Não categorizado

Watson na Tatler – scans traduzidos

Emma deixou definitivamente sua antiga figura de ruivinha infantil para rumar a um novo e importante degrau em sua vida. De Chanel e lantejoulas a Sra. Watson mostra como se portar num elegante mundo de celebridades, sem deixar de lado sua doce inocência.

A edição de julho da inglesa Tatler põe nossa atriz em foco para uma visão mais ampla do seu trabalho e a relação dele com sua vida particular.

Continue after the AD

Moda, cor de rosa berrante e algo mais podem ser vistos na matéria completa clicando aqui. Para os scans clique aqui. Cortesia EW.net.

EMMA WATSON
Tatler Magazine
Edição de Julho
Tradução: Virág Venekey

Capa

Emma Watson sobre fama, moda, Harry Potter e Hermione.

Página 1

Fotografia por: Robert Erdmann
Roupas por: Charlie Anderson

Garota Bruxa:
Emma Watson colocou o planeta sobre o seu feitiço como a coadjuvante de Harry Potter, Hermione. Mas ela não frequenta Hogwarts pelo estilo de vida Hollywoodiana, afirma Geordie Greig.

Sentada dentro da prisão de Oxford, Emma Watson está surpreendentemente à vontade em relação ao portão de ferro, às portas batendo e as celas pequenas. Para a primeira entrevista de capa de revista, o local escolhido pela Warner Bros é atrás de grades: Hotel Oxford Malmaison, a antiga cadeia da cidade onde ela vive. “Um lugar legal para uma festa”, sugere ela antes de recusar uma xícara de chá (ela nunca bebe chá ou café).
Modesta, esperta e auto-suficiente, a atriz adolescente mais famosa da Inglaterra tem certeza sobre o que gosta e onde ela quer chegar. Quando ela tinha três anos a sua avó perguntou o que ela queria ser quando crescesse e ela deu três respostas: uma princesa, uma fada e um colchão. “Eu não conseguia falar atriz” (NT: Colchão em inglês = matress; se parece com atriz = actress) recorda ela levemente ruborizada. Mas alguém claramente ouviu ela porque seu desejo foi concedido e em oportunidades.
Por sete anos Emma tem interpretado Hermione nos filmes de Harry Potter e isso tem colocado ela nos olhos do público em uma escala internacional. Na França ela é quase um culto, seu rosto é conhecido até no Borneo. Um bilhão de leitores de Harry Potter provavelmente vão ver ela como Hermione pela próxima década. Sua fama é maior do que da bruxa Shirley Temple… (Continua na Página 4 e 5)

Página 3

Emma Watson veste um vestido organza de seda tipo avental com a parte superior bordada com florais, 1845 libras, de Yves Saint Laurent. Bracelete de metal, 465 libras, de Chanel. Brincos de coral, ouro branco e cravejado com diamantes rosas e brancas, 4100 libras de Chanel Fine Jewellery.

Página 4 e 5

Ela muda o seu celular para despistar os engraçadinhos

…Elizabeth Taylor, Drew Barrymore e Lindsay Lohan, todas conhecidas como astros mirins. Nunca teve um fenômeno global como Harry Potter, que ocupou quase metade dos 17 anos de Emma Watson. Isso significa tutores nos sets de filmagem, agente de imprensa para proteger ela, um motorista para levar ela ao trabalho – e tendo que mudar o seu número de celular a cada poucos meses para despistar os engraçadinhos que ligam com piadas sobre varinhas. A fama tem dado a ela o que toda atriz deseja: um grande papel feminino e o elogio quase universal pelas aparições carismáticas.
Tudo começou numa manhã de reunião no Dragon, escola preparatória de Oxford, onde seu nome foi chamado. “Eu pensei que estava encrencada ou receberia uma detenção”, conta Emma. “A escola tinha essas coisas chamadas de tirinhas azuis e eu já tinha recebido várias por não fazer a tarefa de casa e por atrasos”. Mas eram somente os professores anunciando quem tinha sido escolhida para a audição do filme de Harry Potter. Já uma fã do bruxinho, Emma estava na metade do terceiro livro.
A medida que ela avançava nos testes de audição, Emma cobiçava o papel de Hermione cada vez mais. “Mamãe e papai continuaram tentando me fazer perceber que a chance era muito pequena porque milhares de outras crianças foram testadas”, lembra ela. “Eu não estava numa escola de arte – apenas numa pequena escola em Oxford. Mas eu queria muito”. Ela teve uma dúzia de audições antes de ser atentada com a oferta de um “contrato de candidato favorito”. Então sua carreira marcante estava traçada.
Diferente da maioria das crianças, quanto mais tempo Emma ficava fora da escola, mais ela achava que iria gostar de estar lá. “Eu sei que soa estranho, mas quando você está filmando, você nunca sabe o que vai fazer cada dia”, diz ela. “Você é levado de um lugar ao outro e a agenda muda. Então eu realmente gostava da sensação que eu estava de volta à escola. Eu queria ter responsabilidade com minha educação em vez de apenas passar por ela”.
Esta é uma garota que sempre soube que conhecimento dava poder. Quando ela era muito jovem gostava de aprender poesias – com sete anos ela ganhou uma competição de poesia por recitar “The Sea” de James Reeves. Sempre houve um elemento de atuação nela. Ela queria insistir em sair para as lojas no seu vestido favorito de fada ou sua fantasia de Bela Adormecida.

