As Relíquias da Morte ︎◆ Filmes e peças ︎◆ Parte 2

Lembrol: Faltam 21 dias para Relíquias da Morte parte 2!

Tio Válter inchou agouramente. Sua indignação pareceu ultrapassar até o seu medo de um bando de excêntricos.

O senhor está me ameaçando? – disse em voz tão alta que alguns transeuntes chegaram a parar para olhar.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Estou – confirmou Olho-Tonto, que parecia muito satisfeito de que tio Válter tivesse entendido tão rapidamente.

E eu pareço o tipo de homem que se deixa intimidar? – vociferou ele.

Bom… – disse Moody, afastando o chapéu-coco da testa para mostrar o olho mágico que girava sinistramente. Tio Válter saltou para trás horrorizado e colidiu dolorosamente com um carrinho de bagagem. – Eu teria de dizer que sim, Dursley.

Entao, Potter… dê um grito se precisar de nós. Se não soubermos notícias suas três dias seguidos, mandaremos alguém…

Tia Petúnia choramingou lastimavelmente. Não poderia estar mais claro que estava pensando no que os vizinhos diriam se avistassem alguma dessas pessoas entrando pelo seu jardim.

Tchau, então, Potter – disse Moody, segurando com a mão nodosa o ombro de Harry por um momento.

Cuide-se, Harry – disse Lupin em voz baixa. – Mande notícias.

Harry, tiraremos você de lá assim que pudermos – sussurrou a Sra. Weasley, abraçando-o mais uma vez.

Veremos você em breve, cara – disse Rony ansioso, apertando a mão de Harry.

Muito em breve, Harry – disse Hermione, séria. – Prometemos.

Harry sacudiu a cabeça. Por alguma razão não conseguia encontrar palavras para dizer o que significava para ele vê-los ali enfileirados, ao seu lado. Em lugar de falar, sorriu, ergueu a mão num gesto de despedida, virou-se e saiu da estação para a rua ensolarada, com tio Válter, tia Petúnia e Duda andando depressa para acompanhá-lo.

Harry Potter e a Ordem da Fênix
Capítulo Trinta e Oito – Começa a Segunda Guerra, página 702