Parques temáticos

[Atualizado] Festa de abertura do parque será em 18 de junho!

A espera foi longa e permeada por mistérios, os meses se passaram lentamente e nenhuma palavra oficial acerca da data da grande inauguração d’O Mundo Mágico de Harry Potter era divulgada. Hoje, finalmente, podemos contar a vocês qual será o grande dia.[meio-2]

Alguns fansites foram convidados para fazer uma visita ao parque durante essa semana, e o TLC acabou de divulgar que a festa da grande inauguração do parque será realizada no dia 18 de junho. A Universal atualizou a sua página de pacotes de viagem e agora o mais próximo que se pode comprar é para o dia 18 de junho, embora quem comprou sua viagem para a partir do dia 28 de maio poderá experienciar a atração sem problema algum.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Enquanto os fãs esperam que a Universal Orlando divulgue o press release com mais detalhes da festa e talvez do dia em que o parque finalmente poderá receber visitantes – provavelmente a partir do dia 19 de junho -, o site potteriano trouxe um relato do que viu durante sua visita à construção.

Pela primeira vez nós vamos conhecer os quatro fundadores. Gryffindor, Slytherin, Hufflepuff e Ravenclaw foram escalados, aprovados por JK Rowling (o vice presidente da Universal Creative, Thierry Coup, disse que a Sra. Rowling proclamou que eles eram iguaizinhos aos da sua imaginação), e falam com os visitantes sobre o enredo da montanha-russa.

Algumas novas imagens promocionais foram liberadas pelo site, nas quais podemos dois dos fundadores em quadros do castelo, velas flutuando na Sala Precisa, o escritório de Dumbledore e a gárgula que guarda o aposento. Confiram-nas aqui!

Logo mais nós traremos a tradução completa, e fiquem ligados, pois ainda hoje sairá mais informações sobre esse complexo tão ansiado por todos os fãs.

Atualização: A tradução na íntegra dos relatos do TLC, MuggleNet, The Daily Snitcher, Harry Potter’s Page e Snitch Seeker já pode ser lida em notícia completa!

Atualização 2: O site oficial d’O Mundo Mágico de Harry Potter divulgou um vídeo contendo algumas imagens da atração “A Jornada Proibida”, apresentado por Mark Woodbury, da Universal, além de Daniel Radcliffe e Emma Watson. Clique aqui para vê-lo.

Além disso, o Mugglenet noticiou que Thierry Coup, da Universal Creative, deu uma entrevista a um canal de televisão americano, em que apresenta o parque e suas atrações, especialmente “A Jornada Proibida”, enfatizando no cuidado que tiveram nos detalhes, para que o parque seja fiel ao visual dos filmes e ao que lemos nos livros. Veja aqui.

PARQUE TEMÁTICO
Relato de uma visita ao complexo

The Leaky Cauldron ~ Melissa Anelli
25 de março de 2010
Tradução: André Luiz, Raquel Monteiro, Daniel Mählmann e Lorena Sousa

Neste verão, e depois – após o 18 de junho da abertura e décadas no futuro – os fãs que visitarem O Mundo Mágico de Harry Potter vão experimentar uma série de eventos incríveis. Durante uma recente prévia da atração de Hogwarts, no entanto, tornou-se mais do que evidente que um desses eventos irá proporcionar um tipo de guincho alegre que só aqueles que fazem parte de um fandom verdadeiro pode dizer que já tive o prazer de experimentar.

(A seguir: a galeria de retratos – clique para alta resolução – com Helga Hufflepuff no centro e Godric Gryffindor no quadro grande na direita.)

Já em frente ao castelo de Hogwarts, no início de “Harry Potter e a Jornada Proibida”, a atração que os desenvolvedores chamam de atração ímã de visitante, estão duas altas colunas. No topo dessas colunas, dois javalis alados flanqueiam a entrada do castelo. Passando por eles – e vê-los acima de você enquanto você anda – cria o tipo de momento transportador em que a maioria das pessoas, e todos os fãs, estão aguardando animadamente por anos. Nada ainda se compara com o “momento-de-cair-o-queixo” incrível e o quase tangível espírito que nos acompanha caminhando por aqueles portões em direção ao maciço castelo de pedra inspirado em nossa imaginação. Nós vimos muitas coisas como fãs e jornalistas neste fandom – sets, museus, exposições. Nada cria uma sensação de Hogwarts tão espetacular quanto atravessar aqueles portões.

(Na foto abaixo: a Sala Precisa, durante a Jornada Proibida)

Então há o castelo em si, na sua massa incompreensível e beleza escocesa. É bom que os primeiros metros do interior de Hogwarts são relativamente pedras sustentando salas, porque leva algum tempo para absorver o fato de que você realmente está lá dentro (E vai certamente ser uma proeza entrar dentro dele uma vez que este parque é aberto ao público: a fila serpenteia através daquilo que deve ter sido um quarto a metade de uma milha de cenário, serpenteando através das estufas em um labirinto de metal: isto será duas horas do seu dia na Universal, no mínimo. Provavelmente três). Uma vez que você está lá, algumas coisas ficam claras:

Em primeiro lugar, a influência de J.K. Rowling está toda sobre a atração, a partir de diálogos espumanntes (roteirista Steve Kloves também é evidente aqui) em retratos e personagens, até pequenos toques históricos (como o fato de que uma estátua é do primeiro diretor de Hogwarts: os fundadores eram professores, nenhum deles jamais foi um diretor) que pontuam a atração.

(Imagem abaixo: Escritório de Dumbledore. Clique para alta resolução.)

