Artigos

Vassouras e lareiras

A literatura de bruxaria é tão rica e extensa, que às vezes esquecemos de questionar algumas coisas. Por que bruxas voam com vassouras e não outro objeto? De onde vieram esses símbolos?

Orlando Louzada responde essas questões e coloca até o Papai Noel no meio! Leia a coluna deste domingo no Potterish e deixe seu comentário!

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

por Orlando Louzada

Todos nós sabemos que são as perguntas que direcionam a reflexão humana, e não as respostas. Tudo bem, deixemos a filosofia de lado e passemos para o importante… Você, certamente, em algum momento de sua vida já parou pra se perguntar se aquela idosa figura natalina, vestida de vermelho, difundida pelo mundo nos anos 1920, como a campanha publicitária de um famoso refrigerante de cor preta, realmente existia. Bom, no meu caso, eu tive um irmão mais velho que gostava de cortar o meu barato, o que não me fez parar para pensar na existência de tal bondoso velhinho. Talvez você tenha tido algum irmão de Neandertal como eu. Tudo bem… Vejamos outra pergunta clássica. Que tal “por que as coisas caem para baixo?” ou “de onde vêm os bebês?”, ou ainda “por que a lua é feita de queijo?”? Ok, ok… Esqueça essa última, eu me empolguei… Mas ultimamente uma pergunta tem rondado pela minha cabeça: “Por que cargas d’água as bruxas voam em vassouras?”

Provavelmente seu professor de história já falou em um período em que uma instituição religiosa poderosa, na época, queimava as pessoas vivas, que eram acusadas de bruxaria, em fogueiras feitas em locais públicos para que todos vissem o que era feito com quem fosse acusado de tal heresia. Tinha de tudo na fogueira: mulheres que traiam os maridos, pessoas com marcas de nascença em algum lugar do corpo, velhas que eram pegas depositando substancias suspeitas em seus caldeirões, enfim. Foi nessa época que surgiram os primeiros rumores de que as supostas bruxas, supostamente voavam em supostas vassouras. Mas por que vassouras?!

Segundo Kennilworthy Whisp, famoso escritor do mundo bruxo, autor de, entre outros livros, “Quadribol através dos séculos”, as bruxas voam em vassouras porque os tais objetos passariam despercebidos aos olhos trouxas, na casa de um bruxo. Todos sabem que alguns bruxos moram em comunidades trouxas, o que levantaria muitas suspeitas se o seu vizinho chegasse em casa montado em um dragão, ou em um testrálio. Já uma vassoura não levanta nenhuma suspeita; é pequena, imóvel, não necessita de combustível. Essa é a explicação bruxa para a pergunta, mas os trouxas que estudam o que já aconteceu a milhões de anos (coisas que não me interessam nem um pouquinho) que são chamados de “historiadores”, dizem que é só uma associação à flor que tem o formato de uma vassoura, abundante na Europa no período das fogueiras, que teria poderes mágicos de levitação. Mas nós sabemos que esses tais “historiadores” não estão com nada, porque quem desvendou o mistério foi Whisp!

Por falar em voar, me ocorreu outra pergunta… Se fosse possível existir uma pessoa idosa que morasse numa casa, situada em nada menos do que o polo norte, com duendes que, escravisticamente, fabricam brinquedos, como é que tal pessoa percorreria o mundo inteiro distribuindo esses presentes em uma só noite, e ainda tendo que descer por uma chaminé? Espero que os historiadores não tentem resolver esse mistério, porque a minha solução parece ser a mais correta… É obvio que esse velhinho é um grifinório, o que explica as roupas vermelhas, que mora no polo norte, com um feitiço de aquecimento, claro, junto com muitos seres pequenos escravizados. Ora essa, elfos domésticos, é claro! E creio que ele não “desça” pela chaminé até a lareira, e sim, “apareça” na lareira, no meio de chamas verdes do pó-de-flu. Aparatar em muitos lugares deve ser muito cansativo, e ele ainda é velho, poderia perder uma parte importante do corpo, por isso usa pó-de-flu. Bem, agora eu acredito que ele exista mesmo, meu irmão não fez um bom trabalho quando eu tinha quatro anos!

E agora você sabe por que as bruxas são associadas às vassouras e porque o Papai Noel é associado à lareira. Espero sinceramente que você possa crescer feliz agora…

Orlando Louzada leu todos os livros de Batilda Bagshot.