Filmes e peças ︎◆ Parte 1

Tom Felton em entrevista a Da Man Magazine

O ator Tom Felton, intérprete de Draco Malfoy, concedeu entrevista a revista Da Man Magazine discutindo o final da série Potter e divulgando seu novo trabalho no filme Rise of the Planet of the Apes, lançado hoje nos EUA.

Ao longo da entrevista, também disponível em áudio, Tom falou sobre seus projetos e especulações acerca de sua carreira. Quando questionado quanto as suas inspirações no campo da atuação, respondeu:

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

“Eu acho que Daniel (Radcliffe) tem sido uma grande inspiração pra mim com o passar dos anos. Ele é realmente alguém que não dá as coisas como certas e ninguém põe mais esforço em fazer os filmes que ele […] Me sinto muito sortudo por ter passado tanto tempo com ele também.”

Confira a entrevista traduzida em notícia completa. Continue ligado no Ish!

TOM FELTON EM ENTREVISTA A DAN MAN MAGAZINE
Tom Felton comenta seu trabalho na série e divulga novo filme
05 de julho de 2011
Tradução: Mariana Ellery

Nos diga o que tem acontecido na sua vida após o lançamento do último Harry Potter. Nós sabemos que você tem voado para muitos lugares provomendo o filme.
Tom Felton: É, nós o promovemos em Londres e Nova Iorque, o que foi ótimo; Nova Iorque sempre foi um ótimo lugar para a estreia, então curtimos isso. E depois voamos para o Rio de Janeiro, o que foi a minha primeira vez no Brasil. Eu tive momentos muitos bons lá. Os fãs foram muito entusiasmados e a cidade do Rio é uma das mais bonitas que eu já estive. Então sim, eu realmente curti isso, completamente.

Como você se sente agora que Harry Potter finalmente acabou após uma década?
Tom Felton: É meio que uma sensação estranha agora que isso finalmente chegou a um final. É meio o que você tem aguardado pelos últimos cinco ou seis anos (desde que o último livro foi publicado), eu acho. É muito estranho. Mas em geral nós estavamos bem empolgados e felizes, e a questão sobre esse último filme é que é um ótimo final para a série de filmes. Os fãs aparentam perfeitamente, completamente felizes; essa é a minha principal preocupação. Eu acho que é principalmente emocionante, nós estamos apenas felizes que finalmente chegamos aqui.

E o novo filme que você está, Planeta dos Macacos: A Origem, irá ser lançado em agosto.
Tom Felton: É, bem legal. De volta para para trás. (risos)

Nos fale mais sobre o filme e seu papel nele.
Tom Felton: Esse filme é uma visão diferente e nova da franquia do Planeta dos Macacos. É um prelúdio; ele dá um entendimento de como tudo acontece. É realmente uma espécie de história franca, onde você tem cientistas testando várias experiências em macacos. Tem um macaco em particular (em quem ele testa) que causa alta inteligência; aumenta seu conhecimento muito, muito rápido. Esse macaco – Caesar – está na instalação em que eu trabalho e eu tenho que cuidar de todos os macacos. Mas o meu personagem é um verdadeiro trabalho. Ele faz Draco parecer bem agradável.

Quando e onde o filme foi gravado?
Tom Felton: Eu entrei para gravar aproximadamente duas semanas após terminamos Harry Potter. Foi gravado em Vancouver, Canadá.

O que fez você concordar em fazer o papel?
Tom Felton: Eu não precisei de muita persuasão, pra ser sincero. O roteiro era muito bom; Eu realmente achei ele fantástico. E as pessoas com quem eu estou trabalhando! Eu sou um grande fã de James Franco e Andy Serkis, e Rupert Wyatt foi um diretor muito inspirador. Então, é, não precisei de muito convencimento.