Em segundo lugar, os efeitos são impressionantes: os quadros se movem e falam sem deixar vestígios de imagens digitais ou tecnologia. Eles nem tem reflexo: eles parecem ter sido revestidos de verniz e parece que sairam de um livro de arte do século 18 e podem falar com você sem qualquer ajuda da eletrônica. O mesmo é quase verdade das representações visuais de Dumbledore (Michael Gambon), Harry (Daniel Radcliffe), Hermione (Emma Watson) e Rony (Rupert Grint). Uma tecnologia de projeção ainda não descrevida resultou em vídeos que parecem que eles podem assumir forma e acompanhá-lo ao Três Vassouras (mais sobre isso na próxima semana).

Leaky percorreu a maior parte das atrações do castelo, parando próximo do passeio em si (que ainda não está pronto).

Teremos mais detalhes sobre isto a medida que se aproxima a abertura do parque, mas aqui está uma idéia do que está na loja (aviso de spoiler, para aqueles que querem permanecer puros …)

(Abaixo: A gárgula levando até o escritório de Dumbledore. Clique para alta resolução).

– Pela primeira vez iremos conhecer os quatro fundadores. Gryffindor, Slytherin, Hufflepuff e Ravenclaw foram escalados, aprovados pela JK Rowling (o Vice Presidente da Universal Creative Thierry Coup diz que Rowling proclamou que eles eram exatamente como em sua imaginação), e conversar com os visitantes sobre o enredo do passeio. Eles também provocam uns aos outros sobre as rivalidades de Quadribol; Slytherin ferve abertamente sobre Harry Potter (o menino que “sobreviveu”). Ravenclaw tem um rosto anguloso e cabelos escuros, enquanto Hufflepuff tem aparência suave e graciosa. Slytherin encara do alto em seu quadro, por sobre seu nariz e na popa, enquanto Gryffindor tem um aspecto robusto que tem uma ligeira semelhança com Hagrid. Todos os seus sotaques diferem, de acordo com as origens nomeadas pela canção do Chapéu Seletor do primeiro livro.

– Os sets são totalmente reconstruídos dentro do castelo; você anda através do escritório de Dumbledore, a sala comunal da Grifinória, vários corredores pontilhados com móveis (Espelho de Ojesed, o retrato da Mulher Gorda, um quadro de avisos da Grifinória com um Profeta Diário em movimento proclamando que a Grifinória defenderia o seu título esta tarde).

(Abaixo: Dan Radcliffe no campo de Quadribol durante a atração de Hogwarts. Clique para alta resolução).

– Alguns novos personagens (todos aprovados por JK Rowling) aparecem nos retratos, fazendo discursos e aparecendo nos quadros de outras pessoas.

– Você será capaz de examinar essa área à vontade, mesmo que seja tecnicamente uma linha reta: ninguém vai apressá-lo para chegar logo ao fim. O set é tão detalhado que aquele tipo de análise detalhada pode ser necessária.

– O hall de entrada também possui estátuas da Bruxa de um Olho Só e do Arquiteto de Hogwarts (sem nome, ele também é visto frequentemente nos filmes; ele é a estátua em ouro/bronze segurando um modelo de Hogwarts em sua mão).

– A história gira em torno do fato de que os Trouxas estão sendo autorizados a entrar no castelo pela primeira vez na história. Dumbledore dá a você uma breve introdução e o direciona para a sala de Defesa Contra as Artes das Trevas, onde o Prof. Binns aguarda para fazer uma leitura sobre a história do castelo. É claro, Harry, Rony e Hermione não vão deixar isso acontecer. Quando você chega à sala de DCAT, uma porta se abre, e Harry, Rony e Hermione aparecem debaixo da capa da Invisibilidade, Rony e Hermione brigando muito. Harry o informa que ao invés de ouvir uma entediante palestra (que Hermione diz que é realmente fascinante!), eles querem levá-lo para um jogo de Quadribol, levando-o furtivamente para fora do castelo. Assim, você é direcionado para a Sala Precisa, onde o passeio começará.

– “Você não será capaz de dizer a diferença entre o interior e o exterior” sobre a montanha-russa Harry Potter e a Jornada Proibida, diz Woodbury.

– O passeio será quatro pessoas por carro, e leva o conceito de que os carros (“bancos” realmente encantados) supostamente podem voar.

– A trama secundária, que Hagrid perdeu um dragão naquele mesmo dia, é sugerida.

– A tecnologia inclui algo que tem sido citado como uma experiência cinematográfica em 360 graus. Também foi mencionado várias vezes um braço robotizado e “o maior efeito especial que produzimos”, de acordo com o presidente da Universal Creative, Mark Woodbury. “É um nível de execuções que, se comparado, faz todo o resto parecer apagado”.

– A experiência levará você através da Floresta Proibida, a um encontro com o Salgueiro Lutador, ao campo de Quadribol, através de um grupo de Dementadores, e mais.

-JK Rowling aprovou, em última análise, tudo, e o seu “nível de participação [criou] a base para tornar o parque tão autêntico como ele é”, diz Woodbury.

Coup (vice presidente da Universal Creative) disse, “Temos que criar um novo nível de experiências,” e que há “uma atenção aos detalhes diferente de qualquer coisa que já fizemos antes.” Ele promete que a combinação de tecnologias patenteadas e a história de emocionantes montanha-russas da Universal irá criar uma atração que irá fazer com que você se sinta “ao lado” dos personagens dos livros e dos filmes.

