Eventos ︎◆ Filmes e peças ︎◆ O Enigma do Príncipe

Fotos e relato exclusivos da premiere londrina de EdP!

Há alguns dias os fãs brasileiros acompanharam aqui no Ish a cobertura da premiere mundial de Harry Potter e o Enigma do Príncipe em Londres, com transmissão ao vivo, fotos em alta resolução e até mesmo uma “narração” via Twitter.
Agora a nossa equipe traz algumas fotos e relato exclusivos feito por um visitante do site que pôde comparecer à premiere. Mathws tirou algumas fotos bem legais mostrando o elenco, o diretor e a querida JK Rowling, e transpôs para as palavras suas sensações daquele dia através de um relato bastante envolvente.

Vocês podem ver todas as imagens a partir desse link, e o relato, ao lado de uma crítica do jovem sobre o sexto longametragem, se encontra em notícia completa! Muito obrigado, Mathws!

HARRY POTTER E O ENIGMA DO PRÍNCIPE
Relato e crítica de fã sobre a premiere londrina

Potterish.com ~ Mathws
19 de julho de 2009

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

O LOCAL
No dia anterior (06/07) à premiere do filme, fui ver como era a Leicester Square, pra ter uma idéia da atmosfera que iria se conjurar ali no dia seguinte. Fiquei surpreso pois JÁ TINHA FÃ ACAMPADO LÁAAA! Ainda troquei umas palavras com uma garota de óculos geek, que me disse que se eu quisesse ver tudo direitinho eu teria que chegar de manhã cedinho. Bom, cedinho não, mas acabei chegando cedo sem querer, pois fui às 10:30 apenas pra checar a situação e só então ir mais tarde, mas não, acabei ficando logo, pois já tava tudo cheio de gente. E tipo, a premiere começaria às 18:00.

Hoje, depois de tudo, eu digo: FOI A COISA MAIS DESGASTANTE DO MUNDO! Vistas as horas de ficar em pé, apertado em meio a fãs enlouquecidos, sem poder ir comprar comida. Eu pensei: “Será só essa vez, pra saber como é a experiência de viver aquela loucura toda”. E desde então, me prometi que próximo tapete vermelho, só se eu fosse convidado (hehe!) ou se eu trabalhasse na produção. Desculpe-me os fãs mais fervorosos, mas meu ego não me permite ficar ali horas e horas, debaixo de chuva e apertado, pra ver pessoas que nem me conhecem. Sou mega fã, maaaas não, de novo não.

Bom, as horas iam passando e a cena foi se conjurando. Mais aperto, mais gente, mais chuva. E foram chegando os primeiros repórteres, TVs, e tal. Durante todo o tempo que fiquei ali a chuva ia e vinha. Mas a que veio pontualmente junto com o início do evento, às 18:00, foi CINEMATOGRÁFICA! Era guarda-chuva voando, todo mundo gritando, vento… Aliás, vento não, tufão mesmo. O local ficou A-LA-GA-DO! Tipo alagado mesmo, sabe? Criou-se um córrego bem na porta do Odeon. Achei que tudo ia ser cancelado, mas a chuva passou e só nós, pobre mortais, aliás, Muggles/Trouxas, que parecíamos atingidos por tal chuva. Eu acho que eles deveriam ter feito alguma cobertura, porque tipo, chove todo sagrado dia em Londres e premieres de Harry Potter já tinham acontecido com chuva…

CONVIDADOS
No início foram chegando algumas celebridades famosas só na Inglaterra, e eu sabia porque o pessoal gritava e se apetava mais (a essa hora eu estava mais atrás, pois preferi me posicionar em cima de uma grade pra ver melhor e não ser atingido tanto pela chuva). Desse pessoal do início, ainda reconheci o Tim Burton, mas quase não o percebi, porque ele VRUUUUPT! Passou e nem tchauzinho. Aí passou o Michael Gambon (Alvo Dumbledore), que foi meio seco. Veio o MUUUUUITO simpático Mark Williams (Arthur Weasley), que ao descer da escada, estabacou-se no chão, digo, escorregou. Mas o coitado foi logo indo pros fãs morrendo de rir, sendo bem legal e atendendo a todos. Veio o David Bradley (Argo Filch), veio a indiana que faz a Pavarti Patil, mais linda ao vivo! A atriz Jessie Cave (Lilá Brown), também muito legal e bonitinha.

