As Relíquias da Morte ︎◆ Filmes e peças ︎◆ Parte 1 ︎◆ Parte 2

RdM: 85% da parte 1 e 10% da parte 2 já foi filmado!

O Coming Soon conseguiu uma entrevista exclusiva com o diretor David Yates após a coletiva de imprensa realizada ontem em Nova Iorque. A conversa rendeu bons frutos e nos trouxe algumas revelações referentes às filmagens das duas partes de Harry Potter e as Relíquias da Morte!

O britânico revelou que eles já filmaram mais ou menos 85% da parte 1 e 10% da parte 2, o último devido à disponibilidade dos atores, e comentou também sobre as diferenças das duas partes:

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

O primeiro é muito verdadeiro e documentário e abusado e na estrada, e a segunda parte é basicamente uma grande ópera, um enorme épico com imensas batalhas e movimentação muito estranha, porque conclui toda a saga, na verdade. Então são dois filmes muito diferentes.

A atriz Emma Watson falou de suas expectativas para o último filme:

Não é sempre que no meio dos processos de filmagem, você pára e pensa ‘Isto vai ser sensacional’ e eu fiz isso algumas vezes. Como todos já terminamos a escola, estamos totalmente concentrados nesse encerramento.

E o produtor David Heyman comentou sobre qual tecnologia será empregada para as filmagens do tão aguardado epílogo:

Provavelmente nada de tecnologia estilo ‘Benjamin Button’. Nós consideramos isso, mas não achamos que é o caminho que iremos tomar. Muito de ‘Benjamin Button’ envolveu fazê-los mais jovens e nós estamos pegando pessoas que têm 20 anos de idade e fazendo-os parecer ter 30 e poucos anos, então é uma experiência diferente. Pode ser que usemos um pouco (da tecnologia), mas ainda estamos num estágio de pesquisas. Iremos fazer tudo que pudermos para serem Dan, Rupert e Emma nesta parte, não outros atores.

Confiram muito mais detalhes lendo a tradução na íntegra presente na extensão!

HARRY POTTER E AS RELÍQUIAS DA MORTE
Harry Potter: O que esperar de “Relíquias da Morte”

Coming Soon ~ Edward Douglas
10 de julho de 2009
Tradução: Sylvia Souza

Hoje, na Coletiva de imprensa de Nova Iorque para o esperado filme Harry Potter e o Enigma do Príncipe da Warner Bros’, elenco e equipe falaram sobre o capítulo final na longa série baseada nos romances de J.K. Rowling, Harry Potter e as Relíquias da Morte, o qual foi dividido em dois filmes. (Se você não leu o livro ainda, você pode querer evitar spoilers antes mesmo de ver o sexto filme.)

O diretor David Yates e o elenco estão filmando há cinco meses as duas metades do filme, programados para lançamento nos dia 19 de novembro de 2010 e 15 de julho de 2011, e ele mencionou que eles terão visuais diferentes embora esteja usando a mesma equipe. Ele contou ao ComingSoon.net em uma entrevista exclusiva após a coletiva de imprensa que eles filmaram mais ou menos 85% da parte 1 e 10% da parte 2, o último devido à disponibilidade dos atores.

Antes, Yates nos deu uma idéia sobre como será o clima das duas partes do derradeiro filme, as quais devem ser muito diferentes de “Enigma do Príncipe” ou qualquer outro anterior. “O primeiro filme é basicamente um road movie, e é bastante intenso e muito cru e estamos longe de Hogwarts, e é um pouco como três refugiados sendo perseguidos através do campo por esses terríveis Comensais da Morte. Estamos gostando mesmo, na verdade. Parece bem diferente. O que é difícil sobre voltar a “Enigma do Príncipe” é que nós o terminamos há mais ou menos um ano atrás ou menos. É estranho voltar. O primeiro é muito verdadeiro e documentário e abusado e na estrada, e a segunda parte é basicamente uma grande ópera, um enorme épico com imensas batalhas e movimentação muito estranha, porque conclui toda a saga, na verdade. Então são dois filmes muito diferentes.”

O Produtor David Heyman ainda se mantém intencionalmente misterioso sobre onde irá ocorrer a divisão entra as duas partes, possivelmente porque ainda poderá mudar. “Tem sido um processo interessante porque, na verdade, quando começamos, nenhum de nós queria fazer dois filmes. Por que fazer agora? Não foi algo que nos foi dito que tínhamos que fazer. Foi apenas um processo orgânico ao trabalhar nele e Steve trabalhando nele. Os filmes realmente tiveram uma udança fundamental quando steve, trabalhando com Alfonso Cuarón, decidiu contar a história do ponto de vista de Harry Potter, ao contrário de adaptar os livros para o filme. Naquele momento, havia omissões necessárias ao longo do caminho, então algo que amássemos, como por exemplo o F.A.L.E, que trata do interesse de Hermione pelos elfos domésticos, nós o adoramos mas ele é omitido porque não era aprte da história de Harry. Isso nos permitiu criar uma estrutura cinemática para os filmes ao invés de simplesmente adaptar os lviros.”