Como foi trabalhar com James Franco, Freida Pinto e Andy Serkis?
Tom Felton: Foi bem desesperador a princípio. Eu nunca havia trabalhado com super estrelas americanas. James foi o primeiro. Ele é um cara muito charmoso, ele é muito inteligente, muito gentil com o seu tempo; eu o entendiei por horas com perguntas. É, ele é bem legal. E Andy Serkis é um dos maiores cavalheiros que eu já conheci na minha vida, acho. Ele é extremamente agradável, e Freida é muito doce também. Eu me sinto muito sortudo de ter um elenco tão gentil e generoso para trabalhar.

Alguma boa memória que você teve ao gravar o filme?
Tom Felton: Eu lembro o primeiro dia da gravação, Rupert (o diretor) disse, ‘É, é ótimo, mas eu quero que você tenha cabelo loiro platinado’ Eu olhei para ele como, “Ah, você está brincando comigo, cara. Eu acabei de conseguir me livrar do cabelo loiro, como você pode, possivelmente, querer ele de volta?’ Então finalmente eu disse ‘Tá tudo bem. Ok, farei isso’ E depois ele começa a rir; ele só queria que eu respondesse isso. Foi um bom jeito de quebrar o gelo com o diretor. A partir de então eu me senti mais confortável ao filmar com ele.

Quais são os outros projetos que você tem em mente? Algo que você está filmando ultimamente?
Tom Felton: Nada no momento; nós estamos só promovendo. Mas tem outros dois filmes que nós já filmamos também e eles provavelmente serão lançados próximo ano. Um chamado From the Rough (sem título em português ainda), que é um filme independente que foi filmado em New Orleans no começo do ano, foi muito divertido. O outro é chamado The Apparition (sem título em português, também), com Ashley Greene de Crepúsculo e Sebastian Stan de Capitão América. Foi muito, muito legal filmar e (o filme) é meio que um ficção científica/suspense/terror. O meu personagem é um especialista em experimentos científicos sobrenaturais. Foi um papel muito legal de se fazer e eu estou muito empolgado para ver o filme.

A sua co-estrela de Harry Potter, Daniel Radcliffe, já estrelou no teatro. E sobre você? Tem planos de atuar em uma peça?
Tom Felton: Eu adoraria! Eu vi Daniel a aproximadamente uma semana atrás e eu estava completamente maravilhado. Ele realmente se sobressai. É extraordinário também como em um segundo, você vê Harry Potter e ele some dentro de um minuto; você está só olhando para outra pessoa. Ele está fazendo um ótimo trabalho em se desapegar do seu personagem anterior. Então, é. É, definitivamente, algo que eu gostaria de fazer.

Qual é a melhor e pior parte do showbiz?
Tom Felton: A melhor parte é ser criativo. Eu me sinto muito sortudo por ter a oportunidade de entrar no lugar de outras pessoas. Eu sempre gostei disso; é sempre divertido pra mim. Apreciar seu trabalho é fantástico; é um sonho realizado dizer que você verdadeiramente gosta do seu trabalho. Qual é a pior parte? Eu não sei, realmente. Eu suponho que, toma meu tempo. Eu não fico em casa tanto quanto eu queria, mas eu realmente não sinto que tenha algo para reclamar.

Quem te inspira mais como ator?
Tom Felton: Essa é difícil, de verdade, porque a maioria das vezes uma inspiração é aquele onde você consegue ver um pouco de si mesmo, em outra pessoa. Tem uma pessoa que não tem nada a ver com você, mas você espera ser um pouco como ela. Ao passar dos anos, eu travalhei com diferentes atores. Eu acho Alan Rickman muito inspirador, Jason Isaacs, Ralph Fiennes e muitos outros. Eu acho Daniel (Radcliffe) tem sido uma grande inspiração para mim com o passar dos anos. Ele é realmente uma pessoa que não dá as coisas como certas e ninguém põe mais esforço em fazer os filmes (Harry Potter) que ele, eu honestamente acredito nisso. Eu me sinto muito sortudo por ter passado tanto tempo com ele também.