O Mundo Mágico de Harry Potter está localizado em Orlando, Florida, no parque da Ilha da Aventura. Dois eventos de fãs já estão planejados perto do parque: LeakyCon 2011, que irá acontecer no fim de semana da estreia do último filme de Harry Potter, e Infinitus 2010, planejado para julho deste ano.

PARQUE TEMÁTICO
Primeiro sneak peek e revisão de visita ao parque
MuggleNet ~ Eric Scull
25 de março de 2010
Tradução: Raquel Monteiro, Daniel Mählmann e Lorena Sousa

Este relatório é o primeiro de três narrando uma viagem feita por representantes dos top websites de Harry Potter para o parque temático O Mundo Mágico de Harry Potter na Universal Studios, Orlando, Flórida. A viagem acabou de acontecer e nós liberaremos detalhes (na forma de relatórios) em cooperação com os desejos da Universal e muitas vezes ao mesmo tempo que os relatórios serão apoiados por detalhes liberados diretamente da Universal. O que testemunhamos foi impressionante e o que pode ser dito em todos os três relatórios será muito emocionante para ler, sem dúvida.

Primeiro, a data de lançamento. Foi confirmado para nós que a grande abertura para O Mundo Mágico de Harry Potter no Universal Studios acontecerá no dia 18 de junho de 2010. Esta informação foi disponibilizada para fansites primeiramente e será anunciada em algum momento mais tarde hoje (25 de março). Curiosamente, a Universal Orlando Resort tem oferecido pacotes de férias começando 28 de maio de 2010, que oferecem acesso ao parque e café da manhã no Três Vassouras. Duas fontes distintas na Universal confirmaram que este pacote de férias, que ainda está disponível no website da Universal Orlando e continuará disponível, é legítimo e será honrado. Aqueles que optam por comprar o pacote de férias e viajar em 28 de maio vão ter o que eles pagaram. Isto significa que, tecnicamente, se você escolher o pacote será um dos primeiros a visitar e ver o parque.

Também confirmada por um representante da Universal, a noção de uma “abertura suave”, ou um período prévio de o parque ser aberto ao público antes da inauguração de 18 de junho é verdadeiro, mas não são conhecidas datas específicas até o momento. Portanto, haverá oportunidade para os visitantes terem acesso ao parque antes da semana de inauguração, em especial através da compra deste pacote de férias “acesso prévio” acima mencionado.

Falando da inauguração em si, detalhes sobre as atividades e eventos especiais que conduzem e/ou que cercam essa semana ainda estão em obras e não serão feitos oficiais com o anúncio da Universal ainda hoje. Eu estou muito ansioso para descobrir o que eles pretendem fazer, e ficarei tão surpreso como todos os outros quando isso for revelado.

O principal objetivo da nossa viagem a Orlando foi para receber uma minuciosa explicação e ter uma idéia definitiva sobre a maior atração do parque (e, até agora, o maior mistério): Harry Potter e a Jornada Proibida.

Os chefes dos fansite se reuniram com Mark Woodbury, presidente da Universal Creative (e superintendente do projeto). Ele ouviu nossas perguntas e descreveu com muito entusiasmo como a tão esperada viagem seria, assim como a experiência no parque ia ser. Falando da história da Universal, o Sr. Woodbury observou que quando se trata de passeios, a Universal gosta de fazer coisas que ninguém nunca fez antes. Eles são os pioneiros e inovadores de efeitos especiais e técnicas antes não-existentes para uma cada vez maior experiência na tela e utilizam o mais recente em tecnologia de viagem, combinado, para dar aos frequentadores do parque uma experiência completamente nova… e isso é só com os seus passeios em geral. Quando é sobre O Mundo Mágico de Harry Potter, diz ele, todos os envolvidos realmente levaram para o próximo nível. Segundo o Sr. Woodbury, o Mundo Mágico e sua principal atração (Harry Potter e a Jornada Proibida) vão “transformar o conhecido nas experiências em parques temáticos.”

O Sr. Woodbury, em seguida, falou longamente sobre a Jornada Proibida em si, e aqui está o que ele tinha a dizer. O passeio da Jornada Proibida vai ser uma incursão no mundo de Harry Potter – trazendo com ela “todo o caos de seu mundo”. É uma nova história, uma nova aventura onde os convidados, como Trouxas, são convidados a testemunhar os acontecimentos de Harry, Rony e Hermione, enquanto eles experimentam uma aventura que os levam através de muitas das vastas locações ao redor do mundo de Harry. Embora os donos de fansites tenham ouvido várias vezes até esse momento que a experiência do passeio ia ser “como nada visto antes” – nós a essa altura pedimos esclarecimentos, e conseguimos. Harry Potter e a Jornada Probida será uma “experiência cinematográfica em 360 graus”, com os maiores efeitos especiais no que se trata de efeitos físicos. Outros passeios na Universal, como o Twister ou The Mummy, que utilizam chamas reais ou ventos que você pode sentir o calor, não começam nem a descrever os tipos de efeitos físicos que o Sr. Woodbury sugeriu. Sinais na fila para o passeio em si alertam os passageiros que eles serão empurrados, puxados, derrubados, levantados, parados, virados e tudo, menos jogados (embora esteja puxando pela memória, não me lembro deles prometendo que não seremos jogados). Nós perguntamos ao Sr. Woodbury sobre fogo, fumaça, vapor, como exemplos de efeitos físicos, e ele afirmou muito sério que haveria “tudo aquilo, e mais, muito mais além disso.”

