fbpx
As Relíquias da Morte ︎◆ Livros

Дары Смерти é lançado na Rússia

russia.jpg

Recentemente nós informamos sobre o lançamento de Гарри Поттер и Дары Смерти – edição russa de Harry Potter e as Relíquias da Morte. Confira abaixo como foi o lançamento no país e a reação dos leitores e críticos em relação ao sétimo livro.
A tradução em russo do último livro da saga de Harry Potter chegou neste sábado às livrarias da Rússia, com tiragem de 1,8 milhão de exemplares e já sem a sombra da acusação de satanismo feita há cinco anos. Adolescentes vestidos de bruxos, fadas, fantasmas e monstros fizeram filas para comprar Гарри Поттер и Дары Смерти, que começou a ser vendido à meia-noite.

A difusão dos livros de J.K. Rowling foram alvo de um escândalo em 2002, quando a Fiscalização de Moscou – a pedido de Tatiana Uspénskaya, uma cliente indignada – abriu uma investigação para saber se havia propaganda de “satanismo, bruxaria e ocultismo” nos livros.

A mulher acusava o segundo livro da série,  Гарри Поттер и Tайная комнатаHarry Potter e a Câmara Secreta – de “ferir seus sentimentos religiosos”, “pregar a bruxaria” e “atacar a moral ortodoxa”. Incapazes de culpar a autora britânica, os fiscais foram em cima da editora, mas não deu em nada, o que levou Tatiana Uspénskaya a alegar que era um “precedente perigoso para a censura” e sugerir “um novo processo de limpeza literária”.

Formadores de opinião viram o escândalo de todas as maneiras. Alguns ironizaram e outros acataram com seriedade, reforçando a idéia da política de linha dura com a imprensa livre imposta pela adminitração do presidente russo Vladimir Putin. “Harry Potter é mais perigoso que Bin Laden”, publicou o site Ultro.ru, na época. “Harry Putin e a vara mágica da KGB”, ironizou o Grani.ru.

Em dezembro daquele ano, a fiscalização colocou fim ao caso, alegando que “não havia base para se abrir um processo, segundo o artigo 282 do Código Penal”, que dá pena de até cinco anos de cadeia a quem divulga o ódio a qualquer tipo de religião, etnia ou raça.

Na Rússia, foram vendidas nove milhões de cópias do outros seis livros anteriores de Harry Potter. Vejam fotos do lançamento da edição russa no país clicando aqui, e assistir um vídeo aqui.

Fonte: Agência EFE.