As Relíquias da Morte ︎◆ Filmes e peças

Heyman: Relíquias da Morte será ainda mais épico em 3D

O britânico David Heyman, que vem trabalhando como produtor da série desde Harry Potter e a Pedra Filosofal, foi entrevistado pela MTV e comentou sobre o processo de transformação e filmagem em 3D, algo que está em recente ascensão no mundo cinematográfico.

Quando questionado sobre os motivos que levaram a fazer Relíquias da Morte em 3D, falou do sucesso que este tipo de filme tem tido na economia e na criação das películas e oportunidade absorvida para os últimos filmes da série.

Harry Potter em si tem muitas possibilidades excitantes para o 3D, tanto em fazer as coisas virem a você, como também em fazer com que esse mundo pareça mais épico do que já é. Harry Potter já é um filme épico, mas adicionando outra dimensão o fará ainda mais. E pareceu uma oportunidade muito difícil de recusar. Ainda que não filmemos em 3D, a qualidade do 3D pós-produzido tem melhorado notavelmente nos últimos um ou dois anos e nos sentimos muito confortáveis com esse processo.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Comentou as influencias de UP e Avatar, assim como influências de outros filmes no processo de conversão, tempo que o processo de transformação levará, cenas que mais gostou em 3D, dentre outros.

A tradução completa do da entrevista pode ser conferida em notícia completa.

Ao que indica, teremos novidades essa semana, pois a MTV prometeu material exclusivo de vários filmes nessa “Semana 3D” que estão promovendo, aí incluso “Harry Potter e as Relíquias da Morte”. Continue ligado no Ish!

HARRY POTTER E AS RELÍQUIAS DA MORTE
Produtor de Harry Potter diz que ‘Relíquias da Morte’ vai ser ainda mais épico em 3D!

Eric Ditzian ~ MTB
29 de março de 2010
Tradução: Daniel Mählmann e Victor Garcia

David Heyman espera que a conversão em 3D faça com que o “mundo fique bem mais profundo”.

Depois de 2,7 bilhões do sucesso de “Avatar”, os anúncios de 3D voaram de Hollywood como flechas vindas do arco de um alienígena azul. Diferente do épico de James Cameron, a maioria desses filmes não está filmando com cameras 3D, ao invés disso estão convertendo durante a pós-produção. Uma discussão entre cineastas e cinéfilos surgiu então: há um jeito certo e errado de fazer um filme em 3D?

Essa é só uma das perguntas que a MTV News vai explorar no decorrer dos próximos dias como parte da nossa “Semana 3D”. Também se trata de uma questão de grande importância para a Warner Bros. e para as mentes por trás de “Harry Potter e as Relíquias da Morte”. Em fevereiro, o estúdio anunciou que as duas partes finais da série – a primeira a ser lançada em 19 de novembro e a segunda a vir em 15 de julho de 2011 – receberão conversão 3D.

Falamos com o produtor executivo de “Potter”, David Heyman, para saber sua tomada no processo de conversão, as razões por trás da jogada e se veremos os filmes anteriores relançados em versões 3D.

MTV: Quando você tomou a decisão de fazer as duas partes de “Relíquias da Morte” em 3D?
David Heyman: Acho que emergiu de forma natural. Claramente, o sucesso dos filmes em 3D tem tido um impacto na economia e na criação das películas. Vimos uma oportunidade e a pegamos. Além disso, “Harry Potter” em si tem muitas possibilidades excitantes para o 3D, tanto em fazer as coisas virem a você, como também em fazer com que esse mundo pareça mais épico do que já é. “Harry Potter” já é um filme épico, mas adicionando outra dimensão o fará ainda mais. E pareceu uma oportunidade muito difícil de recusar. Ainda que não filmemos em 3D, a qualidade do 3D pós-produzido tem melhorado notavelmente nos últimos um ou dois anos e nos sentimos muito confortáveis com esse processo.

MTV: Foi algo que vocês vieram discutindo por um tempo ou uma conversa que surgiu depois do sucesso de “Avatar”?
Heyman: Com certeza o sucesso de “Up” e “Avatar” fez com que a economia tivesse sentido, e também a qualidade do trabalho que a Warner estava fazendo com o pós-3D tornou isso algo a só acrescentar ao filme e não diminuir.