O Robbie Coltrane (Hagrid). Ele está muito gordo, e precisou de ajudinha pra descer a escada que dava acesso a essa parte em frente ao Odeon. Não posso deixar de dizer que eu pensei: “Meu, ele não pode ficar tão debilitado assim, ele tem que terminar os filmes, ora bolas!” Mas enfim… Ele foi super legal e tal. Depois dele veio o diretor do filme, o David Yates. Ainda deu pra ouvir ele falando algo como: “Pessoal, eu espero que vocês gostem do filme e assistam ele várias vezes!” (Hum, espera só o que digo no final desse texto). Mas ele foi bem simpático. Aí passou a Bonnie Wright… Tipo, passou mesmo e só. Alguém avisa a ela que o mínimo que ela tem que fazer é dizer “Thank you!”. Quando ela passou, com uma amiga ao lado, diante de toda a gritaria, sua única reação foi: “Hi!”, com cara de “Não-sou-chegada-a-sangue-ruim”. Entrou no Odeon e só… Grilos? Mas não posso esquecer de dizer que ela é linda absoluta ao vivo, não, sério… LINDA MESMO!!

JKR, EMMA, RUPERT, DAN
A JK Rowling. Meu, pra mim, junto com a Emma e o Rupert, é quem mais importa ali. FOI A GRITARIA! Mas ela foi, digamos, automática. Não ria, só falava com as pessoas da sua entourage. Pegou a caneta pra autografar, autografava, falava algo mais com sua entourage, aí foi do outro lado, autografou mais e só. Nenhum sorriso, nada. Claro, ela deve ter falado algo pros fãs que gritavam por ela quando ela estava junto a estes dando autógrafos, mas foi seca… /protofalei! Mas OK, era a JK Rowling, e tipo, tudo ali devia-se a ela, né?

A Emma Watson (Hermione). O QUE É AQUILO, HEIN? Se eu já gostava dela, agora eu gosto MAIS (quase se estabaca no chão, pois tava de mãos dadas com o David Heyman, produtor dos filmes, que escorregou e quase… Eu fiz vídeo disso, apesar de estar um pouco tremido). Meu, a Emma é incrível! Ela é agradecida com todos demaaaaaais. Muito simpática, muito legal, linda de matar, mais magra ao vivo. Tipo, nessa hora, eu me joguei no meio do pessoal enlouquecido e fiz video da presepada toda. Fiz fotos, mas era impossível estas saírem boas. Mas dela eu ainda consegui fazer uma ou duas fotos de perto. Ela foi muito legal, meuuuuu! E ainda fez um pessoal chorar, do qual eu fiquei olhando assim… Tipo… É muito loucura, mas… Enfim.

O Rupert (Rony) é cool, né?… Calmo… Cool… Bem calmo, bem cool… Super calmo, cool… Relax, atende a todos, não faz muito alarde e esse é o jeito dele. Ele foi o único que passou por onde estávamos (final do trajeto) antes de entrar na praça (local onde estava a impressa). Tipo, começou pelo final. E como eu estou numa fase de minha vida, onde coisas cools pra mim é ser diferente e ao mesmo tempo simples e natural, então o Rupert foi pra mim… Incrível!

O Daniel Radcliffe (Harry Potter)… Claro, a estrela da vez, ele é simpático, legal, mas não atende todo mundo. Atendeu uma parte dos fãs e entrou no Odeon… Todo mundo ficou… Assim… COMOASSIM? Desculpe-me os fãs mais árduos, mas ele é um saco. Tá, eu falo assim talvez porque eu estava cansado, mas ele devia a todos que estavam ali, né?. Nem chegou perto do que o Rupert e a Emma fizeram aos fãs naquela hora.

A CONCLUSÃO
Tudo bem que eu me posicionei ao final do trajeto, e depois vi vídeos no YouTube, deles todos curtindo tudo em meio a loucura. Mas o saco deles tem que durar do início ao fim do evento, como foi o da Emma e do Rupert, por exemplo.

