Aniversários ︎◆ Livros

Feliz aniversário, Neville Longbottom!

“Aquele com o poder de vencer o Lorde das Trevas se aproxima… nascido dos que o desafiaram três vezes, nascido ao terminar o sétimo mês… e o Lorde das Trevas o marcará como seu igual, mas ele terá um poder que o Lorde das Trevas desconhece…”.

No quinto livro, nós passamos a conhecer a profecia. Aquilo que justificou o ataque de Voldemort a Harry, matando Lílian e Tiago Potter, que se interpuseram ao Lord e o bebê. Sabemos que a profecia é aplicável a dois garotos: Harry e Neville.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

E se Neville tivesse sido o escolhido? Se Voldemort tivesse julgado que o filho dos Longbottom ofereceria maior perigo? Teríamos um “Neville Longbottom e a Pedra Filosofal” ou o garoto teria morrido na noite de 31 de outubro de 1981? Será que Alice e Franco Longbottom teriam se sacrificado, tais quais os Potter, pelo filho?

Não dá para saber. Mas podemos afirmar, sem sombra de dúvidas, que Neville Longbottom também ofereceu um grande perigo a Voldemort. O garoto, outrora recatado, tornou-se o líder de uma revolução, o comandante da resistência, aquele que uniu e liderou a Armada de Dumbledore na ausência de Harry.

Neville é um personagem complexo. A sua evolução na saga Potter é louvável. Do atrapalhado grifinório, passando pelo aprendiz e membro da Armada de Dumbledore, até o corajoso Neville, que empunhou a espada de Gryffindor (sendo merecedor de recebê-la pelo Chapéu Seletor) e decepou Nagini. Sabemos que Voldemort padeceu graças aos seus erros e é inegável que desprezar o valor de Neville foi um dos seus maiores deslizes.

Longbottom, o fiel amigo grifinório, que surpreendeu a todos com sua coragem, completa hoje 30 anos. “Me unirei a você quando o inferno congelar! Armada de Dumbledore!”, disse Neville outrora a Voldemort, transpirando o espírito de Godrico Gryffindor. Nós estamos contigo e nos orgulhamos disto. Feliz aniversário!