MTV: A Warner, é claro, também converteu “Fúria de Titãs”. Vocês falaram com o pessoal de “a Fúria” para ver como a conversão seria e se ficariam satisfeitos com os resultados?
Heyman: Sinceramente, ainda estamos no processo de discussão metodológica, mas claramente uma das vantagens é que ainda temos um bom tempo para lançar o filme. Então dispomos de um bom tempo para trabalhar, aprimorar e tornar, esperançosamente, cada sequência perfeita. Não estamos com o calendário apertado. Foi algo idealizado muito cedo, acho que iremos fazê-lo com a melhor qualidade possível.

MTV: Você sabe quanto tempo levará o processo de conversão uma vez que vocês comecem a fazê-lo?
Heyman: Eles falam, geralmente, de um período de 12 e 16 semanas, mas nós vamos começar o processo cedo, bem cedo.

MTV: Você já olhou para trás e desejou que tivessem filmado “Relíquias da Morte” com câmeras 3D desde o começo?
Heyman: Não há dúvidas que rodar um filme em 3D é uma grande coisa. Mas acho impraticável. Teria levado muito, muito tempo. A filmagem em 3D é mais lenta. Alguns dizem que filmar em 3D é a única maneira, e outros são abertos para outros caminhos. Será interessante, enquanto essa questão desenvolve-se, ver se a filmagem em 3D se torna a regra ou não, pois ela é claramente mais cara, em parte porque demora mais.

MTV: Há alguma cena em particular que você acha que ficará especialmente incrível em 3D?
Heyman: Uma das coisas que eu realmente adorei em assistir a abordagem 3D de James Cameron foi que não se tratava das coisas “saindo” o tempo todo. Tratava-se, na verdade, de inserir grande profundidade. Você não gostaria de ver várias coisas vindo ao seu encontro. Ainda não começamos o processo para convertê-lo. Estamos fazendo alguns testes, vendo várias coisas, mas ainda não fizemos nenhuma sequência. Obviamente, estou ansioso para algumas sequências da batalha na segunda parte. Também estou ansioso para ver o dragão voando. Acho que existem muitas coisas que ficarão ótimas em 3D, mas, para mim, a parte mais excitante é fazer esse mundo parecer mais profundo, rico e o que uma dimensão extra traz para você.

MTV – Todos estão muito animados com o epílogo. Provavelmente, você vai usar em Daniel Radcliffe e nos outros atores a mesma tecnologia de envelhecimento usada em “Benjamin Button”, em vez de usar atores mais velhos. Também usará efeitos 3D nessas partes?
Heyman: Não sei. Ainda não discutimos sobre isso.

MTV – Agora que vocês farão as “Relíquias da Morte” em 3D, vocês tiveram alguma idéia de relançar algum dos outros filmes “Potter” em 3D?
Heyman – Essas discussões ainda não surgiram, mas tenho certeza que é apenas uma questão de tempo. Sabe de uma coisa? Eu realmente não deveria dizer isso. Quem sabe? Seria ótimo. Você nunca pode saber. Espero que sim.

MTV – Você acha que 3D é algo que veio para ficar ou é algo que, daqui a cinco anos, vamos olhar para trás e dizer que foi uma moda?
Heyman – É engraçado. Você diz isso e eu estive fazendo essa mesma pergunta às pessoas daqui. Estou em Los Angeles essa semana, e acho que as pessoas pensam que veio para ficar. Claro, que ao passo que o 3D se torna parte do entretenimento em casa, acho que ele fica mais e mais viável. Porque sem isso, acho que que você vai adquirir uma experiência comprometida em casa e isso diminui ainda mais o valor do DVD. Mas, uma vez que as pessoas tiverem a tecnologia em casa, o que parece que é o que estão fazendo, então eu acho que será algo que valerá a pena e será provavelmente mais viável, portanto ficará aqui por mais tempo.

Não ajustem seus óculos! É a semana 3-D na MTV News. Por toda semana procuraremos os filmes que mais prometem lhe agarrar com as maravilhas da tecnologia 3-D. Conseguimos sneak peeks exclusivos de “Harry Potter”, “Tron Legacy”, “Fúria de Titãs” e muito mais.