Marisa Rosalino Amante


As luzes de Alvo Dumbledore

//Por Isadora Cecatto - terça-feira, 14 de abril de 2009 às 19:26


Partindo de um dos artefatos mais curiosos da saga Potter, o deluminador de Dumbledore, nossa colunista Marisa Rosalino analisa a verdadeira importância do objeto mágico e sua real relevância para a história em si.
Dessa forma, prova ao leitor pouco atento uma verdade inegável: na série de Rowling, um questionamento pessoal do herói Harry nunca é mera coincidência.

Além disso, a autora dá mais um exemplo da maneira incrível como Dumbledore – poderoso, porém defectível – aparece em auxílio de seus aprendizes quando menos se espera.

Leia o texto completo e entenda o brilhante raciocínio de Marisa clicando aqui, sem deixar de lado os indispensáveis comentários ao fim da página.

Comentários: 43

Nota 1Nota 2Nota 3Nota 4Nota 5 (27 votos, média: 4,22 de 5)
Loading...

Saindo do armário

//Por Editor de resenhas - terça-feira, 13 de maio de 2008 às 15:31


Dumbledore sempre foi “pensado como gay” por sua criadora, J. K. Rowling. Essa declaração causou fuá na mídia e acalorada discussão. Agora, em sua estréia no Potterish, Marisa Amante vai fundo e analisa o que de falácia e o que de pertinente há neste bate-boca.

Muitos consideraram o movimento um belo golpe publicitário de J. K. Rowling; outros, que era uma intromissão da autora em território desnecessário; outros, ainda, aplaudiram. .

Partindo desse assunto espinhoso, Marisa tece comentários sobre as relações da série com a mídia e com seus leitores. A coluna completa, você pode ler na extensão deste post. Deixe seus comentários para Marisa, sejam espinhos, sejam flores.

Semana que vem, você confere o texto de estréia de Rodrigo S. Bruno, sobre os faraós egípcios e a busca de imortalidade de Voldemort.

Comentários: 64

Nota 1Nota 2Nota 3Nota 4Nota 5 (23 votos, média: 4,52 de 5)
Loading...