Equipe técnica


OUÇA: Versão deluxe da trilha sonora de “Animais Fantásticos” é lançada

//Por Donizete Junior - sexta-feira, 18 de novembro de 2016 às 07:38


E finalmente a trilha sonora completa de “Animais Fantásticos e Onde Habitam” está entre nós!

Lançada hoje, 18 de novembro, a trilha sonora do longa-metragem já pode ser adquirida nas lojas e escutada via serviços de streaming, incluindo gratuitamente no Spotify!

A nova versão da trilha sonora conta com 9 novas faixas. A faixa “Blind Pig”, interpretada pela cantora Emmi, tem a letra escrita por J.K. Rowling, exclusivamente pro filme.

LEIA MAIS: Cantora da trilha sonora de “Animais Fantásticos” revela histórias dos bastidores

Composta por James Newton Howard, a versão deluxe da trilha sonora de “Animais Fantásticos” está disponível nos serviços de streaming Spotify, Deezer e Apple Music.

Dirigido por David Yates , com o roteiro de J.K. Rowling, “Animais Fantásticos e Onde Habitam” já está sendo exibido em diversas salas de cinema do Brasil desde 17 de novembro e continuará a ser exibido nas próximas semanas, não perca!

Comentários: 0

Nota 1Nota 2Nota 3Nota 4Nota 5 (3 votos, média: 5,00 de 5)
Loading...

Cantora da trilha sonora de “Animais Fantásticos” revela histórias dos bastidores

//Por Donizete Junior - quinta-feira, 17 de novembro de 2016 às 11:25


A cantora independente Emmi recebeu uma das propostas mais interessantes de sua carreira sem precisar de empresário e contrato com gravadoras!

Conhecida pela voz da única faixa cantada da trilha sonora do filme “Animais Fantásticos e Onde Habitam”, Emmi revelou para a BBC a singular história de como foi contratada pela Warner Bros.

Tudo começou com um e-mail do diretor David Yates que na época procurava por uma cantora para dar voz a música “Blind Pig”, escrita por J.K. Rowling especialmente para o filme.

“Então, eu recebi um e-mail. Que eu não cheguei a ligar muito, porque eu não sabia sobre o que era. Era tipo: ‘Você pode cantar essa música? Por favor, guarde pra você mesma. Aqui está a letra, mas não compartilhe com ninguém.’, e eu estava tipo… ‘Bem, é complicado pra mim. Eu estou de férias com meus pais e estamos prestes a comer pizza. Podemos adiar isso?'”

A proposta de Emmi foi recusada. David Yates respondeu dizendo que seria melhor se ela desse uma chance e foi o que ela fez.

Quando começou a analisar a letra e notar nomes de criaturas mágicas como o Hipogrifo e o Gira-Gira, Emmi pensou que a faixa poderia ter alguma relação com Harry Potter, mas nunca imaginou que pudesse ter sido escrita pela própria J.K. Rowling.

“Na época, eu não sabia que era David Yates falando comigo. Se eu soubesse eu teria ficado mais nervosa.”

Percebendo que a proposta poderia significar algo positivo para sua carreira, Emmi começou a enviar áudios para o diretor, que foram cantados direto de um quarto, na casa dos seus pais. A medida que recebia os áudios, David Yates dava mais direções para Emmi, pedindo, por exemplo, que a voz da cantora soasse mais sexy, sussurrante e inocente.

Quando finalmente chegaram à um acordo, Emmi não recebeu mais respostas. Apenas meses depois uma resposta finalmente foi dada: “Nós usaremos a sua voz em um filme, tudo bem?”

Logo após isso a cantora estava nos estúdios do filme toda envolvida em uma roupa verde para que seus movimentos fossem capturados e transformados digitalmente na personagem que Emmi daria voz. A personagem surge durante um cena em que Newt e Tina visitam o bar clandestino “The Blind Ping”.

emmi-animais-fantasticos

A cantora só descobriu que Rowling havia escrito a faixa semanas depois, quando o site IMDb foi atualizado com a informação. “Não estou certa se é a primeira música que ela faz, mas é maravilhoso chegar tão perto de encorporar algo do cérebro dela. Isso me faz mais inteligente por osmose?”

