J. K. Rowling

Children’s High Level Group agora se chama “Lumos”

O Children’s High Level Group, centro de caridade fundado em 2005 por JK Rowling juntamente com a Baronesa Emma Nicholson, da Romênia, revelou ontem seu novo nome – Lumos, fazendo alusão à pequena fonte de iluminação criada através da magia.[meio-2]

A nova marca traz também um novo objetivo; com a convocação, Lumos pretende dar um fim às frequentes entradas de crianças desfavorecidas em instituições despreparadas da Europa Central e Oriental. No press release, a autora comentou:

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Vinte anos atrás, enquanto o regime Comunista ruía pela Europa, imagens angustiantes de crianças escondidas na Europa começaram a aparecer. Milhares e milhares de crianças estavam vivendo em vastas instituições deprimentes – subnutridas e, muitas vezes, mal tratadas, com pouco acesso ao mundo exterior. Lentamente, os governos começaram a transformar os sistemas de cuidados. A mudança real e duradoura leva tempo, mas hoje nós estamos fixando um marco e pedindo por mais avanços significativos nos próximos vinte anos para garantir que, eventualmente, nenhuma criança esteja vivendo, ou arriscando entrar, em tais instituições.

A caridade, agora presidida apenas por Jo, vai atuar na República Checa e República da Maldávia, bem como planeja se expandir para outros países, incluindo a Bulgária. O trabalho na Romênia – onde Lumos atuava – terá continuidade através da Asociatia Children’s High Level Group, presidida pela Baronesa Emma Nicholson.

A tradução do press release pode ser lida em notícia completa!

JK ROWLING
Press release sobre mudança de nome do Children’s High Level Group

Lumos
26 de fevereiro de 2010
Tradução: Letícia Vitória

A instituição Children’s High Level Group revela seu novo nome e uma nova marca em uma reunião para colocar um fim à institucionalização sistemática de crianças deficientes espalhadas pela Europa Oriental e Central.

Hoje a instituição de caridade é re-lançada como Lumos – o nome de um feitiço da sensação global de J.K Rowling, Harry Potter. Nos livros, Lumos faz com que uma pequena luz seja emitida da varinha de quem lançar o feitiço.

Com a mudança do nome para Lumos junto vem uma mudança de foco: Lumos não funcionará mais na Romênia – esse trabalho será continuado pela sociedade da Children’s High Level Group, que é presidida pela baronesa Emma Nicholson. Lumos, presidida por J.K Rowling, continuará seu trabalho na República Checa e na República da Moldávia, assim como irá expandir para outros países.

J K Rowling disse, “Vinte anos atrás, enquanto o regime Comunista ruía pela Europa, angustiantes imagens de crianças escondidas na Europa começaram a aparecer. Milhares e milhares de crianças estavam vivendo em instituições vastas e deprimentes – subnutridas e, muitas vezes, mal tratadas, com pouco acesso ao mundo exterior. Lentamente, os governos começaram a transformar os sistemas de cuidados. A mudança real e duradoura leva tempo, mas hoje nós estamos fixando um marco e pedindo por mais avanços significativos nos próximos vinte anos para garantir que, eventualmente, nenhuma criança esteja vivendo, ou arriscando entrar, em tais instituições”

O Dr. Richard Alderslade, Chefe Executivo da Lumos, disse: “Enquanto os bolsos de um progresso muito bom estavam sendo feitos desde 1990, a escala do desafio continua quase inimaginável. Ainda existem mais de 1 milhão de crianças e jovens vivendo em instituições, não apenas em uma dúzia de países, mas na maioria dos países da Europa Oriental e Central. Isso significa que nós temos que ser realistas com nossa proposta. Trabalhar com governos em um nível estratégico – criar reformas no país inteiro, não apenas nos lugares de certas instituições – leva tempo. Não é apenas uma questão de fechar instituições, mas também de implementar novos sistemas e criar ambientes alternativos de cuidados, assim como a não tão insignificante tarefa de mudar mentalidades”

Ao contrário da opinião popular, a maioria dessas crianças não são órfãs, mas sim desabilitadas, de minorias étnicas ou de regiões pobres. A institucionalização danifica a saúde e o desenvolvimento das crianças e reduz as chances em suas vidas.

Lumos está no momento trabalhando em grandes programas de reformas na República Checa e Moldávia. A instituição tem ajudado o governo da República Checa a desenvolver um plano Nacional de Ação para reformar todos os seus serviços para crianças e famílias vulneráveis. No momento está trabalhando no condado de Pardubice, ajudando as autoridades locais a transformar todas as suas grandes instituições residenciais para crianças. Em Moldávia, a instituição está apoiando o governo e as autoridades locais a implementar programas de desinstitucionalização de grande escala, assim como uma iniciativa que foca reduzir significantemente a mortalidade infantil.

Lumos também providenciou conselhos e apoio à Comissão Européia em Bruxelas para ajudar na melhor maneira de usar os fundos para reformar o sistema de proteção social para crianças na Bulgária. Estamos agora fazendo um grande programa no país para ajudar a acelerar e melhorar o processo de desinstitucionalização.