As Relíquias da Morte ︎◆ Parte 1

Lembrol: Faltam 65 dias para Relíquias da Morte parte I!

Grimmauld Place

Severo Snape?

A voz de Olho-Tonto sussurrou no escuro, fazendo os três se sobressaltarem.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Não somos Snape!Harry ainda pôde responder com a voz rouca, mas uma espécie de jato de ar frio foi lançada contra ele e sua língua enrolou para trás, impedindo-o de continuar. Antes que tivesse tempo de sentir a boca por dentro, no entanto, a língua tornou a desenrolar.

[…]Cauteloso, Harry deu mais um passo à frente. Alguma coisa se mexeu nas sombras do fim do corredor, e, sem lhes dar tempo de falar, um vulto se ergueu do tapete, alto, cor de poeira e ameaçador. Hermione gritou e foi acompanhada pela Sra. Black, pois as cortinas negras do retrato repentinamente se abriram; o vulto cinzento deslizou para eles, cada vez mais rápido, seus cabelos até a cintura e a barba esvoaçando às costas, o rosto fundo, descarnado, as órbitas vazias; horrivelmente familiar, pavorosamente mudado, ele ergueu um braço murcho e apontou-o para Harry.

Não! – gritou o garoto, e, embora tivesse erguido a varinha, não lhe ocorreu nenhum feitiço. – Não, não fomos nós! Não o matamos…

À menção da palavra ”matamos”, o vulto explodiu formando uma grande nuvem de poeira: tossindo, os olhos lacrimejando, Harry olhou para os lados e viu Hermione agachada junto à porta, cobrindo a cabeça com os braços, e Rony, trêmulo da cabeça aos pés, lhe dando palmadinhas desajeitadas no ombro e dizendo:

Está tudo b-bem… já p-passou…

Harry Potter e as Relíquias da Morte,
Capítulo Nove – Um Esconderijo, página 138.