Sheila Vieira


Magia policial

//Por Sheila Vieira - domingo, 30 de dezembro de 2012 às 21:14


Se você gosta de obras policiais com uma pitada de magia, “Enigmas de Londres” é uma boa escolha de leitura para o começo do ano. Além de trazer uma história complexa, mas contada de forma leve, o autor Ben Aaronovitch constrói um belo retrato de Londres, com sua história e alma que atraem tantas pessoas.

Leia a resenha e deixe seu comentário. Este texto é a última contribuição que eu, Sheila Vieira, faço como editora para o Potterish. Aproveito o espaço para agradecer toda a equipe do site pelo apoio durante os últimos quatro anos e oito meses. Feliz 2013!

Comentários: 4

Nota 1Nota 2Nota 3Nota 4Nota 5 (Nenhum voto até o momento)
Loading...

A Hogwarts brasileira

//Por Sheila Vieira - sábado, 18 de agosto de 2012 às 20:43


Imagine se, durante algum livro de ‘Harry Potter’, um personagem de Hogwarts decidisse visitar uma escola de bruxaria brasileira. Como ela seria? Quais costumes seriam mantidos ou diferentes? A carioca Renata Ventura não só criou esse mundo, como o apresentou no romance chamado ‘A Arma Escarlate’.

Seguindo a jornada de Hugo, um rapaz que cresceu testemunhando o tráfico no Rio de Janeiro, o leitor vai entender que, apesar da magia ser a mesma, o ambiente brasileiro tem seus próprios medos, configurações e ameaças. Leia a a resenha e conheça o mundo mágico ‘traduzido’ para o Brasil.

Comentários: 40

Nota 1Nota 2Nota 3Nota 4Nota 5 (Nenhum voto até o momento)
Loading...

O mundo de dentro de uma garota

//Por Sheila Vieira - sábado, 26 de maio de 2012 às 14:06


Em 2010, surgiu na França mais uma série de aventura com uma garota como protagonista: “Oksa Pollock”. Descendente de russos, criada na França e recém chegada à Inglaterra, Oksa não se apaixonou por um vampiro ou se voluntariou para um jogo mortal. Porém, ela descobre uma força dentro de si mesma que mudará não só o seu mundo, mas também o das pessoas que ama.

Com a ajuda do melhor amigo Gui, de seu pai e sua avó, Oksa seguirá um caminho cheio de surpresas boas e ruins, aprendendo sobre a vida e as responsabilidades de ser especial. Confira a resenha e deixe seu comentário!

Comentários: 4

Nota 1Nota 2Nota 3Nota 4Nota 5 (Nenhum voto até o momento)
Loading...

O atlas do tempo

//Por Sheila Vieira - domingo, 01 de abril de 2012 às 12:08


No meio de diversas séries juvenis lançadas nos últimos anos, “Os Livros do Princípio”, de John Stephens, certamente está entre os melhores. O escritor norte-americano mostra em “Atlas Esmeralda” uma narrativa que empolga e emociona, com uma grande protagonista envolta em mistérios.

Com apenas quatro anos de idade, Kate prometeu cuidar dos dois irmãos, Michael e Emma, enquanto espera o incerto retorno dos pais. Quase sem querer, eles caem num mundo mágico que tem diversas pistas sobre seu passado e o que devem fazer para encontrar aquilo que mais desejam: uma família de verdade. Confira a resenha!

Comentários: 8

Nota 1Nota 2Nota 3Nota 4Nota 5 (4 votos, média: 3,25 de 5)
Loading...

Um soco no estômago

//Por Sheila Vieira - domingo, 18 de dezembro de 2011 às 13:00


A universidade é um período muito marcante para todos, não só pelo aprendizado acadêmico, mas também pela convivência com pessoas de cidades diferentes, com visões de mundo opostas e um senso de responsabilidade muito maior. Marcus, o protagonista de “Indignação”, teve dificuldades para lidar com tudo isso.

O jovem que sai do ambiente familiar e cômodo para viver novas experiências acaba se perdendo diante de tantos estímulos e repressões de um sistema educativo dos anos 50. Apesar da história se passar há bastante tempo, o autor Philip Roth consegue aproximar o leitor contemporâneo da narrativa de forma brilhante. Confira a resenha de “Indignação”.

Comentários: 2

Nota 1Nota 2Nota 3Nota 4Nota 5 (1 votos, média: 5,00 de 5)
Loading...