Ao entrevistar o Sr. Woodbury, ele nos deu um visão das locações que nós poderemos ver no passeio da Jornada Proibida em si e a sua história. Uma vez que você pisa dentro do castelo, onde o passeio em si está inserido, é acolhido por Dumbledore e logo familiarizado com Harry, Rony e Hermione, que planejam escapar de uma palestra particularmente entediante do Prof. Binns e pedem para você encontrá-los na Sala Precisa. O passeio começa na Sala Precisa e o leva à partida de Quadribol, que mostra Rony, Harry e Draco (presumivelmente todos jogando Quadribol ao mesmo tempo). Você testemunha o Quadribol em primeira mão, ao lado de Harry, mais uma vez enquanto o passeio utiliza uma tecnologia nunca criada antes para tornar o ambiente real.

Em um ponto, o Sr. Woodbury foi perguntado se o passeio Jornada Proibida realmente iria viajar para fora do castelo de Hogwarts (no parque). Ele respondeu muito sério que quando os convidados estiverem no passeio, eles vão ter uma “distinção muito difícil entre o que está realmente lá fora e o que não está”. Eu não acreditaria nele se ele não estivesse tão sério sobre isso. Mas ele estava. Reiterou. Esse passeio vai fazer várias coisas novas.

Também mencionou que a jornada do passeio em si possui um encontro com Dementadores, o Salgueiro Lutador, e um passeio pela Rede de Flu, graças à Hermione. O comunicado de imprensa emitido pela Universal na tarde de hoje, sem dúvida, vai incluir uma ordem mais concisa dessas locações.

Outro grande jogo mutável que vai destacar a “Harry Potter e a Jornada Proibida” dos outros passeios é a fila. Já que a viagem se passa dentro do castelo de Hogwarts, você realmente viaja através do castelo para ir no passeio, bastante simples. No entanto, a fila para o castelo é tão interativa que há um espaço extra na fila para ficar e assistir a um determinado evento que acontece em uma determinada parte do castelo, bem como uma oportunidade para andar pelo castelo sem realmente estar indo em um passeio. A fila dentro do castelo de Hogwarts no parque temático é surpreendente, e é meu grande anunciar que o dono do website aqui hoje pôde entrar no castelo de Hogwarts no parque temático O Mundo Mágico de Harry Potter e vê-lo.

Você entra pelos portões de Hogwarts com os javalis alados (réplicas exadas do filme) com o castelo de Hogwarts imponente acima de você. Olhando para cima, você pode ver as torres e a ponte que torna as imagens do filme tão bonitas. Ao entrar no castelo, a fila (e a sua viagem) começa nas masmorras. Aqui há uma estátua assustadora da Bruxa de Um Olho Só e o Espelho de Ojesed situados mais à frente. Você então viaja para cima e para fora, através das estufas de Hogwarts. Mais adiante é o hall de entrada, onde a estátua mais legal que já vi se encontra lá no alto – é uma estátua do Arquiteto de Hogwarts – em pé com um mapa e uma miniatura de Hogwarts em suas mãos, com um leão e um texugo em seus pés, e um chapéu em cima de sua cabeça. Muito legal. Andando em frente, você vê as ampulhetas de jóias das Casas de Hogwarts – estão ligadas em engrenagens, então estou querendo saber se essas jóias vão realmente se mover/cair ao longo do tempo. Logo à frente está a entrada da Águia em Ouro para o escritório de Dumbledore, pela qual você passa para entrar.

Lasers. Aqui você é cumprimentado por Alvo Dumbledore (retratado ardilosamente por Michael Gambon) apresentando-o à escola de Hogwarts, acolhendo os Trouxas e oferecendo alguns bons conselhos sobre o que está por vir. Chamar Dumbledore de holograma não iria lhe fazer justiça. Essa tecnologia a laser que coloca Dumbledore na mesa olhando para a fila tem definição é terceira dimensão. Ele parece e tem sons adequadamente reais. Avançando pelo castelo, você logo se vê na sala de Defesa Contra as Artes das Trevas, onde Harry, Hermione e Rony também o cumprimentam. Eles planejam escapar de uma palestra entediante do Prof. Binns embaixo da Capa da Invisibilidade e propõem encontrá-lo na Sala Precisa. É uma ótima introdução e o leva ainda mais fundo dentro do castelo.

A câmara seguinte é a galeria de retratos; é uma sala muito alta com talvez apenas três metros de largura. Em cada uma das quatro paredes? Retratos de cada um dos quatro fundadores de Hogwarts… e eles se mexem. E eles falam. Esses retratos são diferentes de qualquer outra coisa que eu pensei que fosse possível fazer fora do cinema. Isso para os movimentos dos retratos, mas a sua superfície se parece com óleo seco sobre a tela. Além disso, eles viajam. Outros retratos nesse salão deixam seus quadros e entram em retratos de outros, muitas vezes gerando uma resposta imediata de reprovação de quem está sendo perturbado. É inteligente e bem sincronizado. São os livros de JK Rowling trazidos à vida.

Todas as câmaras do castelo, indo pelo caminho do expresso, pelo caminho normal, ou apenas andando por aí, são tão ricamente detalhas e cuidadosamente feitas que é difícil não contar como uma atração por si mesma. Encontrar com a Mulher Gorda e ler os últimos comunicados postados no quadro de avisos da Sala Comunal da Grifinória são uns dos simples prazeres que o castelo tem a oferecer. Depois de uma longa e detalhada jornada, você entra na última câmara antes de ir a um local onde duas cenas separadas estão aguardando para recebê-lo.

