá “Animais Fantásticos”, e comenta sugestões para o papel de Newt Scamander

Pouco depois que foi feito o anúncio de que “Animais Fantásticos e Onde Habitam” ganharia uma adaptação pela Warner Bros., com roteiro de J.K. Rowling, surgiram na internet os primeiros rumores de que David Heyman, produtor dos oito filmes da antiga série bruxa, também produziria este novo projeto.

Embora, em uma entrevista ao site Hypable, onde fez seus primeiros comentários sobre a nova adaptação e foi questionado sobre os rumores, o cineasta tenha se negado a responder se produziria o filme.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Apesar disso, afirmou que a mais nova adaptação cinematográfica do mundo de Jo certamente seria grandiosa e que estava animado para com esta:

Como um fã, como um cineasta, eu estou realmente… realmente… realmente animado. Ela é uma grande contadora de histórias, e eu tenho certeza que isto será algo realmente espetacular. Ela não faria o contrário… está fazendo isso porque precisa fazê-lo, porque tem uma história a contar. Será muito bom, eu garanto a você.

Mas na estreia de “Gravidade”, novo filme de Alfonso Cuarón e produzido por Heyman, o repórter Josh Horowitz, da MTV, fez a mesma pergunta, e recebeu uma confirmação como resposta, que foi logo divulgada em seu Twitter.

Após este breve comentário na estreia, ele deu, no mesmo lugar, uma entrevista à revista estadunidense Entertainment Weekly, na qual falou mais abertamente sobre a adaptação e sua participação nesta.

Ela não tem que voltar a este mundo, mas algo a puxou de volta. Isto não é ‘Harry Potter’. Isto não é Harry, Rony, e Hermione. Isto é uma história separada dentro de um universo relacionado ao universo de Potter.

Questionado sobre o roteiro, o produtor disse que este não estava concluído, e que Jo estava trabalhando nele; e sobre as criaturas que apareceriam no longa-metragem disse apenas que as telas acompanhariam “Newt em suas aventuras”.

Já em outra entrevista, desta vez à revista nova-iorquina Vulture, realizada também na estreia de “Gravidade”, Heyman recebeu perguntas e comentou algumas sugestões para o elenco, mais especificamente para o papel de Newt Scamander.

As sugestões foram escolhidas com base nos maiores rumores e expectativas dos fãs, apesar de ele dizer, logo no início, sobre o processo de seleção, que “honestamente, nós não começamos, porque Rowling tem que escrever o roteiro, mas é divertido começar a pensar sobre isso”.

As primeiras perguntas foram voltadas às possibilidades de Hogwarts reaparecer nas telas, junto, inclusive, de personagens conhecidos, como Dumbledore, mesmo que em tempos distantes à antiga série, sobre as quais Haymen revelou interesse:

Hogwarts – nós veremos um retorno à escola, talvez vendo Newt ali por várias razões, como consultando ou conversando sobre reformas escolares ou relações com o diretor da época, como Fineus Black?” Ao que o produtor respondeu: “Sim, ele estaria.

Esta revelação deixou à entrevistadora o pensamento da possibilidade de uma aparição de Dumbledore:

Dumbledore fará uma aparição?” Recebendo a resposta de que: “Ele poderia continuar sendo Michael Gambon, [mesmo que Dumbledore estivesse mais jovem]. Mas eu gostei. Em um piscar de olhos se torna uma boa ideia.

No início da sessão de sugestões de elenco, Heyman deixou claro que as possibilidades estavam abertas, e comentou cada proposta de atores que poderiam interpretar o autor fictício, como publicado pela revista:

  • Dev Patel (“Ele é realmente um bom ator”, Heyman concordou).
  • Thomas Brodie-Sangster, apesar do fato de ele estar interpretando outro personagem nomeado de Newt em “The Maze Runner” (“Eu o conheço. Ele é excelente”).
  • Jack Gleeson, que disse querer ir para o meio acadêmico após seu reinado como o Rei Joffrey em “Game of Thrones” terminar, mas que poderia ser convencido a interpretar um acadêmico, em vez disso (“Quantos anos ele tem?”, Heyman perguntou. “Newt é um pouquinho mais velho”).
  • Bret McKenzie, que é muito velho mais velho, mas que poderia interpretar um personagem mais jovem (“Ele é realmente bom”).
  • E, caso eles quisessem escolher de dentro do outro elenco, Harry Melling, que originalmente interpretou Duda Dursley, mas que emagreceu consideravelmente a partir de quando foi crescendo, motivo este pelo qual estava vestindo uma camada de gordura em “Relíquias da Morte” (“Ele é realmente um bom ator, e eu amo seu trabalho, mas essa sugestão seria um pouco mais difícil porque ele foi Duda”).

Perto do fim da entrevista, Cuarón passou perto da entrevistadora, cuja mente foi semeada pela possibilidade do diretor participar deste novo projeto, reforçada por ter ele mostrado nas telas os hipogrifos, em “Harry Potter e o Prisioneiro de Azkaban”, criaturas estas que eram cuidadas pela mãe de Newt.

Em resposta à pergunta, Heyman disse: “eu amo Alfonso, e eu faria o trabalho com ele. Quando me chamaram para envolver-me em ‘Gravity”, disse sim antes de ler o roteiro. Ele é um dos melhores” – mas, assim como grande parte das questões relacionadas ao novo projeto, era muito cedo para dizer.