Parte da versão deluxe da trilha sonora, a faixa “Blind Ping” foi lançada hoje (17) pelo Pottermore. Confira:

Para o Pottermore, Emmi falou:

“Eu sabia que a canção e chamava ‘Blind Pig’ (Porco Cego), mas eu não tinha ideia do motivo, porque não há nenhuma menção há um porco nela. Agora eu sei que é o nome de um bar clandestino, e eu acabei descobrindo isso online, como todo mundo. Eu pensei que fosse um codinome pra disfarçar sobre o que a música era. Foi um mistério hilário.”

A cantora se deu conta da importância da música quando foi chamada para gravá-la oficialmente no Abbey Road Studios, importante estúdio para a história da música britânica. Enquanto esteve lá, ela ouvia a orquestra tocando a trilha sonora composta por James Newton Howard.

“A gravação era maravilhosa. Eu choro quando ouço um violoncelo, então aquilo foi demais pra mim. A música era simplesmente maravilhosa no filme. Homens como o James são super-humanos pra mim; escrevem pontinhos na página e os trazem a vida. Cada momento do filme tem muita sabedoria e paixão derramada nele. Eu estive nas nuvens por uma semana depois disso, porque é disso que eu quero fazer parte: criar algo que te faz flutuar pelo mundo.”

A versão deluxe da trilha sonora de “Animais Fantásticos e Onde Habitam” será lançada oficialmente em 18 de novembro, mas já pode ser conferida na edição standard disponível no Youtube e Spotify.

Comentários: 0

Nota 1Nota 2Nota 3Nota 4Nota 5 (2 votos, média: 5,00 de 5)
Loading...

David Yates e Heyman comentam a possibilidade de “Animais Fantásticos” no Brasil

//Por Pedro Martins - quinta-feira, 17 de novembro de 2016 às 10:34


Conforme anunciamos anteriormente, o Potterish esteve presente em uma coletiva, nesta segunda-feira, 14, em Londres com os atores Eddie Redmayne, Katherine Waterston, Alison Sudol, Dan Fogler e Ezra Miller, além de David Heyman e David Yates.

A segunda entrevista do dia foi justamente com os Davids – Yates, diretor de Animais Fantásticos e Onde Habitam e dos quatro últimos filmes da série Harry Potter, e Heyman, produtor de toda a cinematografia do Mundo Bruxo de J.K. Rowling.

A primeira pergunta foi sobre o título das próximas produções. Heyman explicou que “Animais Fantásticos e Onde Habitam” é o nome apenas da primeira, e espera que as outras sigam o formato de “Animais Fantásticos e…”.

Sobre trabalhar novamente com Rowling, Yates afirmou: “Jo tem a aprovação de tudo. Não faríamos nada que ela achasse errado ou a desagradasse. Mas ela nos apoia muito, é muito bom como cineasta”. Heyman completa: “Ela apoia os outros. Nos filmes de Harry Potter, com Steve Kloves, e agora, todos nós.”

Ambos afirmaram que assim como na série Harry Potter, o suporte de Rowling foi fundamental. Foi citado um episódio ocorrido na produção de A Pedra Filosofal, no qual a autora achou as varinhas dos personagens muito elaboradas. Elas tiveram que ser refeitas, assim como a maleta do Magizoologista Newt Scamander recentemente.

David Yates afirmou que ainda não sabe se continuará após o segundo filme, mas que adora trabalhar com J.K. Rowling e com os produtores e por isso gostaria de ficar. O veterano ainda informou que a continuação terá um breve começo nos Estados Unidos antes de ir à Europa – Paris e Reino Unido, especificamente – e que faltam poucos dias para decidirem sobre quem interpretará o jovem Dumbledore.

