J. K. Rowling

Rowling doa £10 milhões à Universidade de Edimburgo

Foi divulgado recentemente que J.K. Rowling fez uma nova ação de caridade, e, desta vez, a autora doou £ 10 milhões, cerca de R$33 milhões de reais, à Universidade de Edimburgo para ajudá-los a alcançar seu objetivo de arrecadação de fundos de £350 milhões, aproximadamente R$1 bilhão de real.

A doação financiará uma clínica para esclerose múltipla e outras doenças neurodegenerativas; já a campanha de arrecadação da universidade está, de acordo com Kirsty MacDonald, diretor de desenvolvimento, bancando projetos que tem o potencial de mudar a vida das pessoas.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

E esta não é a primeira vez que Jo faz uma doação a algum órgão da cidade escocesa onde vive, pois, há dois anos, Jo doou £10 milhões para a instituição de esclerose múltipla de Edimburgo para o custeamento de uma nova clínica, que fora nomeada, em homenagem à mãe de Rowling, de Anne Rowling Regenerative Neurology.

Essa dádiva dada em 2010 rendeu à escritora o prêmio Benfeitores da Universidade de Edimburgo, que fora entregue em um evento realizado um ano após a doação pela princesa Anne, filha da rainha Elizabeth II.

Os donativos da autora a centros que buscam uma cura eficaz para a esclerose múltipla e dão suporte às vítimas da doença começaram há vários anos, devido ao fato de que sua mãe, Anne Rowling, morreu de complicações recorrentes desse problema, aos 45 anos de idade, fazendo com que Jo, na época com 25, se envolvesse mais em assuntos relacionados a esse mal.