Seção Granger: “Os Lugares Mágicos dos Filmes de Harry Potter”, de Jody Revenson

//Por Pedro Martins - sábado, 08 de agosto de 2015 às 16:31

Do “simples” armário sob a escada na rua dos Alfeneiros, nº 4, a um castelo secular com 142 escadarias largas e imponentes que se movem, cercadas por uma infinita quantidade de retratos interativos capazes de conversar e até mesmo se mexerem, somos apresentados a lugares mágicos e extraordinários durante os livros da série “Harry Potter”.

Na primeira Seção Granger do Potterish, trago uma indicação de leitura mágica para todos os Potterheads. Leia na extensão do post!

“Os Lugares Mágicos dos Filmes de Harry Potter”, de Jody Revenson
Indicação literária por Pedro Martins

Trazer às telas o mundo mágico criado por J.K. Rowling com infinita riqueza de detalhes com certeza não foi uma tarefa fácil. Tudo tinha que ser autêntico a ponto dos expectadores saírem das salas de cinema acreditando, pelo menos por um momento, que aquilo tudo era verdadeiro. E acredito que todos nós concordamos que o objetivo foi atingido, não? A equipe criativa dos filmes conseguiu fazer isso de maneira incrível, digna de elogios até mesmo daquela que primeiro imaginou tudo.

“Mais de 17 mil caixas de varinhas foram empilhadas, amontoadas, entulhadas e enfiadas por todo o cenário da loja Olivaras em ‘Harry Potter e a Pedra Filosofal’.”

Os bastidores de qualquer filme, mas especialmente os de “Harry Potter”, é algo extremamente interessante de se ver. Como tudo aquilo foi feito, quais foram as dificuldades enfrentadas pela produção e suas respectivas soluções, dentre outros, é algo que todos nós gostaríamos de saber.


OBS: Este booktrailer é da versão em inglês do livro, mas a versão em português já foi publicada no Brasil, pela Editora Galera Record.

Dividido em nove capítulos, “Os Lugares Mágicos dos filmes de Harry Potter”, escrito por Jody Revenson com apoio da Warner Bros., nos traz todo esse conteúdo em uma leitura rápida e agradável, com muitos segredos e curiosidades inéditas, fotografias e as artes conceituais lindas e muito mais! O Beco Diagonal, toda a propriedade de Hogwarts, o Ministério da Magia, os lares bruxos e outros – nada fica esquecido por Revenson!

“Muitas das pessoas que aparecem nos retratos interativos dos filmes são produtores, integrantes das mais diversas equipes e seus familiares.”

Stuart Craig e Stephenie McMillan, diretor de arte e decoradora de cenário dos filmes, foram dois dos maiores responsáveis por grandes feitos da série nas telonas, assim como os diretores. Consequentemente, todos entram no texto do livro com trechos de entrevistas bem interessantes.

Mapa_JK_Rowling

“Estava tudo naquele mapa bem simples. Aquele pedaço de papel era a autoridade máxima, e eu usei-o como referência durante os dez anos de filmagens.” – Stuart Craig sobre o mapa que J.K. Rowling desenhou em seu primeiro encontro com a autora.

Seguindo o mesmo padrão de “O Livro das Criaturas de Harry Potter”, a Editora Galera Record é digna de vários elogios, pois o livro está lindo! Impresso em capa dura e com o miolo em páginas de altíssima qualidade, de fato é algo que todos os Potterheads gostarão de ter em suas estantes e coleções. Regiane Winarski mais uma vez assina a tradução da obra, seguindo as traduções “consagradas” de Lia Wyler dos neologismos criados por Rowling, como nomes de personagens, locais e criaturas.

Hogwarts_by_Andrew_Williamson

Arte conceitual de Andrew Williamson para “Harry Potter e o Enigma do Príncipe” mostra o Castelo de Hogwarts ao pôr do sol.

208 páginas, Editora Galera Record, publicado em 2015.
Título original: “Harry Potter: Magical Places from the Films”.
Tradução: Regiane Winarski.

Pedro Martins é estudante, leitor, Webmaster do Potterish e resenhista do The Guardian.

Voltar |
Categorias: Editoras, Equipe técnica, Livros, Pedro Martins, Seção Granger
Nota 1Nota 2Nota 3Nota 4Nota 5 (1 votos, média: 5,00 de 5)
Loading...

Comentários