Há três retratos, todos vivos, que explicam um pouco mais sobre a atração. Você irá se sentar no que eles descrevem como “bancos encantados” e voará por entre o mundo de Harry. Os retratos irão discutir e questionar a competência um do outro em instruir também outros momentos de humor. Essa câmara é também onde está localizada a saída para o corredor, caso você não vá para a montanha-russa. Pegamos a saída que nos leva para o andar de baixo e a outra galeria de retratos, onde encontramos os Fundadores novamente, mas desta vez, falando coisas totalmente diferentes das de anteriormente.

Perto de sair, vemos um último personagem antes de entrar na montanha-russa (na Sala Precisa): O Chapéu Seletor. Ele nos dá um último aviso de segurança e condições físicas que podem fazer com que a volta na montanha-russa não seja divertida. Como mencionei anteriormente, avisos nas estufas informam que você será jogado, (spun), girado, puxado, empurrado e outras coisas. O que quer que aconteça durante a volta, será intenso.

A saída de Harry Potter e a Jornada Proibida será no “Empório de Objetos Confiscados de Filch,” uma loja dentro do castelo que apenas posso imaginar por enquanto. 90% do produtos vendidos no Mundo Mágico de Harry Potter será inteiramente único e exclusivo… e pelas fotos promocionais do Empório, posso apenas deduzir o que serão esses produtos.

Também aprendemos mais sobre o envolvimento de J.K. Rowling no parque temático e em seu desenvolvimento. Para o Sr. Woodbury, os livros de Harry Potter nos proporcionaram um dos mais ricos mundos com tantos personagens e artefatos que adoramos. Os filmes, então, captaram as imagens que as pessoas tinham desses personagens e desse mundo e deram uma definição, uma descrição, e uma consolidação. O parque temático, diz o Sr. Woodbury, é o próximo passo, razão pela qual o mundo que todos podem aceitar é expandido para um ambiente real, vivo e respirando. O castelo de Hogwarts é apenas um bom exemplo.

Finalmente, em relação ao parque temático do Mundo Mágico, fomos informados que “nenhuma reunião foi realizada sem os livros de J.K. Rowling na sala, e nenhuma decisão foi tomada sem eles.” A relação entre o parque, os filmes e J.K.R. é insuperável. Alan Gilmore, diretor de arte dos quatro primeiros filmes de Harry Potter, mora agora nos EUA (já há dois anos) trabalhando na Universal neste parque temático. A figurinista dos filmes também desenhou as roupas que serão vestidas pelos membros da equipe do parque. Eles estão trazendo os filmes, mas mais importante, os livros, para a realidade. Faltam menos de 3 meses para dia 18 de junho.

Esse relato, é o primeiro dos três que serão liberados com detalhes que a Universal deseja dividir em um certo período de tempo. Eu estarei escrevendo cada relato e os publicando assim que for possível. Para terminar, é seguro dizer que os detalhes de “Harry Potter e a Jornada Proibida” até agora estão cinco passos à frente de tudo que já vi, e imagino que será a melhor atração que a Universal (ou qualquer outro parque temático) tem a oferecer. Ainda me encontro em choque por algo tão legal assim estar acontecendo – mesmo escrevendo este artigo, consigo ver como esta atração e este parque temático irão causar uma profunda impressão no mundo, até em quem não é fã de Harry Potter. Acho que ele vai converter alguns, com a sua atenção aos detalhes e seus efeitos especiais, movimentos em altas velocidades e explosões.

PARQUE TEMÁTICO
Relato de visita ao parque temático
The Daily Snitcher ~ Stefan
25 de março de 2010
Tradução: Daniel Mählmann e Lorena Sousa

Ok, então vamos todos direto ao assunto e responder a pergunta que todos vocês estão morrendo de vontade de saber a resposta.

Hoje cedo a Universal selecionou alguns websites de Harry Potter para divulgar a data para o Mundo Mágico de Harry Potter da Universal Studio.

Apesar dos rumores e palpites, tenho o prazer de anunciar que a data de lançamento para a grande abertura é…

18 DE JUNHO DE 2010

Entretanto, a empolgação não para por aí. Hoje cedo, eu também dei uma olhadinha no parque temático propriamente dito e fui sortudo o suficiente para entrar na atração principal, o passeio Harry Potter e a Jornada Proibida.

Embora eu não possa contar muito a vocês sobre o parque em si no momento, pois ele ainda não está concluído, vamos apenas dizer que ninguém vai se decepcionar, já que a atenção ao detalhe certamente foi acolhida por todas as pessoas envolvidas na sua criação. Todas as visões e sons que viemos a conhecer e amar estarão definitivamente presentes e vão superar todas as expectativas que você já teve.

Assim, o passeio Harry Potter e a Jornada Proibida certamente dará aos fãs de Harry Potter uma difícil distinção de realidade e fantasia, uma vez que através de uma combinação de visão panorâmica de 360 graus adicionada a uma nova tecnologia cinematográfica, que para mim se assemelha a algo mais holográfico do que qualquer outra coisa, permitirá a todos mergulhar nesse mundo.

A experiência da fila para o passeio definitivamente será diferente de qualquer coisa que você tenha experimentado antes, pois a aventura que você vai presenciar começa no segundo que você passa pelos dois javalis alados nos portões de entrada de Hogwarts.

A viagem totalmente sem cortes para o passeio continua conforme você anda pelo caminho, olhando para a pedra que repousa como a fundação para o maior castelo possivelmente conhecido pela magia.

