A Pedra Filosofal

Steven Spielberg fala sobre Harry Potter e sua saída do projeto

O renomado diretor Steven Spielberg, um cineasta e empresário norte-americano, recusou dirigir o primeiro longa da saga Harry Potter. Spielberg conta que passou quase metade de um ano trabalhando no primeiro filme da saga “Harry Potter e a Pedra Filosofal”, mas optou por sair no meio da produção no início da série.

“Me ofereceram Harry Potter. Desenvolvi-o por cerca de cinco ou seis meses com o Steve Kloves, e depois eu saí.” Conta Steven Spielberg.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

De acordo com agência de notícias, o cineasta acreditava não estar pronto para dirigir um filme para crianças e ficou inseguro em aceitar o projeto.

“Eu senti que não estava pronto para fazer um filme totalmente infantil e meus filhos acharam que eu estava maluco. Na época, os livros já eram populares e eu sabia que o filme seria um fenômeno.” Acrescentou.

Spielberg queria tornar a adaptação para um filme de animação, contando com a voz do ator Haley Osment que forneceria a voz do Harry Potter. Também afirmou que não haveria qualquer expectativa de lucro em fazer o filme.

“Eu não faço filmes pensando que eles serão famosos. Faço filmes que me comovem de alguma forma porque eu vou me dedicar a eles por um, dois ou três anos de trabalho.”

E então hoje em dia devemos nos perguntar como seria uma série animada de Harry Potter. Será que teria o mesmo sucesso dos filmes? Isto, nunca poderemos responder.