Mantendo o estilo da campanha #KeepTheSecrets, criada para a peça Harry Potter e a Criança Amaldiçoada, Heyman se recusou a comentar sobre o protagonismo de Newt em face do iminente confronto entre Grindewald e Alvo Dumbledore: “Um dos privilégios desta nova era do Mundo Bruxo é que ninguém sabe o que vai acontecer.”

Arrancando risos dos jornalistas, terminou a entrevista falando sobre o Brasil. Ao ser questionado se haveria alguma chance de vermos os holofotes se voltarem para o Castelobruxo, o produtor disse que tudo o que sabe é que ele passará o final do ano por aqui. Vamos torcer, né?

Animais Fantásticos e Onde Habitam chega aos cinemas brasileiros em IMAX e 3D hoje, 17, marcando a estreia de J.K Rowling como roteirista.

Entrevista: Marcelo Neves.
Tradução e redação: Rodrigo Cavalheiro.
Edição: Aryanne Valenzuela.
Revisão: Pedro Martins.

Comentários: 0

Nota 1Nota 2Nota 3Nota 4Nota 5 (5 votos, média: 5,00 de 5)
Loading...

Ezra Miller fala sobre relação com Emma Watson e J.K. Rowling em “Animais Fantásticos”

//Por Pedro Martins - segunda-feira, 14 de novembro de 2016 às 19:37


Em uma coletiva que aconteceu hoje, 14, em Londres, o ator Ezra Miller falou sobre sua amizade com Emma Watson, as visitas de J.K. Rowling aos sets e mais segredos dos bastidores de Animais Fantásticos e Onde Habitam. Participamos da coletiva e trazemos agora alguns destaques.

Já familiar aos fãs da série Harry Potter por ter contracenado com Watson em As Vantagens de Ser Invisível (2012), Ezra contou que, ao receber a confirmação para o papel de Credence Barebone, primeiro avisou à mãe, e depois telefonou diretamente para a amiga Watson:

“Ela não me deu conselhos, na verdade. Ela fez eu ficar ainda mais animado, particularmente sobre trabalhar com David Yates. Foi nisso que ela focou: como essa parceria trouxe frutos para sua carreira, o quanto ela o admira e que eu soubesse que estava em mãos capazes. E é tudo verdade, David é um mestre. Ele me fez sentir seguro como ator, sentir seguro em me arriscar.”

Potterhead nato, conhecer a criadora do Mundo Bruxo foi uma tarefa árdua para o ator: “Eu não era mais um ser humano. Eu era uma poça de água no chão. Mas ela tem experiência em lidar com isso. Ela me fez sentir muito confortável e seguro, conseguiu curar meu nervosismo.”

E detalha:

“Sempre que ela vinha ao set, fazia tudo parar, então tiveram que restringir suas visitas, se não, você sabe… Cabeças se viravam, câmeras caiam, atores simplesmente desapareciam e dali a pouco estavam em volta dela como filhotinhos animados. E ela fazia comentários infinitamente valiosos, contando segredinhos e nos dando mais material para trabalhar.”

A relação de Rowling com os atores de Harry Potter sempre foi valiosa. Prova disso é que o único que sempre soube de toda a história de Severo Snape era o próprio Alan Rickman. “Ela realmente sabe tudo! Não sei se ela tem algum fiel do segredo, mas tenho certeza que ela é a única pessoa que realmente sabe o que esses cinco filmes vão dizer.”

Mas e com relação a Credence em si? Será que a autora teve conversas extensas com Miller também? Apesar de ela ter “sussurrado alguns segredos”, “sua visão sobre o personagem estava tão clara no roteiro que não houve necessidade. Eu Nunca tinha lido um roteiro com a estrutura tão voltada para os atores, com tantos pequenos detalhes.”

Sobre a história, o ator comentou que, de fato, o enredo é mais sombrio do que era em “Harry Potter”. Para ele, Rowling tenta manter a acessibilidade universal da história ao mesmo tempo em que fala diretamente com a Geração Y. “É muito bom ter uma nova história do mesmo universo, vinda dela, que se encaixa onde estamos em termos de maturidade”. Os dilemas morais, contudo, não são pontas soltas: “Essas ideias morais são muito úteis. Nunca é escapismo puro, sempre haverão paralelos. Algo que reflete o mundo real.”