Ao entrar pela porta da frente, esteja preparado para experienciar uma iluminação sombria e rocha em grande quantidade, uma vez que você estará entrando na mais escuras profundezas das masmorras de Hogwarts. Em seu caminho pelo castelo, você verá adereços importantes e itens, incluindo uma estátua de uma bruxa de um olho só e o notável Espelho de Ojesed.

Após selecionar seu destino, ou você vai no passeio como um único convidado ou em grupo, as aventuras se intensificam, com uma caminhada para a seção das estufas, permitindo-o ficar cara a cara com as mortais Mandrágoras.

Entrando no castelo novamente através do corredor de Oxford, você verá outros adereços, incluindo o contador das casas – adivinhe qual casa está na liderança! – ao lado de novas adições que se fundem harmoniosamente à saga Potter, como uma estátua do primeiro diretor de Hogwarts.

Para aqueles fãs que estão preocupados que essas adições arruinem qualquer experiência que você possa ter, não se desespere, pois cada decisão foi permitida pela própria JK Rowling e o nome do diretor em particular permanece anônimo.

Seguindo ao longo do corredor de Oxford, os fãs ficarão frente a frente com a estátua que leva professores e estudantes desgostosos para o escritório do conhecido diretor, o Prof. Dumbledore.

Deslocando seu movimento para a esquerda da estátua em uma forma semi-circular, ela vai dar continuidade à sua aventura através do uso de retratos em movimentos. Filmagens usando atores dos filmes, assim como novos personagens novamente aprovados por Rowling; esteja preparado para testemunhar aulas em vários temas por um professor idoso de cabeça branca que gosta de correr de seu próprio retrato para outro!

O que todos esses Trouxas estão fazendo em Hogwarts, afinal? É uma pergunta que você pode ver a si mesmo tendo que responder conforme continua sua viagem para uma sala em multi-nível, que é mostrada através das escadas e lareira a meia altura das paredes equipadas com toneladas e toneladas de retratos em movimento.

Essa será a primeira vez que os fãs têm a oportunidade de conhecer todos os membros fundadores de Hogwarts, conversando uns com os outros e discutindo e debatendo vários temas, como o mencionado acima.

Uma coisa a se notar, usuários com ingressos “fast-pass” terão a mesma experiência de retratos se movendo a partir de uma entrada diferente, porém não vão presenciar áreas como as estufas.

O escritório de Dumbledore é a próxima coisa em sua viagem, com o teto de seu escritório realmente sendo visto pela primeira vez também! Depois de Dumbledore dar-lhes boas-vindas, que eu juro que parecia que ele realmente estava lá devido à projeção ter sido tão real, e convidá-lo à aula de Defesa Contra as Artes das Trevas com o Prof. Binns, você caminha para a sala de aula, onde encontra… o trio!

Novamente, através de uma nova tecnologia, o trio parece estar em frente a seus olhos e mostra que, ao invés de ficar entediado até a morte com o Professor Binns, assistir uma partida de Quadribol seria muito melhor.

Para isso, encontrar a Hermione na Sala Precisa é a única maneira de sair furtivamente do castelo sem a Professora McGonagall “nos botar para fora”, como é dito por Hermione.

Com uma nova tarefa em mente, você irá subir até o retrato da Mulher Gorda, que já terá sido aberto apesar dela ter algumas privações, e entrar na Sala Comunal da Grifinória. Um minuto de atenção para o detalhe que pode ser visto aqui, um Profeta Diário com fotos que se mexem e manchetes como Grifinória Defende seu Título no meio.

Quando entrar na Sala Comunal, tenha a certeza de prestar atenção a três retratos em movimento, já que eles irão dar informações importantes de saúde e segurança, além de informar itens que não poderão ser levados na montanha-russa.

Após um último passeio e uma conversa com o Chapéu Seletor, você está pronto para detonar e a próxima parte da aventura será na montanha-russa!

Apesar de não ter ido na montanha-russa, já que ainda não está pronta, andar pelo castelo, a esse ponto, me pareceu como uma volta nela por si só.

Com tantos fãs querendo prestar atenção em cada detalhe, mesmo sendo possível passear pelos corredores do castelo livremente, foram construídas áreas maiores em certos pontos lá dentro, para que as pessoas possam parar e admirar cada um desses detalhes.

“Você precisa presenciar para acreditar que é real” certamente se encaixa neste caso, e como um membro da equipe da Universal me falou isso, eu, sem dúvidas, voltarei quando a montanha-russa estiver funcionando, pois mesmo estando nos sets do filme Harry Potter e o Enigma do Príncipe, ter a oportunidade de entrar nesse mundo de Harry Potter é uma experiência que todos que já leram os livros ou assistiram aos filmes devem ter antes de se juntar ao Nick Quase Sem Cabeça e outras criaturas.

PARQUE TEMÁTICO
Relato de visita ao parque temático
Harry Potter’s Page ~ Dijares
25 de março de 2010
Tradução: Lorena Sousa

A grande inauguração ao público do Mundo Mágico de Harry Potter ocorrerá no dia 18 de junho de 2010. Hoje, enquanto estava no Universal Studios, em Orlando, oficiais me confirmaram que a abertura do parque será três dias antes do início do Verão.

Eu, junto a outros fansites de Harry Potter, tive o privilégio de fazer um tour pela nova experiência de fila de estado da arte na Universal Studios, na Ilha da Aventura em Orlando, Harry Potter e a Jornada Proibida. Nós fomos levados a área em companhia do diretor da Universal Creative, Thiery Coup, e do diretor de arte, Alan Gilmore, onde vimos as coisas mais incríveis. Como fã, posso dizer que esta área trouxe lágrimas aos meus olhos, pois essas coisas foram tiradas dos livros ou dos filmes, e trazidas à realidade.