Emma veste um macacão de algodão, 810 libras de Sonia Rykiel. Um top de algodão casual, 12 libras, de American Apparel. Cinto brilhante de 215 libras, de Tod’s. Sandálias, 350 libras, de Nurberry. Design do cenário de Glyn Owens por Patrícia McMahon.

Página 6

Foto:
Emma com Mischa Barton no Bafta.
No set de filmagem da Ordem da Fênix com Daniel Radcliffe e Rupert Grint.
Com Daniel no ano passado. Acima com Daniel e Rupert em 2000.

Aos 12 anos ela se voluntariou para cantar a canção “Torn” de Natália Imbruglia em uma grande festa num castelo da França durante as celebrações do milênio.
Com Harry Potter a fama atingiu uma grande escala. “Quando o primeiro filme foi lançado, alguém me pediu para autografar um livro e eu me lembro de pensar, “Que estranho – porque alguém iria querer o meu nome no início de um livro?”. No segundo e terceiro filme as coisas realmente começaram a ficar intensas. No quarto já era uma loucura. As vezes ela acha que é tudo uma grande mistificação. “É estranho como cortesias normais não parecem se aplicar quando pessoas reconhecem alguém”, diz ela. “Talvez porque eles acham que só tem aquele momento com você. Muitas pessoas me chamam de Hermione e esquecem que eu sou uma pessoa real e tenho outro nome”. Esta experiência certamente é algo para se gabar para um garoto de oito anos que recentemente encontrou ela no set – o queixo dos seus amigos caiu quando ele disse que dividiu uma Coca-Cola com ela.
Mas deve ser desanimador e exaustivo ter todos querendo um pedaço seu. Isso tem deixado ela cautelosa. “Eu não dou meu número de telefone para pessoas que eu não conheço realmente – sou cuidadosa com isso”, afirma ela. E uma conversa sobre um seguidor da imprensa este ano, o jogo da fama tem um lado horripilante também. Não que ela esteja demasiadamente preocupada. “Aquele assunto de seguidor era um exagero”, afirma ela. “Para ser honesta, meus amigos se assustaram mais do que eu. Eu estou acostumada. Meus amigos ficaram bastante chocados como eu estava despreocupada com isso”.
Contudo com a sua vida agitada, Emma tem permanecido sempre com juízo e sem danos. “Se tornar famosa aconteceu quando eu era tão jovem, mas eu não acho difícil ter uma vida legal comum. Pessoas que tentam fugir da fama podem estar tomando o caminho completamente errado. Todas aqueles grandes padrões sombrios fazem eles parecerem insetos! E andar por aí com seguranças atrai mais atenção em você. Eu acho que a melhor forma (de lidar com a fama) é tentar viver tão normal quanto possível”. Isto quer dizer lidar com a existência normal em casa: pegar o ônibus ao redor de Oxford, indo ao supermercado com sua mãe e tirando férias normais. “Não se preocupe, meu irmão Alex me deixa com os pés bem firmes”, diz ela. “Ele faz 14 anos agora dia 24 e é um garoto típico – é impossível ser sua irmã! Ele me faz rir sempre”.
Ela também é bem próxima dos seus pais, que são divorciados. Ela tem lembranças de seu pai tocando gravações de Bryan Adams, Eric Clapton, BB King e Lloyd Cole and the Commotions. Lembra principalmente da forma que sua mãe e seu pai pareciam elegantes: “Papai amava suas gravatas Hermes”.
Emma parece ser uma atriz muito séria, mas ela também tem seu lado fabulosamente garota. “Eu amo roupas, mas atualmente eu sou uma péssima compradora. Me estressa completamente”, fala ela rindo. “Em Oxford eu vou para a Agnes B e em butiques pequenas. Selfridges e Harvey Nicks em Londres. Você conhece Sefton? É um grupo de lojas que tem estoques de estilistas. Tem também uma outra rede chamada Diverse que tem coisas realmente legais”. Uma das vantagens do sucesso de seus filmes é que agora ela está se tornando uma celebridade de fato, estilistas estão começando a mandar roupas para ela. “O que quer que eu esteja vestindo, eu quero que seja uma expressão da minha pessoa”, diz ela, “eu não acho que você deva ser um cavalo vestindo roupas. Alguém me dizendo o que devo vestir tira a parte divertida”.