Para os fãs, Credence Barebone é, até então, um personagem misterioso. Quase nada foi revelado sobre ele no material de divulgação do filme. Um dos jornalistas, que como nós já assistiu ao filme ontem, comentou sobre um “olhar raivoso de Credence”. Ezra, então, revelou que conversou diretamente com sobreviventes de abuso. “Raiva é uma parte muito real e válida dessa experiência.”

“Eles dividiram suas histórias comigo. Passaram por situações parecidas com a de Credence em instituições ou orfanatos depois de serem retirados de suas famílias. Foi a coisa mais importante para mim, e às vezes quero agradecê-los diretamente pelos nomes, mas, obviamente, eles ficam anônimos.”

Encerrando a conversa, Ezra nos desejou um bom dia. Com tantas entrevistas pela frente, “lembrem-se de se alongar de vez em quando”. Pode deixar que nos lembraremos, sim, Ezra!

Entrevista: Marcelo Neves.
Tradução: Julianna Martins e Rodrigo Cavalheiro.
Redação: Pedro Martins.
Edição: Aryanne Valenzuela e Kaio Rodrigues.

Leia também a nossa crítica do filme!

Dirigido por David Yates e produzido por David Heyman, Animais Fantásticos e Onde Habitam chega aos cinemas brasileiros em IMAX e 3D daqui a três dias!

Comentários: 0

Nota 1Nota 2Nota 3Nota 4Nota 5 (2 votos, média: 5,00 de 5)
Loading...

The New York Times: Em “Animais Fantásticos”, Rowling oculta política em um conto de magia

//Por Donizete Junior - terça-feira, 08 de novembro de 2016 às 20:18


Em uma matéria especial sobre “Animais Fantásticos e Onde Habitam”, o jornal The New York Times publicou a respeito dos temas que poderão estar no subtexto da nova série.

“O novo filme não volta para Hogwarts e nem se passa na Grã-Bretanha. Em vez disso, a série, que até então era completamente britânica, se muda para o outro lado do Atlântico e volta no tempo para a Nova Iorque de 1926, quando a cidade estava dividida por muitas das mesmas falhas sociais do atual momento político, como extrema desigualdade salarial e xenofobia.”

A matéria conta com relatos do diretor David Yates e do produtor David Heyman, que juntos nesse novo projeto moldaram o roteiro original de J.K. Rowling.

“O primeiro rascunho de “Animais Fantásticos”, disse Sr. Yates, era “predominantemente sombrio e intenso e fundamentalmente mais sério”. Uma versão subsequente, ele disse, era “muito ampla e divertida, e isso pareceu bem jovem”, como se eles estivessem “só refazendo os filmes antigos”. Então, Sra. Rowling encontrou seu tom.

Leia a matéria completa e traduzida na extensão da notícia.

“Animais Fantásticos e Onde Habitam” estréia em 17 de novembro nos cinemas brasileiros.

Comentários: 0

Nota 1Nota 2Nota 3Nota 4Nota 5 (2 votos, média: 5,00 de 5)
Loading...

David Yates e Heyman falam sobre Johnny Depp, Grindelwald e o futuro de “Animais Fantásticos”

//Por Donizete Junior - terça-feira, 08 de novembro de 2016 às 10:04


Em uma entrevista exclusiva ao fã site The Leaky Cauldron, o diretor David Yates e David Heyman discutiram aspectos importantes sobre o futuro de “Animais Fantásticos e Onde Habitam”. Além disso, a dupla comentou sobre a escalação de Johnny Depp na franquia e do destino de personagens já familiares no Mundo Bruxo: Grindelwald e Dumbledore.

Confira na extensão deste post todos os detalhes.