Logo ao entrar, você se vê nas masmorras de Hogwarts. À direita, você encontra a Bruxa de Um Olho, que esconde uma das entradas secretas para Hogwarts. À esquerda, está o Espelho de Ojesed, parecendo velho e bem usado. Depois de uma curta distância, você está fora do castelo, onde se localizam as estufas. Aqui há plantas revestidas com ventiladores e sistemas de nebulosidade para mantê-la refrescadas e secas da chuva enquanto estiver lá. Haverá plantas e vinheiros por todo o lugar. E é melhor você pegar seus protetores de orelhas, porque também há um som bastante impressionante de mandrágoras.

Você voltará para dentro do castelo e ao Oxford Hall, onde você poderá ver a arquitetura de Hogwarts. Ele está lá no alto orgulhoso, com um texugo e um leão aos seu pés. Você também verá as miçangas verdes, vermelhas, azuis e amarelas usadas para marcar os pontos das casas. Depois disso, é o primeiro diretor de Hogwarts. De lá, você irá ver a grande estátua de Grifo que se localiza no topo nas escadas que dão no escritório de Dumbledore.
Você verá o primeiro dos muitos retratos em movimento. Esses retratos são bastante assustadores. Eles são cobertos por algo que dá a impressão de serem realmente pintados à tinta óleo. Os quadros interagem entre si e com os que passam pelo local. O primeiro é um professor de poções e o Segundo contém fãs assistindo a uma partida de Quadribol.

Depois, você verá a linda tapeçaria de Hogwarts e entrar em um área com mais de 100 retratos. Agora, como fã, aqui foi onde fiquei mais empolgado. Nessa parte, você presenciará os quatro fundadores de Hogwarts – Godric Gryffindor, Rowena Ravenclaw, Helga Hufflepuff, e Salizar Slytherin – ganharem vida. Os retratos se movem e interagem uns com os outros. Helga gosta de fofocar. Rowena, parecendo bonita e suntuosa, dá advertências. Godric mostra seus pontos. E Salazar reclama um pouco do menino que sobreviveu – você sabe, Harry Potter? Eles também irão falar com você. É muito impressionante. Preste atenção a este quarto. É extremamente alto, e parece ter mais que costumava ter mais que um andar… na verdade, se você prestar bastante atenção, você verá que costumava ter um chão e o que resta de uma lareira no outro andar. Aqueles que forem pelo caminho do expresso, também terão suas próprias experiências com os retratos dos fundadores de Hogwarts.

Agora, para uma experiência que você nunca vai esquecer – o escritório de Dumbledore! Você verá a mesa do diretor com livros, caixas de óculos, e muitos retratos. Entretanto, o que irá realmente impressioná-lo é ver Dumbledore atrás de sua mesa falando com você! A tecnologia usada para isso ainda é um segredo, mas posso dizer que é muito real. Não importa de que ângulo você olhe para o professor, realmente parece que ele está lá. Quase dá vontade de pular pelo por cima do balaustre para dar um grande abraço nele e informá-lo de que tempos ruins virão. O professor Dumbledore nos diz para seguirmos para a aula de Defesa Contra as Artes das Trevas (D.C.A.T.).

Quando chegar a classe de D.C.A.T., você irá ouvir algumas vozes familiares vindo da porta do andar de cima. Será que é? Sim, é! É Harry Potter, Rony Weasley e Hermione Granger! Você irá ouvir suas vozes, mas não irá vê-los. Então, de repente, eles aparecem por debaixo da capa de invisibilidade de Harry. Novamente, eles parecem inacreditavelmente reais – quero dizer, você pode quase alcançá-los e tocá-los – e se pudesse, você poderia jurar que eram reais e mornos! O trio fala um pouco conosco e Harry nos diz que realmente não iríamos querer ficar naquela sala porque o professor Binns está quase chegando para nos ensinar algumas lições chatas de História da Magia. Claro, Hermione o interrompe dizendo que História da Magia não é tão chata assim. Você então é instruído a ir a Sala Precisa, onde você fará coisas mais interessantes do que ouvir ao entediante (e morto) professor Binns falar.

Quando você for à Sala Precisa, você verá a Mulher Gorda em seu retrato sendo engraçada como sempre. Claro, esta sendo a área de entrada para a Torre da Grifinória, é para lá que você vai em seguida. Aqui você encontrará muitas tapeçarias, livros, a grande lareira, e sofás vermelhos. Há, também, três retratos em movimento que interagem entre si. Eles falarão sobre como voar em vassouras e de bancos voadores, então, uma das pessoas de um retrato, anda até os outros dois. Mais tarde, você verá o Chapéu Seletor, que dará avisos do que acontecerá em seguir – na verdade, é uma mensagem de segurança. Então, você entrará na Sala Precisa, onde é realmente a montanha-russa.
Infelizmente nós não conseguimos fazer o passeio em si, mas devo dizer que essa experiência de fila completamente interativa foi um passeio todo por si só. A viagem em si vai incluir mais áreas de Hogwarts, incluindo o Salão Principal, a Sala Precisa, e uma visita ao campo de Quadribol. Para aqueles que desejam assistir mais da ação que terá lugar na fila, os designers têm garantido que as áreas são mais largas para que possa permitir que as pessoas passem enquanto você permanece parado e desfruta seus personagens favoritos ganhando vida. Mais adereços deverão ser colocados no lugar.

