A Ordem da Fênix ︎◆ O Enigma do Príncipe

Yates e Heyman falam sobre Enigma do Principe

Mal o quinto filme de Harry Potter estreou no cinema, e já está se falando do próximo! O diretor David Yates, já confirmado para o Enigma do Príncipe, e o produtor David Heyman falaram ao ComingSoon e à MTV sobre as próximas filmagens da série. Confira abaixo, respectivamente:

CS: Já que vocês vão dirigir o próximo Harry Potter, quais são seus planos para o sexto filme?
David Yates: Uma das coisas que falamos quando terminamos Ordem da Fênix foi que nós queríamos uma experiência bem diferente na próxima vez. Nós estamos muito orgulhosos deste filme, a intensidade, e emoção e tudo mais. Uma das melhores coisas que Jo Rowling faz no livro é capturar fases da infância, então a próxima fase da infância é um pouco de sexo, drogas e rock’n’roll.
David Heyman: Não drogas.

Já a MTV aproveitou a premiere de Los Angeles para entrevistar o elenco e a equipe técnica. No meio disso, há algumas citações do diretor relacionadas ao 6º filme, como é mostrado abaixo:

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

“Em Enigma do Príncipe, que estamos preparando agora, nós temos Horácio Slugborn, e estamos justamente fechando o acordo com o ator agora. Ele vai ser absolutamente fantástico”. Revelando que o ator é um rosto conhecido, Yates acrescenta: “Não quero falar ainda o nome dele, porque ele ainda não fechou o acordo – mas eu tenho quase certeza que vamos conseguir ele”.

Leia o restante da entrevista do ComingSoon aqui, e da MTV em notícia completa.

PREMIERE ORDEM DA FÊNIX
Elenco de “Harry Potter”, Hannah Montana, Ashley Tisdale encantados no Premiere da “Fênix”.

MTV ~ Larry Carroll
9 de julho de 2007
Tradução: Virág Venekey

A estrela de Hannah, Miley Cyrus, não se cansa de toda a magia no tapete vermelho de Hollywood.

HOLLYWOOD – Trouxas, mágicos e estrelas de filme convergiram no Grauman’s Chinese Theatre no domingo para estar entre os primeiros a assistir “Harry Potter e a Ordem da Fênix”, o quinto filme daquele que pode ser a série de filme mais popular de todos os tempos. Apesar de um sol desumano diminuindo as suas palidezes inglesas, as estrelas Daniel Radcliffe, Emma Watson e Rupert Grint receberam milhares de fás aos berros e insistiram que o filme mais sombrio até agora indica um futuro brilhante para a franquia.

“Este é minha primeira premiere em L.A., embora eu já estive em Nova York antes”, afirmou Daniel Radcliffe, vestindo um terno e gravata e acenando fixamente para meia-dúzia de arquibancadas cheias de fás gritando. “L.A., você é uma cidade muito diferente de qualquer lugar que já estive na minha vida. É apenas diferente e ligeiramente estranho. É mais limpo que Londres – mas eu gosto da sujeira de Londres”.

Andando ao longo de um tapete vermelho suficientemente comprido para um romance com 896 páginas, a equipe de Potter premiou o seu filme com uma multidão que incluía as estrelas de “Heroes” Mais Oka, Asley Tisdale do “High School Musical” e a escladora de paradas com “Hannah Montana”, Miley Cyrus.

“Esse tapete vermelho é realmente muito longo e há toneladas de fás além dele”, maravilhou-se Tisdale, admitindo que os fás de Potter possam estar superando os viciados de “High School Musical”.

“Você acharia que na altura do número 5 as pessoas estariam como “Outro filme de Harry Potter? Quem quer saber?”, abria um largo sorriso Watson, que faz Hermione Granger na série. “Mas é ainda maior. Há mais pessoas aqui do que tinham quando nós viemos aqui para a Câmera Secreta, e estes filmes estão ficando cada vez melhores”!

“Este é um pouco mais sombrio, realmente”, afirma Grint, que faz o amigo de Harry, Ron Weasley. “Não há muito momentos tranqüilos nele. Está mais adulto também – o que é realmente bom”.

Grint foi recebido em L.A. como um herói conquistador, passando pelos fás com assinaturas representando versões desenhadas à mão de ladrões de coração com cabeça vermelha – muitos inclusive entoando numa canção ensurdecedora. “Foi ‘Weasley é o nosso rei’! Está no livro”, falou da canção, usado tanto sarcasticamente, como posteriormente, de forma amável nas páginas de Fênix, mas cortado de última hora do filme. “De fato, é muito maneiro [escutar isso]. Não acontece o tempo todo – só em acessos”.

“Não tenho idéia porque as pessoas gostam de mim”, ri Radcliffe, rindo da sua própria canção desafinada de “Daniel! Daniel!”. “É somente a associação com os livros. Mas é legal que eles fazem isso, e a razão que eles amam os livros é porque é um conto de fadas brilhante”.

“Este universo é tão rico, e há tantas coisas para representar nele”, afirmou o diretor David Yates, o novato da franquia Potter. “Para mim esta história foi sobre intensidade e emoção, e foi sobre crescer acima do mundo. Este é um mundo com o qual todos estão familiarizados, mas estava na hora de crescer com ele um pouco. Eu acho que a audiência está preparada para isso porque eles se tornam mais velhos a medida de cada filme”.

Yates revelou que vai começar a filmar “Harry Potter e o Enigma do Príncipe” em setembro e que ele colocou algumas pistas em Fênix para continuar na sexta parte. “O relacionamento entre Gina e Harry, há um pouco de prévia disso nesse filme em pequenos momentos, e há algumas linhas que os fás podem curtir, pequenos presentes que espero que eles percebam”.

Adicionando que ele poderia também dirigir o sétimo filme “se ainda estiver dentro em um ano”, o diretor revelou que ele vai anunciar em breve a escalação para o papel mais importante do sexto filme. “Em Enigma do Príncipe, que estamos preparando agora, nós temos Horácio Slugborn, e estamos justamente fechando o acordo com o ator agora. Ele vai ser absolutamente fantástico”. Revelando que o ator é um rosto conhecido, Yates acrescenta: “Não quero falar ainda o nome dele, porque ele ainda não fechou o acordo – mas eu tenho quase certeza que vamos conseguir ele”.

Falando sobre o tópico de decisões sobre escalação, algumas estrelas de Potter deixaram suas imaginações correrem soltas conosco, revelando o papel que eles mais gostariam de fazer se não estivessem firmados nos seus personagens icônicos.

“Há tantos realmente bons”, diz Grint. “Eu realmente gosto do Snape de Alan Rickman. Ele o faz perfeitamente então eu não sei como o faria [diferente]”.

“Se eu fosse mais velho? Sirius Black”, falou Radcliffe sem perder a chance. “Eu faria qualquer coisa que Gary Oldman faz. Embora, eu nunca faria tão bem quanto ele”.

Julgando pelos fás que lotam Hollywood Boulevard, ninguém poderia fazer também melhor do que essas estrelas jovens. E com a sexta feira chegando, os resultados de caixa estão para reforçar isto novamente.

“Eu vi todos os filmes”, entusiasma-se Cyrus, olhando ansiosamente para a entrada do cinema. “É a magia de tudo – em qualquer momento que você assiste à um filme onde há algo que você não pode experimentar, mas você assiste ao filme e sente como se estivesse experimentando com o resto dos personagens… Isto é muito excitante!”.