Sem categoria

Tom Felton é entrevistado pela Scholastic e comenta sobre sua música

Tom Felton, ator que interpreta Draco Malfoy na série, foi entrevistado pelo blog da Scholastic, editora norte-americana dos livros Potter, de acordo com o TLC. Na entrevista Tom fala um pouco sobre seu personagem e a reação que tem dos fãs. Tom também responde a uma pergunta que confessa nunca terem feito – sobre vídeos dele tocando e cantando que ele mesmo postou no YouTube. Leia um trecho abaixo:

Uma amiga minha, uma boa musicista amiga minha, mudou-se há aproximadamente um ano e meio, e ela sempre gostou muito de ouvir músicas novas. Nós descobrimos que o melhor jeito de fazer isso era colocar no YouTube – sob um pseudônimo, óbvio.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Seu canal no YouTube pode ser acessado através desse link, e a entrevista na íntegra pode ser conferia em notícia completa.

TOM FELTON
Tom “Draco” Felton divulga um segredo!

Scholastic ~ Karen W.
13 de agosto de 2008
Tradução: Fernanda Midori
Revisão: Raquel Monteiro

Em uma postagem prévia do blog, revelei que algumas vezes gosto de abraçar um desenho para recortar de cartolina de certo menino bruxo. Então não deve ser surpresa que eu quase caí da cadeira quando eu ouvi que a Scholastic ia ter uma oportunidade de entrevistar Tom Felton, que interpreta Draco Malfoy nos filmes Harry Potter!

Eu não ia fazer a entrevista, mas eu tive a chance de enviar algumas perguntas – e Tom Felton disse que uma das MINHAS perguntas nunca fora feita antes! Quando eu ouvi sobre isso, não podia estar mais satisfeita comigo mesma do que estaria se fosse Percy Weasley!

Esta foi minha pergunta:
Você postou alguns vídeos de música no YouTube, onde você toca violão e canta. As músicas são todas originais e faz quanto tempo que você vem compondo e tocando-as?

E aqui está o que Tom disse:
Eu não vou mentir. Essa é a primeira vez que um entrevistador me perguntou sobre isso. Uma amiga minha, uma boa musicista amiga minha, mudou-se há aproximadamente um ano e meio, e ela sempre gostou muito de ouvir músicas novas. Nós descobrimos que o melhor jeito de fazer isso era colocar no YouTube – sob um pseudônimo, óbvio. Mas não ficou escondido por muito tempo, e agora está no domínio do público. Então, isso nunca foi feito com a finalidade de ser uma publicidade de qualquer forma, mas sim, são canções originais e obviamente não foi desenvolvida de nenhum modo, mas é um tipo de esboço. Apenas um pouco de diversão! Mas parece que tem uma resposta positiva, então estou adorando.

Impressionante, certo? Bem, pensei que sim, de qualquer jeito…

Agora, sem mais alvoroço… aqui está Draco!

Scholastic: Qual sua opinião sobre Draco?
Tom: Não é uma muito agradável, eu te asseguro. Eu acho que penso nele como um filho único mal orientado, que tem sido um pouco intimidado em seu estado de espírito. Mas a curto prazo, ele é uma parte desagradável do trabalho. Um personagem repugnante, incômodo que não pretende fazer nada bom e certamente em benefício a alguém.

Scholastic: Bem, minha próxima pergunta ia ser, “Você acha que as pessoas o entendem errado?” Mas acho que você já a respondeu.
Tom: Bem, creio que “sim” seria a resposta. Justamente por isso, ele não faz um ótimo trabalho ao tentar convencer de outra maneira, não é?

Scholastic: Seus fãs já te trataram um pouco como Draco? Como se fosse um garoto mal?
Tom: Já aconteceu, sim. Principalmente com a geração mais jovem – cerca de 6 ou 7 anos ou menos. Eles podem preferir sair do caminho ao ver me ver. Eles parecem me associar com algo negativo, o que eu posso apenas levar como um elogio, de fato, eu creio.

Scholastic: Há alguma história ou conflito que você lembra que envolveu uma fã se aproximando de você como se fosse o cara mau?
Tom: Algumas pessoas levam muito a sério o fato de eu estar fazendo a vida de Harry na escola não muito agradável, e eles contestariam comigo para não atormentá-lo. Mas não sei se estavam levando isso a um nível mais avançado ou se estavam na verdade confusos se essa era a vida real ou o filme – algo desse gênero. Foi um pouco chocante, pra falar a verdade. Tentei garanti-los que nada era real, e eu e Daniel somos bons amigos, mas não parece ter esclarecido as coisas.

Scholastic: Você é um grande fã de pesca. Pode parecer estranho, mas há alguma semelhança entre atuar e pescar?
Tom: Você sabe que nunca pensei sobre isso até você perguntar. Paciência. Paciência é muito requisitada na pesca e quase a mesma coisa com as filmagens. Obviamente, alguns dias não é tão rápido quanto você tinha esperanças ou quanto você esperava. Mas é tudo sobre manter a energia e manter – não só a paciência – mas apenas aproveitar cada minuto disso. Porque às vezes pode ser bem fácil meio que cair bruscamente para trás se você tem uma ou duas horas para esperar e é importante fazer mais do tempo com o elenco e a equipe enquanto você ainda está lá.

Scholastic: Há algum momento de Draco Malfoy dos livros que você ficou desapontado por não terem incluído no filme?
Tom: Não, não pensaria assim. Digo, lembro-me de ter lido o livro antes e pensado “Oh, Deus! Isso será divertido!” Eu estava principalmente esperando ansiosamente pela piscina no banheiro e ser capaz de bater no jovem rosto de Potter no Expresso de Hogwarts. Eu sempre estive esperando ansioso por coisas de natureza física. Mas todos eles foram incluídos, então, não tem problema.

Scholastic: Vocês têm algum ritual no set ou tradições quando estão filmando?
Tom: Eu não iria tão longe quanto aos rituais, mas devo dizer que pedir uma xícara de chá não dói. Logo antes de termos pego os procedimentos, então falar. Talvez uma xícara de chá, talvez um biscoito ou dois para acompanhar se for sexta-feira. Mas outra coisa além disso, não, nós certamente não ficamos em círculo e cantamos ou qualquer coisa do tipo.

Scholstic: É por isso que nós americanos adoramos você britânicos!
Tom: Por que isso? Uma xícara de chá?

Scholastic: É tão civilizado!
Tom: Oh, muito. Nós sempre nos falamos no meio do intervalo – falamos sobre política e todo o resto disso… Estou só brincando – longe disso! Nós somos bem primitivos. Pegamos nossas xícaras de poliestireno, esse tipo de coisa.

Scholastic: Qual a melhor coisa sobre participar de uma filmagem?
Tom: O vínculo entre o elenco e a equipe é sempre uma boa (coisa). Todo dia você está subconscientemente ficando cada vez mais perto, mas você não percebe até que chega a hora de dizer adeus e você pensa, “Oh, wow. Há apenas algumas semanas que eu não conhecia essa pessoa.”

Scholstic: Você tem algum livro favorito?
Tom: No momento estou lendo “A Origem das Espécies” de Charles Darwin, e por algum motivo a questão meio que esvaziou minha mente de todos outros tipos de literatura. Mas quando era criança eu era fascinado por Rudyard Kipling e Roald Dahl… Hoje em dia eu não me atreveria a escolher apenas um, pra ser honesto. Nós vamos com Shakespeare, o que você acha?