A Ordem da Fênix ︎◆ J. K. Rowling ︎◆ Livros

Rowling fala sobre o véu em entrevista à Melissa Anelli

Lembram-se da Melissa Anelli, webmistress do TLC e autora da obra “Hogwarts, a History”? Há algumas semanas ela divulgou em seu site um trecho do prefácio escrito por JK Rowling para o seu primeiro livro, e agora ela nos brindou com mais uma novidade.A jovem havia revelado anteriormente ter tido a oportunidade de entrevistar Jo para complementar o conteúdo de sua obra; e agora ela acabar de publicar um trecho dessa conversa. Mas não qualquer um… ele fala sobre o mistério do Véu!

É a divisa entre a vida e a morte. Eu tentei fazer uma referência àquilo no Conto dos Três Irmãos – ela estava separada deles como que por um véu. Você não pode retornar se atravessar aquele véu, você não pode voltar. Ou, de qualquer modo, você não pode voltar de nenhum jeito que faça qualquer pessoa feliz.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Mas quando eles cercam aquele véu (na Ordem da Fênix), eu estava tentando mostrar que dependendo do grau de ceticismo ou crença acerca do que existia adiante – porque Luna, é claro, é uma personagem muito espiritual. Luna acredita firmemente numa vida após a morte. Essa é a idéia de fé. Harry pensa que pode escutá-los; ele é atraído por eles. Rony está apenas assustado, como imagino que ele estaria – ele apenas sabe que isso é algo com que ele não quer se meter. Hermione, a extremamente racional Hermione – ‘não escuto nada, saia de perto do véu.’ Então se você atravessa o véu, você está morto. Está morto. O que você encontra do outro lado, bem, essa é a questão.

Confiram a tradução na íntegra em notícia completa! Muitíssimo obrigado novamente à Praty!

Nota: A entrevista foi publicada inicialmente com uma fala de Jo dizendo que a Luna era muito “skeptical” (cética), e contendo uma observação da Melissa Anelli avisando que ela iria conferir o áudio para ter certeza de que fora essa a palavra utilizada pela autora. Depois a Melissa mudou a palavra para “spiritual” (espiritual), portanto, o erro não foi de tradução – apenas pegamos a entrevista antes de sua correção.

JK ROWLING
Mais sobre aquele Véu

Hogwarts, a History ~ Melissa Anelli
24 de setembro de 2008
Tradução: Dérick Andrade Moreira

JKR: Todos queriam ir além do véu.

MA: Isso está muito baseado no cânon¹, mas há coisas que como fã eu simplesmente tenho que saber. Muitos fãs vêem o véu como essa separação-

JKR: É a divisa entre a vida e a morte. Eu tentei fazer uma referência àquilo no Conto dos Três Irmãos – ela estava separada deles como que por um véu. Você não pode retornar se atravessar aquele véu, você não pode voltar. Ou, de qualquer modo, você não pode voltar de nenhum jeito que faça qualquer pessoa feliz.

Mas quando eles cercam aquele véu (na Ordem da Fênix), eu estava tentando mostrar que dependendo do grau de ceticismo ou crença acerca do que existia adiante – porque Luna, é claro, é uma personagem muito espiritual. Luna acredita firmemente numa vida após a morte. Ela é muito clara nisso. E ela os sente falando ou os escuta falando muito mais nitidamente que Harry. Essa é a idéia de fé. Harry pensa que pode escutá-los; ele é atraído por eles. Mas Harry teve uma vida tão cheia de mortes que ele agora possui uma curiosidade fortemente não característica sobre a vida após a morte, especialmente para um menino de 15 anos, como ele é na Fênix. Rony está apenas assustado, como imagino que ele estaria – ele apenas sabe que isso é algo com que ele não quer se meter. Hermione, a extremamente racional Hermione – ‘não escuto nada, saia de perto do véu.’ Então se você atravessa o véu, você está morto. Está morto. O que você encontra do outro lado, bem, essa é a questão.

Se eu acredito que existe vida após a morte? Sim, eu realmente acredito que exista. Eu realmente acredito numa vida após a morte, apesar de ser absolutamente movida pela dúvida e sempre ter sido, mas fazer o quê.

Eu não havia antecipado, apesar de que eu realmente devia ter tido, o quão interessadas as pessoas ficariam em ir além do véu. E um monte de pessoas, incluindo o Dan (Radcliffe), queriam atravessar o véu. Mas isso não devia me surpreender pois adolescentes são muito interessados.

MA: Dan meio que vai além do véu.

JKR: Sim, ele vai, mas não literalmente além do véu.

MA: Não querendo forçá-la. A Gina, Gina consegue ouvir porque ela já passou por,

JKR: Eu acredito que as mulheres são mais aptas a ouvir do que os homens. (Gina e Harry) realmente são almas-gêmeas. Acredito que ela é parecida com Harry. Ela possui uma curiosidade intelectual e possui alguma fé. Hermione (é) totalmente racional. “Vamos todos dar as costas ao véu e fingir que não escutamos nada.”

Nota do Tradutor:
1- Cânon é o conjunto de informações da série.