As Relíquias da Morte ︎◆ Filmes e peças ︎◆ Parte 1

Set Report: The Daily Snitcher.

Continuando a maratona de tradução dos relatos que vêm sendo divulgados, agora você pode conferir o que foi postado no site The Daily Snitcher sobre a visita feita aos Estúdios Leavesden, localizados na Inglaterra e, como noticiamos, onde foi gravada uma boa parte dos filmes potterianos.

No relato você poderá ler algumas informações sobre o casamento de Gui e Fleur e uma breve entrevista com membros do elenco e da equipe técnica:

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Algumas coisas a serem destacadas foram as artes conceituais do casamento de Gui e Fleur mostrando eles dançando e o vestido de Fleur feito de penas brancas e laços pretos, as vestes amarelo-vibrantes de Luna Lovegood e seu pai, os Weasleys, as chamas quando os Comensais atacam.

O designer do set, Stuart Craig, expressou sentimentos parecidos: “Na parte 1, as crianças estão fugindo, em locações muito diferentes, na sua maioria urbanas, em tendas, ameaçadas, e invadem o Ministério disfarçadas.”

Você pode ler o relato na íntegra em notícia completa. Não deixe de conferir e fiquem ligados no Ish.

HARRY POTTER E AS RELÍQUIAS DA MORTE
Relato da visita ao set do filme

The Daily Snitcher
05 de outubro de 2010
Tradução: Juliana Torres

Estúdios Leavesden, localizado a cerca de uma hora de Londres, tem sido um dos maiores lares de filmagem para os filmes de Harry Potter, nos últimos dez anos. O dia e visita ao set foi em março, perto do final das filmagens de Harry Potter e as Relíquias da Morte. Adentrar o hangar do aeroporto que foi transformado num estúdio de Harry Potter foi incrível. Fomos guiados até um cômodo cheio de adereços em proteções de vidro, fotos, fantasias e arte conceitual do último filme, então claro que ficamos todos por ali um tempo já que tinha muito pra ver.

*SPOILER*

Algumas coisas a serem destacadas foram as artes conceituais do casamento de Gui e Fleur mostrando eles dançando e o vestido de Fleur feito de penas brancas e laços pretos, as vestes amarelo-vibrantes de Luna Lovegood e seu pai, os Weasleys, as chamas quando os Comensais atacam. Imagens de Harry, Rony e Hermione aparatando da cena do casamento também estavam lá. Também vimos imagens de Harry segurando o corpo de Dobby, Belatriz com a espada da Grifinória, Hermione e Belatriz, Rony e Hermione, a casa maluca dos Lovegood com sua mobília toda torta, Jorge Weasley com sua orelha machucada, Harry correndo atrás do Patrono, e o escritório rosa de Umbridge no Ministério.

Depois disso fomos para entrevista com alguns membros do elenco e da equipe.

Daniel Radcliffe (Harry Potter) disse: “A primeira parte é uma espécie muito estranha de filme de estrada. As pessoas verão as crianças fora de Hogwarts pela primeira vez, o que é de uma grande importância, na verdade, porque nós começamos a filmar o sétimo na mesma época das premieres do Enigma do Príncipe. Quando eu estava assistindo ao Enigma estava pensando ‘meu Deus, o sétimo filme vai ser muito diferente’. Porque ver esses personagens fora do que se tornou um ambiente tão familiar vai fazer com que as pessoas os vejam de outra maneira. E também, a primeira parte é sobre reunir informações e organizando-as – todas as coisas que precisamos – para ir em direção a batalha final.”

O designer do set, Stuart Craig, expressou sentimentos parecidos: “Na parte 1, as crianças estão fugindo, em locações muito diferentes, na sua maioria urbanas, em tendas, ameaçadas, e invadem o Ministério disfarçadas.”

O diretor David Yates revelou seus pensamentos: “Essas crianças estão na estrada. São muito pequenas nesse mundo gigante. Estão longe de Hogwarts – esse grande, familiar e confortável lençol com o qual elas cresceram. Sentem-se surpreendentemente vulneráveis e frágeis nesse grande mundo trouxa. E eu filmei de um modo que não ficou muito mensurável. Tem mais crueldade nele.”

Ele completou: “o estilo da parte 1 combina com a parte 1 porque, você sabe, nós sempre falamos que esses filmes são levemente sobre crescer. Mas, quando você tira esses personagens do enquadramento de Hogwarts e os coloca nesse mundo perigoso. E eles têm que enterrar seu primeiro corpo, por exemplo, ou – tem um momento no filme em que Harry e Hermione dançam pela primeira vez. Está cheio de tensão sexual porque ambos são adolescentes e estão naquele momento onde Rony os deixou e tem toda essa intimidade entre eles. Então existem todas essas facetas que você encontra por eles serem jovens adultos. E transportando essas facetas para o mundo real é bem divertido e interessante porque a veracidade acaba encaixando.”

O figurinista, Jany Temime, falou diretamente do vestido de casamento de Fleur. Ela decidiu fazer o casamento com ares franceses, usando preto e roxo. “Não um casamento Weasley, que seria de muito mal gosto,” ela disse, “mas sim um casamento francês estiloso.”

Sobre ter um casamento com tema Weasley, ela disse “Um casamento Weasley seria tragicamente ruim. Um francês nos permitiu algo estiloso.”

