Artigos

“O que é R.A.B.?”

Depois de estreiar nas colunas com o pé direito, Eduardo escreve seu segundo texto,desta vez falando sobre o mistério do R.A B.Vale a pena conferir!

Para ler a coluna clique aqui.

Deixe seu comentário e feedback, é importante para nós e para o autor. Se quiser, sinta-se livre para comentar a mesma em nosso Fórum.

Fazendo a Pergunta Certa
Por Eduardo Andrade

ATENÇÃO, SPOILERS LIVRO 6

“…quero que você saiba que fui eu que descobri seu segredo.”
– R.A.B., EdP

Ao chegar ao final daquele fatídico capítulo 28, levamos mais um enorme choque. Harry e Dumbledore perderam seu tempo, e tinham pegado uma falsa Horcrux. O maligno objeto já tinha sido levado pelo misterioso R.A.B.
Logo, a pergunta já era recorrente. Quem é R.A.B.? Acontece que ninguém percebe que não é essa a grande pergunta. A pergunta que deveria ser feita é… Ah, eu falo isso no final.
Todos acham que R.A.B. é uma sigla para Régulo Black, o irmão Comensal de Sirius, mas isso é tão manjado que não deve ser verdade (embora seja possível). Afinal, Régulo é o único personagem que tem nome com R e sobrenome com B. Dos personagens já conhecidos, pelo menos.
Primeiro, vamos nos ater aos fatos. O que sabemos sobre R.A.B.? Apenas o que está escrito no bilhete. Vamos, então, relê-lo (Nota: tradução feita por mim do original inglês, pois ainda não li a edição brasileira. Algumas palavras podem ficar diferentes, mas não acredito que isso gere problemas).

“Para o Lorde das Trevas.
Eu sei que terei morrido muito antes de você ler isso, mas eu quero que você saiba que fui eu que descobri seu segredo.
Eu roubei a verdadeira Horcrux e pretendo destruí-la o mais cedo que eu puder.
Eu encaro a morte na esperança de que quando você encontrar seu oponente, você será mortal de novo.
R.A.B.”

QUAL O OBJETIVO DO BILHETE?
Bom, qual é o objetivo desse bilhete? O objetivo dele é fazer com que Voldemort saiba quem roubou a Horcrux. Isso significa, então, que Voldemort entenderia perfeitamente a sigla R.A.B. Ele leria o bilhete e saberia exatamente quem tinha roubado seu pedaço de alma. Concluímos que Voldemort conhecia R.A.B. Régulo Black ainda está no páreo, já que foi Comensal da Morte. É claro que, aparentemente, Voldemort não leu o bilhete. Parece que o bilhete está lá há anos, sem ser mexido. Dumbledore disse que Voldemort abandonou o anel ao torná-lo um Horcrux. Parece ter feito o mesmo com a Horcrux que estava ali. Mas o bilhete não atingiu seu objetivo. Voldemort ainda acha que aquele pedaço existe.

“PARA O LORDE DAS TREVAS”
O que mais sabemos? “Para o Lorde das Trevas”. Alguém se lembra do que Harry disse para Snape em Ordem da Fênix? “Só Comensais da Morte chamam Voldemort de Lorde das Trevas!” Ah, mais um ponto para Régulo, então! Se referir a Voldemort como Lorde das Trevas significa que a pessoa tinha certo respeito por ele. É claro que no Departamento de Mistérios, a profecia também é etiquetada como Lorde das Trevas, então isso mostra que não são só Comensais que chamam Voldemort assim (acho pouco provável que Augusto Rookwood ou algum outro Comensal tenha etiquetado aquilo).