Com roteiro original de J.K. Rowling, “Animais Fantásticos e Onde Habitam” estréia no Brasil em 17 de novembro nos formatos 3D e IMAX. Sua sequência é esperada para novembro de 2018.

Comentários: 3

Nota 1Nota 2Nota 3Nota 4Nota 5 (2 votos, média: 5,00 de 5)
Loading...

Em nova entrevista, David Heyman discute sobre o processo de produção de “Animais Fantásticos

//Por Donizete Junior - segunda-feira, 07 de novembro de 2016 às 02:36


A terceira da série de quatro entrevistas do fã-site Snitch Seeker com o elenco e equipe de produção do esperado longa “Animais Fantásticos e Onde Habitam” trouxe o conhecido produtor David Heyman sob os holofotes.

O produtor falou sobre o processo de produção de “Animais Fantásticos”, que iniciou com a ideia de um falso documentário sobre o mundo bruxo e se transformou em uma história original focada no autor Newt Scamander.

Confira a entrevista completa e traduzida na extensão da notícia.

“Jo escreveu o roteiro – simples assim. Ela não precisava voltar para esse mundo por qualquer motivo senão por vontade própria. Ela é muito apaixonada por seu mundo. A coisa maravilhosa sobre Jo é que ela conhece esse mundo de trás pra frente. Durante as filmagens dos filmes de Potter, algumas vezes pedíamos ajuda para ela para algo obscuro, como a árvore genealógica dos Black no quinto filme.”

LEIA MAIS: Stuart Craig fala sobre criação do MACUSA e da Nova Iorque de 1926

Heyman também falou sobre J.K. Rowling e como a equipe chegou a decisão de escalar Eddie Redmayne, Katherine Waterson, Alison Sudol e Dan Fogler.

“Acabamos fazendo uma série de testes de cenas e pares com diferentes pessoas. Foi uma longa busca, sabe, demorou um tempo porque queríamos acertar. E Eddie foi brilhante no processo, sabe, ele fez testes de cenas com os outros, sempre generoso. Ele até gostou porque acho que você pode tentar coisas diferentes. E naquele processo ele foi ao mesmo tempo uma pessoa muito compassiva. Ele já esteve do outro lado. Ele não teve que fazer teste pra isso. Ele já tinha o papel.”

LEIA MAIS: Dan Fogler discute sobre a natureza de seu personagem em nova entrevista

Com direção de David Yates e roteiro original de J.K. Rowling, “Animais Fantásticos e Onde Habitam” estréia 17 de novembro em cinemas brasileiros.

Comentários: 0

Nota 1Nota 2Nota 3Nota 4Nota 5 (2 votos, média: 5,00 de 5)
Loading...

OUÇA: WaterTower Music libera trilha sonora completa de “Animais Fantásticos” no Youtube

//Por Donizete Junior - quinta-feira, 03 de novembro de 2016 às 03:14


Para a surpresa de todos, a WaterTower Music, divisão musical da Warner Bros., liberou no Youtube a trilha sonora completa do longa-metragem de “Animais Fantásticos e Onde Habitam”.

Com todas as 17 faixas que estarão disponíveis na versão standard da trilha sonora, as faixas podem ser conferidas agora em uma playlist oficial do canal da WaterTower:

Composta por James Newton Howard (franquia Jogos Vorazes) e com previsão de lançamento para o dia 18 de novembro, a trilha sonora na versão deluxe de “Animais Fantásticos e Onde Habitam” está disponível no formato físico e digital, incluindo via streaming gratuito no Spotify.

Dirigido por David Yates e produzido por David Heyman, “Animais Fantásticos e Onde Habitam” marca a estreia de J.K. Rowling como roteirista e chega aos cinemas brasileiros em 3D e IMAX em 17 de novembro deste ano.

Comentários: 0

Nota 1Nota 2Nota 3Nota 4Nota 5 (2 votos, média: 5,00 de 5)
Loading...

