Não categorizado

Radcliffe revela abominar homofobia à revista gay

O ator Daniel Radcliffe foi entrevistado e aparece na capa da nova edição da revista Attitude, na qual ele fala sobre homofobia e política. O The Sun publicou a capa em baixa resolução e uma prévia da conversa, confiram um trecho abaixo:

Eu simplesmente abomino a homofobia. É simplesmente nojento, animal e estúpido as pessoas com a cabeça fechada e que têm medo desse assunto. Eu cresci em torno de pessoas totalmente gays. Eu era a única criança na minha turma que tinha qualquer experiência com a homossexualidade ou algo assim.

A tradução completa dessa prévia vocês podem conferir na extensão, e assim que os scans da revista caírem na internet, nós os traremos a vocês com o texto inteiramente traduzido.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

DANIEL RADCLIFFE
Prévia da entrevista à revista Attitude

The Sun ~ Gordon Smart e Sean Hamilton
24 de julho de 2009
Tradução: Daniel Mählmann

O astro Daniel Radcliffe de Harry Potter confessou em uma franca entrevista a uma revista gay – ele é um democrata liberal.

O belo ator – que fez 20 anos ontem – aparece na última capa da Attitude e dentro revela seus verdadeiros sentimentos políticos.

Ele fala de sua profunda antipatia pelo primeiro-ministro Gordon Brown e o líder do Tory*, David Cameron.

O multi-milionário também conta como ele cresceu rodeado pelos amigos gays de seus pais e odeia qualquer com atitude homofóbica.

Radcliffe – que não é gay e está namorando a atriz Laura O’Toole – disse: “Eu simplesmente abomino a homofobia. É simplesmente nojento, animal e estúpido as pessoas com a cabeça fechada e que têm medo desse assunto.”

“Eu cresci em torno de pessoas totalmente gays. Eu era a única criança na minha turma que tinha qualquer experiência com a homossexualidade ou algo assim.”

O ator – que luta contra os Dementadores sugadores de alma como o garoto bruxo e está atualmente estrelando em Harry Potter e o Enigma do Príncipe – disse que ele apóia o líder do Partido Liberal Democrata, Nick Clegg, porque os outros partidos não oferecem nada aos jovens.

Ele disse: “Eu gosto bastante de Nick Clegg. Na próxima eleição, eu vou quase certamente votar no Partido Liberal Democrata.”

“Se todas as pessoas que gostam deles votarem neles, você poderia mudar a política da noite para o dia e nós poderíamos ter um sistema apropriado de três partidos.”

Questionado sobre Gordon Brown, ele disse: “Paul Merton disse, e eu concordo com ele, ‘é uma tragédia que esse homem tenha esperado toda sua vida para fazer esse trabalho – e agora ele descobre que não pode fazê-lo.'”

“Eu não gosto da questão do New Labour. Eu nunca experimentei o otimisto do New Labour, eu era muito novo, mas soube que que todo mundo ficava para cima e isso foi fantástico. Eu vi apenas os anos ruins dele.”

A opinião de Radcliffe sobre David Cameron não é mais positiva.

Ele se irritou: “Não! Não, não, não, não, não! David Cameron é dificilmente distinguível de Tony Blair.”

Ele acrescentou: “Acho que a razão pela qual as pessoas não votam é porque os políticos estão todos tão centrais agora, parece não não importa em quem você vai votar.”

Ele também amaldiçoou o Partido Nacional Britânico, que ganhu dois lugares nas recentes eleições Européias, dizendo: “Eu odeio qualquer tipo de preconceito.”

NOTA DO TRADUTOR:

* Tory: Nome do antigo partido de tendência conservadora do Reino Unido.