Poemas potterianos

//Por Sheila Vieira - domingo, 11 de dezembro de 2011 às 12:13


Fiquei surpresa quando chegou em minha casa um pacote do Canadá. Porém, logo lembrei que se tratava do livro “Half-Blood Poems” (Poemas Mestiços) de Christine Lowther. Esperava uma obra que mostrasse uma visão de fã sobre os livros de Rowling, como o “Harry e seus fãs”, que vocês conferiram na semana passada.

Porém, os poemas de Lowther têm algo especial: a história de Harry Potter tem várias semelhanças com a da autora, começando pelo fato dela ter sido privada do contato com seus pais desde pequena. Os porquês e o conteúdo dos poemas você encontra na resenha deste domingo.

Comentários: 13

Nota 1Nota 2Nota 3Nota 4Nota 5 (6 votos, média: 5,00 de 5)
Loading...

O voo solo da África

//Por Sheila Vieira - domingo, 13 de novembro de 2011 às 10:00


Nos últimos anos, está cada vez mais fácil ter acesso a autores de continentes como a Ásia e a África. Essa troca de experiências faz com que os mundos europeu e americano tenham uma outra visão de sua cultura e história.

Mia Couto é um dos mais notáveis escritores africanos. O moçambicano alcançou reconhecimento mundial por seus romances que buscam uma identidade nacional, mas de uma maneira diferente da que estamos acostumados a entender. Como sempre, a literatura explica por linhas tortas. Confira a resenha de “O último voo do flamingo.”

Comentários: 2

Nota 1Nota 2Nota 3Nota 4Nota 5 (Nenhum voto até o momento)
Loading...

O coadjuvante da guerra

//Por Sheila Vieira - domingo, 24 de julho de 2011 às 14:42


Ainda estamos todos sob o efeito de “Relíquias da Morte – Parte 2”, mas é necessário seguir em frente. De qualquer forma, as Resenhas do Potterish continuam em clima de guerra. Mas a que vamos tratar aqui realmente aconteceu. Na verdade, é a guerra mais comentada da história, “aquela” que aconteceu entre 1939 e 1945.

Enquanto alguns se calam e outros se arriscam lutando, há aqueles que aproveitam a oportunidade para enganar a todos. Esse é o caso de Eddie Chapman, um britânico que era ladrão, foi preso, capturado por alemães e se tornou um dos agentes duplos mais importantes da Segunda Guerra, vazando informações fundamentais da Alemanha para os ingleses. Confira a resenha do livro-reportagem “Agent Zigzag”, de Ben MacIntyre e reflita: como você reagiria a uma guerra?

Comentários: 12

Nota 1Nota 2Nota 3Nota 4Nota 5 (12 votos, média: 4,92 de 5)
Loading...

A menina que roubava livros

//Por Sheila Vieira - domingo, 29 de maio de 2011 às 15:59


Um dos livros mais vendidos dos últimos anos, “A menina que roubava livros” conta a história de Liesel, que foi levada para adoção quando pequena e cresceu no cenário da Segunda Guerra Mundial. A garota encontrou refúgio no mundo das palavras dos livros que roubava.

Dividida em dez partes, a narrativa é contada através das palavras de Liesel pela morte, que antecipa eventos, faz comentários sobre a guerra e analisa a história. Leia a resenha de Gabriela Alkmin e deixe um comentário!

Comentários: 20

Nota 1Nota 2Nota 3Nota 4Nota 5 (2 votos, média: 5,00 de 5)
Loading...

Entre novelas e romances

//Por Sheila Vieira - domingo, 27 de março de 2011 às 09:57


Vencedor do prêmio Nobel de Literatura, Mario Vargas Llosa escreveu um romance sobre novelas: “Tia Julia e o escrevinhador”, de 1977. Trata-se de uma obra autobiográfica (mas com algumas ‘verdades inventadas’, claro) sobre um rapaz na Lima dos anos 50, seu amor por uma tia e a rádio onde ele trabalhava.

Usando o recurso da metalinguagem e do entrelaçamento de diversos enredos, sempre ‘enganando’ o leitor, Vargas Llosa mostra que é possível fazer uma boa narrativa tão leve quanto uma novela, sem cair em clichês e soluções fáceis. Leia a resenha e deixe seu comentário!

Comentários: 2

Nota 1Nota 2Nota 3Nota 4Nota 5 (2 votos, média: 4,00 de 5)
Loading...