“O sétimo livro é longo,” ele continuou, “mas é um livro onde não há quase nada que não seja relacionado a Harry e quase nada que você poderia cortar. Juntos, todos nós tomamos a decisão de fazer dois filmes. E Steve me chamou outro dia e disse, ‘Acho que podemos fazer três…’ Apenas brincando, é claro, mas na verdade, acho que há tanto material no sétimo livro que fazer dois filmes era o melhor que poderíamos ter feito para adaptá-lo da melhor forma. Quanto a onde o estamos dividindo, nós gostaríamos de esperar por um tempo e na verdade nós decidimos agora, mas porque estamos filmando os dois filmes como se fossem um. De certo modo, estamos filmando-os juntos, então veremos o que acontecerá afinal. O filme foi escrito de um jeito específico e estou certo de onde nós o terminaremos, mas não quero dizer agora e de repente ficar ‘Hm…’ (em dúvida). É o bastante?”

“Totalmente,” concordou Yates. “Nós temos sim um critério, mas nós vamos ter certeza quando começarmos a edição, acho.”

“Estou tão empolgado com o sétimo filme.” disse Daniel Radcliffe ao mar de jornalistas mais cedo. “Eu não sei se todos tiveram a mesma experiência do que eu nos últimos dias, mas vendo o sexto filme novamente, me dou conta de que estamos fazendo algo muito, muito diferente com o sétimo filme.”

“Não é sempre que no meio dos processos de filmagem, você pára e pensa ‘Isto vai ser sensacional’ e eu fiz isso algumas vezes,” confirmou Emma Watson. “nós acabamos de fazer essa cena incrível na floresta onde estamos sendo perseguidos pelos caçadores de recompensas, e eu nunca fiz nada como aquilo, nem perto disso. Eu nunca tinha feito, na verdade, nenhuma acrobacia ou ação de verdade, e é tão empolgante e tão dinâmico. Como todos já terminamos a escola, estamos totalmente concentrados nesse encerramento. É fora de Hogwarts, praticamente só nós três. Será… bem, eu espero que seja genial e que pareça totalmente diferente. Sinto como se estivesse em um filme diferente. Os outros têm essa estrutura: você sabe, entramos no Salão Principal e há as conversas iniciais e acabou. Acabou.”

“Relíquias da Morte”, o filme, termina com um epílogo com os personagens dezenove anos à frente, e os criadores foram questionados como conseguiriam realizar isso e se envolveria os atores já existentes ou atores mais velhos parecidos com eles. “Ainda estamos pesquisando como iremos lidar com isso,” respondeu Heyman e Yates acrescentou, “É uma parte incrivelmente bonita do livro e uma das coisas mais especiais sobre esta série, eu acho, é o fato de que você cresceu com estes personagens. Eu acho que é o que torna isso especial para a platéia, então faremos isso no final da parte 2, mas estamos explorando várias opções sobre como fazê-lo. Nós ainda não nos decidimos, na verdade. Provavelmente nada de tecnologia estilo ‘Benjamin Button’. Nós consideramos isso, mas não achamos que é o caminho que iremos tomar.”

“Muito de ‘Benjamin Button’ envolveu fazê-los mais jovens e nós estamos pegando pessoas que têm 20 anos de idade e fazendo-os parecer ter 30 e poucos anos, então é uma experiência diferente,” Heyman confirmou. “Pode ser que usemos um pouco (da tecnologia), mas ainda estamos num estágio de pesquisas. Iremos fazer tudo que pudermos para serem Dan, Rupert e Emma nesta parte, não outros atores.”

Watson também declarou que ela e Rupert Grint já filmaram a grande cena do beijo duas semanas atrás. “Não foi algo que estávamos ansiosos (para fazer),” disse Grint. “Foi um dia bastante extenuante para ter ainda que pensar sobre fazê-lo, mas acho que correu tudo bem no final.”

“Sim,” Watson concordou. “David geralmente não nos deixa assistir ao playback, mas nos deixou ver dessa vez nessas condições, porque acho que eu e Rupert estávamos bastante nervosos, com medo de que parecesse ingênuo, já que estávamos tão desesperados para acabar logo com aquilo. Acho que eu e Rupert sentimos a pressão daquele beijo, e (para) os fãs, isto é como o equivalente a dez anos de tensão, hormônios e química, tudo em um só momento, e tínhamos que ser perfeitos, então foi algo como ‘Oh, Deus’ mas espero que tenhamos conseguido.”

Harry Potter e o Enigma do Príncipe estréia quarta-feira, dia 15 de Julho. Teremos mais do Sr. Yates na próxima semana, incluindo ele nos falando sobre explodir Hogwarts… e possivelmente até um bom pedaço dos estúdios Leavesden neste processo!