TRILHA SONORA DE ANIMAIS FANTÁSTICOS E ONDE HABITAM EM PRÉ-VENDA

//Por Aline Michel - terça-feira, 01 de novembro de 2016 às 18:05


Com menos de três semanas para a estréia de “Animais Fantásticos e Onde Habitam”, a Warner Bros. acaba de anunciar a pré-venda da trilha sonora do filme.

A gravadora WaterTower Music já havia revelado uma prévia das quatro primeiras faixas que você pode conferir aqui.

A composição da trilha sonora original do filme é de James Newton Howard, vencedor dos prêmios Grammy e Emmy. James Howard também é conhecido por trabalhos em outros filmes de sucesso como “Malévola”, “Jogos Vorazes”, “Batman – O Cavaleiro das Trevas”, e “Batman Begins”.

A previsão de lançamento do álbum é 18 de novembro, data do lançamento mundial do filme, nos formatos digital e físico. No formato físico, haverá duas versões: a Edição de Luxo, com 2 CDs, 26 faixas e cerca de 100 minutos de música; e a Edição Standard, com 17 faixas e cerca de 72 minutos de música.

Sobre o trabalho no universo mágico, James Howard comenta:

“De certa forma, é como entrar para uma família, eu me senti muito bem-recebido. O escopo do filme, emocionalmente, visualmente, em todos os sentidos, é muito amplo. Existe muita diversão, magia, e pura beleza, e há também momentos sombrios e assustadores. A música ajuda a contar a história. Foi ótimo criar os temas dos vários personagens e dar uma voz musical a essa nova aventura maravilhosa. Foi uma perfeita colaboração com músicos e a equipe de produção, e eu genuinamente adorei o trabalho”.

O diretor da gravadora, Jason Linn, revela estar entusiasmado com o trabalho com James:

“Ele foi o parceiro perfeito de criação para o novo Mundo Bruxo de JK Rowling e realizou um trabalho maravilhoso ao dar a este novo mundo uma voz musical original e extraordinariamente executada”.

A trilha sonora de Animais Fantásticos e Onde Habitam já está à disposição para pré-venda na Amazon e no iTunes.
A gravadora também lançará uma Edição Limitada LP Picture Disc 12 polegadas (30 centímetros), com as artes do filme e versões alternativas das faixas “A Man and His Beasts” e “Kowalski Rag”. Suítes orquestradas serão incluídas como bônus na Edição de Luxo da trilha sonora. Reservas podem ser feitas no Amazon US aqui.

A lista das faixas, com tradução oficial para o português, você pode conferir na extensão da notícia

Comentários: 0

Nota 1Nota 2Nota 3Nota 4Nota 5 (2 votos, média: 5,00 de 5)
Loading...

Stuart Craig fala sobre criação do MACUSA e da Nova Iorque de 1926

//Por Aline Michel - segunda-feira, 31 de outubro de 2016 às 14:22


O designer de produção vencedor do Oscar, Stuart Craig, deu uma entrevista ao SnitchSeeker contando detalhes sobre a decoração artística do MACUSA e sobre como foi trazer a Nova Iorque de 1926 à vida.

“Jacob, o personagem, vive de maneira pobre no Lower East Side, em um apartamento de aluguel. Já o banco e os escritórios às margens são maravilhosos. Então sim, esse filme, ele tem muito contraste, há algo do mal acontecendo, há um tipo de triangulo amoroso legal acontecendo ao mesmo tempo. Algo para todos, incluindo aqueles fazendo o design e aqueles fazendo o filme.”

O SnitchSeeker visitou o set de filmagens de “Animais Fantásticos” em dezembro do ano passado e teve a oportunidade de entrevistar alguns astros do filme. A entrevista completa Stuart Craig, traduzida em português, você pode conferir na extensão da notícia

Dirigido por David Yates e produzido por David Heyman, “Animais Fantásticos e Onde Habitam” marca a estréia de J.K. Rowling como roterirista e chega aos cinemas brasileiros em 17 de novembro.

Comentários: 0

Nota 1Nota 2Nota 3Nota 4Nota 5 (1 votos, média: 5,00 de 5)
Loading...