A MORTE DE R.A.B.
“Eu sei que terei morrido muito antes de você ler isso” R.A.B. está fazendo algo arriscado, e é muito natural temer a morte. Voldemort sem dúvida iria querer vingança. Mas… Ele(a) teme morrer antes que Voldemort leia o bilhete. O que significa isso? Ele(a) está doente? Ou, mais provável, já está marcado(a) para morrer? Régulo Black ficou um mês foragido dos Comensais antes de eles o pegarem e matarem. Régulo descobriu o segredo de Voldemort e, assustado com as coisas que o mandavam fazer (Sirius disse que ele saiu por causa disso), resolveu destruir o seu mestre? Durante esse mês, ele ficou atrás das Horcruxes? Parece muito bom, mas isso gera perguntas ainda mais difíceis de responder. Até onde se sabe, só Voldemort, Slughorn, Harry e Dumbledore sabem sobre as Horcruxes. Parece que o único modo de obter essa informação seria através de Slughorn, mas ele sempre foi muito relutante em sair contando por aí que tornou Tom Riddle em uma pessoa imortal. Talvez R.A.B. tenha obtido essa informação à força, e é por isso que Dumbledore não tinha esperanças de arrancá-la de Slughorn desse modo. Agora, R.A.B. sabia que ia morrer, mas parecia pensar que Voldemort viria visitar sua Horcrux. Com que objetivo? Como vimos acima, Voldemort abandona suas Horcruxes e as protege (Nagini e o diário são exceções). Mas R.A.B. achava que, muito tempo após sua morte, Voldemort encontraria a mensagem. Isso talvez signifique que ele visite suas Horcruxes? Quem sabe para monitorar suas armadilhas? Quem sabe Voldemort não tenha ido ali após a morte de R.A.B. e enchido de novo a vasilha com a poção, sem nem perceber que a Horcrux tinha sido trocada. Não, ele não seria idiota… Parece simplesmente que Voldemort recuperou a Horcrux e não se incomodou de entrar na caverna de novo. Afinal, se R.A.B. ultrapassou as armadilhas ali, ele deveria ir atrás de outro lugar para esconder sua alma. E matar R.A.B. antes, claro.

O QUE FAZER COM A HORCRUX?
R.A.B. pretende destruir a Horcrux. Claro, isso leva a crer que ele(a) está do nosso lado e que está fazendo uma coisa boa. Mas, será que ele(a) destruiu? O mais provável é que ele(a) tenha sido pego(a), morto(a), quem sabe logo após sair da caverna mesmo, e que a Horcrux tenha sido escondida de novo, em outro local. É com essa hipótese que Harry trabalha, a idéia mais pessimista.

POR UMA BOA CAUSA
A última linha do bilhete é esperançosa. R.A.B. vai morrer, mas por uma boa causa. Ele(a) sabe que está fazendo algo bom, e parece feliz com isso. É praticamente o pensamento dos homens-bomba do Oriente Médio, o tipo de pensamento arriscado que custa a vida de milhões de inocentes… R.A.B. acredita que Voldemort terá um igual para lutar contra. Acredita em um oponente à altura dele. Será que ele(a) ouviu a profecia? Ou será que chegou até a conhecer Harry, talvez? Pode ter sido após a queda de Voldemort que ele(a) foi atrás das Horcruxes, durante os anos de Harry em Hogwarts, quem sabe alguns dias antes de Harry e Dumbledore entrarem na caverna até.
Mas agora, chegamos ao ponto crucial. Uma pessoa sozinha não poderia ter tirado a Horcrux da bacia. Apesar da carta ter sido escrita em primeira pessoa, isso leva à apenas uma conclusão. R.A.B. não é uma pessoa. É, no mínimo, duas. Quem sabe R.A.B. sejam as inicias de três pessoas? Ou então, a sigla de uma organização. Se R.A.B. for apenas uma pessoa, a que escreveu a carta, então obrigatoriamente levou alguém consigo para lhe ajudar a beber a poção. Essa é a grande questão. Não “Quem é R.A.B.?”, e sim “O QUE É R.A.B.?” No mínimo duas pessoas, provavelmente três, possivelmente uma organização inteira.

CONTRA-ARGUMENTO
Me vejo obrigado a incluir esse contra-argumento da minha própria tese aqui no final. Repito, o bilhete foi escrito em primeiro pessoa. Geralmente organizações ou duplas escrevem “Nós”. Isso tornaria nosso amigão R.A.B. uma pessoa só, de novo, o que retorna ao ponto de partida. Mas a minha pergunta agora é “O que é R.A.B.?”: pensem mais nessa pergunta do que na outra.