O vestido de Fleur foi projetado para parecer com o que uma princesa usaria para seu casamento. “No vestido, nós temos duas fênices no formato de um coração, e o vestido tem preto, então não é exatamente um vestido branco, o que não seria bom para um casamento de bruxos,” Jany disse. “Eu queria que parecesse que o vestido pertence a família há 20 gerações, então o laço está todo partido. E queria que o tecido fosse como num sonho. É realmente incrível.”

David Yates falou sobre a maturidade expressa por Dan, Rupert Grint (Rony Weasley) e Emma Watson (Hermione Granger) nas cenas mais sentimentais do filme. “Eles estão mais velhos e a experiência de vida deles os ajudou a interpretar. Então, eu os encorajo a trazer algo disso para suas performances. Então, essas experiências os ajudam com nuances nas performances que talvez eles não tivessem nos filmes 5 e 6.”

“Eu contei pro Dan que ele tem que sincronizar com essa experiência, como a conexão com um rádio… aqui tem um pouco de estática… aqui o som não está muito bom… e aqui você está naquela experiência, sintonize com ela e descubra como é. Isso simplesmente acontece com você; é só isso.”

“Alguns momentos foram muito poderosos nos quais Emma simplesmente se deixou levar e esqueceu que estava atuando… ela se perdia no processo e seus gritos eram horríveis, e você podia senti-los no set.”

David também falou o seguinte sobre a cena de tortura de Belatriz e Hermione. “Emma estava interessada em fazer essa cena. Nós montamos algumas câmeras, e Helena ficou sobre ela. Helena estava escrevendo “sangue ruim” no braço de Emma, então ela estava rasgando sua pele, então nós deixamos aquilo rolar por três ou quatro minutos, e nesse tempo tivemos bons pedaços e não tão bons,” ele disse. “Alguns momentos foram muito poderosos nos quais Emma simplesmente se deixou levar e esqueceu que estava atuando… ela se perdia no processo e seus gritos eram horríveis, e você podia senti-los no set. Todos estavam desconfortáveis; todos meio que se afastaram um pouco. Era uma energia muito esquisita no ar. Ela estava meio que explorando e exercitando demônios e servindo para cena enquanto fazia isso. Foi muito interessante.”

Dan falou sobre gravar a cena com os sete Potters, detalhando o lado técnico das coisas. Ele disse que foi usado uma câmera controlada por computador que filmaria “exatamente a mesma tomada com exatamente a mesma duração” repetidamente, e eles usaram essa câmera para gravar cada um dos sete Harrys para que pudessem aparecer todos na tela de uma só vez. Dan também disse que levou cerca de 10 tomadas para cada Harry – 95 no total para a única cena onde todos os Harrys estão parados juntos no mesmo cômodo.

Sobre interpretar os outros personagens, Dan disse: “Não houve meio termo, alguns são tão sutis que você não vai nem perceber quem são. Ou, tão caricaturados e exagerados que não haverá dúvida de qual personagem estou fazendo. Será óbvio qual deles é o Mundungo.”

Depois das entrevistas, nós fizemos um tour no estúdio e vimos alguns efeitos especiais e departamentos de criaturas com nosso guia, Nick Dudman, que projetou as criaturas. Aragogue, Fawkes, Dobby estavam todos lá e muitas mais! Também nos foi mostrada a dublê mecânica da atriz que interpreta Charity Burbage, que veremos no começo da Parte 1 na cena da Mansão Malfoy. Também vimos o Salão Principal, o Ministério da Magia, a Sala dos Troféus, e um set que estava sendo usado para a segunda unidade de filmagem – o banheiro masculino onde Harry, Rony e Hermione usam para entrar no Ministério da Magia nesse filme.

Dudman disse: “Minha abordagem é ter duas ou três visões de alguma coisa, e frequentemente você vai ter duas ou três esculturas com estilos diferentes para tentar algo. Então o que fazemos é colocar a escultura num certo ângulo e fotografamos. No computador arrumamos o esquema de cores no Photoshop para podermos encará-la de qualquer estágio. Então podemos dizer ‘Ok, essa é uma ótima escultura, mas é assim que ela vai parecer se for usada com maquiagem. Porque uma das coisas chave que você aprende nesse tipo de trabalho é que ninguém pode visualizar o que diabos você está falando. Especialmente se eles são um produtor ou um diretor,” ele brinca. O jeito mais fácil que nós descobrimos é que se você apresentar a eles uma arte conceitual que você possa falar, ‘Isso pode ser construído.'”

Nós também falamos com Warwick Davis (Flitwick e Griphook) que disse isso sobre interpretar Griphook: “Tem o nariz, as orelhas… Me sinto mais contido. O pescoço de Griphook é mais comprido, e eu não posso escutar muito bem, e tem as lentes de contato também. Então é o mais longe de mim possível.”

Ele continua: “Você sabe, um dia eu venho como Flitwick e no seguinte como Griphook, então pode ficar bem confuso. Eu não sei se sou Flithook ou Griphook.”

Harry Potter e as Relíquias da Morte: Parte 1 está fadado a ser um filme incrível. Cada detalhe foi pensado e cuidadosamente realizado, nada foi negligenciado, e é de fato uma benção ter o último livro da série separado em duas partes – nada será deixado de lado, o que fará cada fã de Harry Potter muito feliz!

O relatório sobre o set de Harry Potter: Parte 2 será lançado ano que vem, mais próximo da data de estréia do filme.

Harry Potter e As Relíquias da Morte: Parte 1 estréia dia 19 de Novembro de 2010.