Ela é sofisticada apesar da idade, que talvez seja porque passou o início da infância na França. Seu pai tem um vinhedo em Chablis. “Eu adoro comida espanhola e francesa. Eu gosto também da massa em Carluccio’s. Todos aqueles presuntos e salames e tomates secos e feijões franceses – eles são ótimos”.
Emma se diverte com os fatos fantásticos que tem acontecido na sua vida, como o dia em que Brad Pitt apareceu no estúdio de repente. “Eu estava esperando ver ele, mas então eu deixei cair alguma coisa e me lembro de pensar, “Oh não, eu não vou me levantar para apertar as mãos dele – eu estou no chão, o que estou fazendo aqui?”. Ela também encontrou Pierce Brosman, Halle Berry, Johnny Depp e Pharrell Williams.
Inevitavelmente a conversa vai parar no assunto garotos. “Eu não tenho realmente um tipo específico, mas gosto de garotos que fazem esporte e gosto quando eles falam duas ou três línguas diferentes”, afirma ela. “Sim, isso realmente me atrai”. Ela está atualmente negociando com a Warner para fazer outro filme de Harry Potter. “Eu quero fazer, mas eu não assinei o contrato ainda. Eu definitivamente quero fazer”, diz ela. “Inicialmente eu assinei para os primeiros dois e depois nós fazíamos filme por filme”. Claramente ela ama o que faz: “Eu faria Harry Potter de graça. Não tem nada a ver com dinheiro”.
A sua descrição de Hermione parece muito com a sua própria descrição. “Ela é definitivamente uma feminista e muito inteligente. Ela é naturalmente sábia, mas quer saber tudo, cada pedaço de conhecimento que ela pode encontrar e tem também um ótimo coração. Ela é um pouco nervosa sobre as pessoas, mas não tem medo de falar o que pensa e é extremamente fiel”.
Agora que ela completou 17, Emma está dizendo adeus ao fato de ser uma atriz mirim. Como seu co-astro Daniel Radcliffe, que recebeu críticas entusiasmadas pelo seu papel de rapaz com distúrbio que anda pelado na recente produção de Equus no West End, ela também está entrando numa nova fase crescida. Está tendo aulas de literatura inglesa, geografia e história da arte, que ela adora. Ela fala com fluência sobre Egon Schiele, Gustav Klimt e seu pintor de Renascença favorito, Masaccio.
Seu próximo plano é estudar filosofia em Cambridge. Como ele se vê daqui a dez anos? “Não existem regras na carreira que estou. Ninguém da minha família teve essa experiência. Ninguém lhe diz como lidar com a fama ou andar no tapete vermelho ou responder as questões sobre si mesma. Eu apenas espero estar fazendo da forma certa. Tenho sido amortecida com toda a Warner, então o que ocorrer depois vai ser muito importante. Eu sei que tenho muita sorte”.
Mais importante que isso, ela tem uma cabeça tranqüila. Não é uma jovem selvagem caindo na bebida, drogas e Rock’n’Roll. “Para ser honesta, eu tenho muito medo de tomar drogas. Tenho o suficiente na minha vida sem procurar coisas a mais, e espero que continue sempre assim”.
Harry Potter e a Ordem da Fênix estréia dia 13 de julho.

Página 7

As suas roupas devem ser uma expressão de você mesma.

Emma veste vestido de lantejoula, 1250 libras.; top de organza, 500 libras; pulseira de ouro, de 465 libras, todos de Chanel. Para detalhes veja Stockists. Cabelo por James Rowe de D&V, usando L’Oreal Professionnel. Maquiagem por Mary Greenwell da Agência Premier, usando Chanel. Manicure por Andréa Fulerton de Pearle, usando Max Factor. Assistente de Moda, Sekina Baker.