Tipo, eu não falo por mim, que mesmo sendo um fã há quase uma década, fui apenas pra passar pela experiência, viver e ver a loucura que é a World Premiere do Harry Potter em Londres, como já falei. Falo por todos que estavam ali, que dormiram ali, que tomaram A chuva, que brigaram pelo melhor cantinho, se apertaram pra vê-los e o cara passa e não retribui a altura, meu! Tenho certeza absoluta que todos os proeminentes ali, sabem o grau de idolatria que Harry Potter provoca em muitas pessoas e principalmente dos fãs presentes. Não era o primeira premiere deles e estes sabem muito bem o que um fã é capaz. Então, eles têm a mínima OBRIGAÇÃO de se cansarem e terem a mesma paciência que os fãs têm e atenderem o máximo possível. Eles são muito mais atenciosos com os repórteres, mas enfim… Há agenda… Bla bla bla…

OK, você pode até ser arrogante, coisa que eu também seria tendo o nível de idolatria que eles têm, não vou mentir. Deve ser um saco mesmo você ser reconhecido em todo canto e todos saberem o que você faz toda hora, mas premiere é um hiato porque é contato real com o fã. Os atores estavam trabalhando e se você é o ídolo, seu dever é atender seus “clientes”, certo?

Só uma curiosidade. Enquanto todo mundo se matava pra pegar um pôster, eu perguntava a todos da produção se eles não poderiam me dar um dos guarda-chuvas que eles estavam usando pra proteger os atores do filme. Nenhum queria me dar um sendo que havia centenas destes e a quem eu pedia olhavam pra mim com uma cara de: “Tanto pôster aí e vc vem me pedir um guarda chuva?” Ok, eu sei, mas os guardas-chuva eram foda!! Bom, sei que fui dar uma volta na Leicester Square pra ver se tinha um solto. RARÁAAAAAAA!!! Tinha. Fiz a linha-desinformado e VUPT! Peguei um pra mim. E está sendo muito útil.

SOBRE O FILME
Bom, cheguei em Hamburgo (Alemanha), onde moro, dia 14 e no dia seguinte fui ver o filme. O QUE DJABO FOI AQUILOOOOOOOOO! Se eu já tivesse visto o filme quando ouvi o David Yates (Diretor), na premiere pedindo pra gente assistir e esperando a nossa aprovação, eu teria dito alguma verdade. Meu, a pior adaptação do livro ever. Por que? Pois eles simplesmente cortaram a maior parte do clímax do livro, DO CLIMAAAAAAAAAX!!! Claro, que tem muita coisa que não está no filme, como a mãe do Voldemort, como os resultados dos O.L.W.S., como os Dursleys… Isso a gente já espera, mas CORTAR O CLIMAX DA HISTÓRIA? GRRRRRRRRRRRRRRRRR!!! Nunca saí do cinema decepcionado depois de ter visto em filme de Harry Potter, pois eu sou mó ciente que muita coisa não deve ser como no livro, mas meu CADÊ A GUERRA que há logo após morte do Alvo? Quando o Harry tomou toda a FeliX Felicis, eu já comecei a pensar que já iam fazer merda. Sem falar que o filme tá mais pra comédia do que pra drama. Tipo, o livro é mó tensão, num é?

Pô meu, o Dumbledore morrendo nem teve a mesma emoção que o Sirius. Sem falar que nem o enterro dele teve, nem uma coisinha de nada. Bons tempos foram os do Cuaron e do Mike Newell, pra mim os melhores filmes feitos da série. Espero que as duas últimas partes, já que vão dividir, sejam mais bem adaptadas. Mas parece que tô vendo duas partes de 1h45m, tipo isso, sabe? TEM QUE SER DUAS PARTES DE 2h30m, como se cada parte fosse um livro. Mas enfim.

Só pra constar também, tenho que dizer que achei a fotografia do filme muito carregada de efeito. Nada estava muito natural. E pra quem não leu o livro, não vai saber o quão importante é o Lobisomem Greyback, pois no filme não está muito claro quem é esse personagem. Mas, bom é que a Lilá Brown está um máximo, a Belatrix INCRÍVEL! A Luna e o Malfoy perfeitos.