Filmes e peças ︎◆ O Prisioneiro de Azkaban

Columbus:“queria estar em todos os sete”

O diretor Chris Columbus está, atualmente, promovendo seu mais novo filme, Percy Jackson e os Olimpianos – O Ladrão de Raios. Numa declaração recente, ele afirmou que se sente como um “pai distante que não vê seus filhos” em relação à Potter.[meio-2]Agora, em entrevista ao Earth’s Mightiest Fansites, Columbus explica o motivo de ter permanecido na série em Prisioneiro de Azkaban, sendo substituído na direção por Alfonso Cuarón e tomando o lugar de produtor:

“Uma coisa que sabíamos era que queríamos começar a série com uma história à moda antiga, quase dourada, romântica e, à medida que os filmes progredissem eles ficariam mais obscuros; assim como à medida que Harry ia tornando-se mais velho eles iriam se tornar mais afiados, mais maduros, com coisas mais adultas. Sabíamos que isso iria acontecer e esse é o motivo pelo qual eu fiquei em PdA como produtor: eu queria ter certeza de que estávamos indo nessa direção. No momento em que terminamos Azkaban eu pensei, ‘Ok, estamos num ponto em que eu sei que os próximos filmes continuarão seguindo tudo o que já foi feito”.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Columbus ainda revelou que, originalmente, “planejava continuar em todos os sete”. Percy Jackson está atualmente em exibição nos cinemas de todo o país.