Se você é um fã de Harry Potter, essa experiência é totalmente para você – e isso não foi nem mesmo o passeio em si. Se você é um fã de efeitos especiais, então você vai se deleitar. Essa experiência toda está totalmente imersiva e trará Harry Potter a você de uma maneira que apenas a sua imaginação poderia fazer.

Finalmente, Hogwarts é real e você, não importa se é um bruxo ou trouxa, pode ir lá e ser parte da magia.

PARQUE TEMÁTICO
Relato de visita ao parque temático
Snitch Seeker ~ EmmaRiddle
25 de março de 2010
Tradução: Isadora Moraes

Para satisfazer ainda mais os fãs do mundo inteiro, que devem estar morrendo de vontade de ir neste brinquedo, a Universal refez todo o sistema de filas para torná-las mais imersivas e menos chatas com uma narrativa do brinquedo.

– Duas estátuas de javalis alados em colunas guardam a entrada. O caminho segue para masmorras com pouca luz, enfeitadas com itens dos livros/filmes, como o Espelho de Osejed e a estátua da bruxa de um olho só.

– A linha segue para o exterior das Estufas, que estão cobertas com videiras e apresentam potes com mandrágoras.

– De volta para o interior há mais objetos usados em cena, como uma estátua do arquiteto de Hogwarts (que aparece no corredor de entrada nos filmes/video games), o contador de pontos das Casas, uma estátua do primeiro diretor de Hogwarts e o Grifo gigante que guarda a entrada da Sala de Dumbledore.

– Em seguida há um corredor enfeitado com tapeçarias e retratos, que mostram um professor e alguns espectadores de um jogo de Quadribol. Os quadros também apresentam os quatro fundadores: Godric Gryffindor, Helga Hufflepuff, Rowena Ravenclaw e Salazar Slytherin, que foram especialmente feitos para o parque. Alguns dos quadros ganham vida, incluindo estes, no qual os fundadores discutem a rivalidade das casas. Por exemplo: “Hagrid perdeu outro dragão.” (Helga) “Há outra brecha na Convenção de Warlock de 709.” (Salazar)

– Depois há a Sala de Dumbledore, onde o próprio Diretor dá as boas-vindas aos visitantes, avisando-os sobre os elfos, gigantes e dragões. Ele também os avisa sobre a decisão de ir ou não no brinquedo (já que você pode andar por Hogwarts até certo lugar sem ir no brinquedo), “Você deve escolher entre o que é certo e o que é fácil.” A tecnologia usada para trazer personagens como Dumbledore à vida cria uma experiência única e faz com que você realmente acredite que o personagem está lá, falando com você.

– Harry, Rony e Hermione dão boas-vindas para você na sala de Defesa Contra as Artes das Trevas, o advertem quanto a faltar a aula que o Professor Binns está prestes a dar, pois será com certeza um discurso sobre História da Magia (“Temos que ajudar aqueles que têm medo das aulas de Binns!” – Hermione). Hermione também recomenda que você leia Hogwarts – Uma História, um livro fascinante. Rony e Hermione começam a discutir e Rony levanta sua varinha, fazendo com que acidentalmente comece a nevar na sala. Eles saem debaixo da Capa da Invisibilidade mas não antes de Hermione lançar um feitiço dizendo para vocês se encontrarem no campo de Quadribol.

– A Mulher Gorda, interpretada por Dawn French, está em um quadro em um corredor, lamentando, “Será que posso deixá-los entrar sem uma senha?”

– Um quadro de avisos com uma cópia do Profeta Diário mostra uma foto em movimento de Harry jogando Quadribol em filmes anteriores.

– Depois disso há a área principal do Salão Comunal da Grifinória, com mais retratos e tapeçarias. Os retratos dão instruções e detalhes do brinquedo, falando bastante dos bancos mágicos em que irá sentar e dando mensagens de precaução quanto a motivos de saúde pelos quais você não pode ir.

– Finalmente o Chapéu Seletor dá outra mensagem antes de você entrar na Sala Precisa, onde a jornada começa…

Durante o passeio muitas experiências do mundo de Harry Potter são trazidas à vida, incluindo o Salgueiro Lutador, um jogo de Quadribol (do qual Harry, Rony e Draco participam), Dementadores e a Floresta Proibida.

Também haverá uma versão menor da entrada do Expresso de Hogwarts, que segue uma rota por uma sala de retratos extra, cheia de escadas (esta também é a saída se você decidir não ir no brinquedo). Esta entrada não passa pelas masmorras e estufas.

O passeio em si é composto pela “mais espetacular e inovadora tecnologia robótica”, como disse Mark Woodbury, presidente da Universal Creative. Ele permite uma experiência de 360 graus no ar. Quanto à data de inauguração, Mark disse “Este é um grande momento para dividir histórias poderosas.”

Também apresenta uma mistura de efeitos físicos e visuais, misturando novas ideias e tecnologias, de modo a criar uma experiência cinematográfica somada com a maior quantidade de efeitos especias já usados em um brinquedo da Universal. Há água, fogo, vento e mais, para torná-lo totalmente imersivo, estando acima e além de qualquer coisa já feita antes.

Há uma lojinha na saída onde fotos do passeio podem ser compradas.

Woodbury também disse, sinistramente “Você terá dificuldade em distinguir a realidade, se o passeio o leva para além do castelo ou não. Criará lembranças tão familiares que durarão para sempre.”