Livros

Livros digitais de Harry Potter estarão disponíveis para Kindle

A Amazon anunciou recentemente que os e-books da série Harry Potter estarão disponíveis, a partir de 19 de junho, para Kindle, o leitor de livros digitais desenvolvido pela subsidiária da empresa.

Os sete livros de J.K. Rowling são a mais nova aquisição da biblioteca do Kindle, que permite aos usuários que possuem conta da Amazon Prime pegar títulos emprestados. O CEO e fundador da Amazon, Jeff Bezos, falou num comunicado à imprensa:

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

“Estamos absolutamente encantados por ter alcançado este acordo com o Pottermore. Este é o tipo de investimento significativo no ecossistema ‘Kindle’ que vamos continuar a fazer em nome dos proprietários do Kindle. Mais de um ano tomando emprestado os livros de Harry Potter, além de um punhado de títulos adicionais, vale mais do que o custo de US$ 79 do primeiro livro ou até mesmo de um Kindle. A biblioteca Kindle também tem um recurso inovador que é de grande benefício para títulos populares como Harry Potter – oferta ilimitada de cada título – que é você nunca ter que ficar em uma lista de espera para adquirir.”

A biblioteca do Kindle agora possui mais de 145.000 livros para se pegar emprestado de graça, incluindo mais de 100 atuais e ex-bestsellers do NY Times. Numa biblioteca tradicional, compra-se um certo número de cópias de e-books de um determinado título. Se todos eles estiverem emprestados, os leitores entram na fila de espera. Para títulos populares como Harry Potter, a espera às vezes pode levar meses. Na biblioteca da Kindle, não há datas de vencimento, os livros podem ser emprestados para o usuário uma vez por mês, e não há limites de quantas pessoas podem, simultaneamente, pedir o mesmo título, fazendo com que os leitores nunca tenham que esperar na fila o livro que quiser.

Assim como qualquer outro livro no Kindle, suas notas, destaques e marcações em livros emprestados serão salvos, assim você vai tê-los mais tarde, caso compre ou pegue emprestado novamente. Os livros emprestados de um dispositivo Kindle permitem que os clientes tenham um livro em seu poder, por vez. Quando o usuário quiserem pedir um novo livro, qualquer um pode facilmente devolver de seu dispositivo.

Segundo a Veja, essa notícia coincidiu com a palestra de Pedro Huerta, o homem do Kindle na América Latina, no 3º Congresso Internacional do Livro Digital, que se encerrou no dia 10, em São Paulo. Ele se queixou com humor da dificuldade que é negociar com os ressabiados editores brasileiros, mostrando o porquê do Brasil está atrasado no mercado dos e-books.

A série Harry Potter estará disponível primeiramente nos idiomas inglês, francês, italiano, alemão e espanhol. Continuem ligados no Ish!