A invasão das fanfics e os problemas que elas trazem

//Por Luiz Guilherme - domingo, 09 de fevereiro de 2014 às 10:56

Antes da série ser publicada na íntegra, você com certeza imaginou dezenas de destinos para os seus personagens preferidos, certo? Caso a sua resposta seja positiva, você não é o único – e muitos dos fãs que, como você, deram asas à imaginação, escreveram por contra própria sequências para a história que nós amamos tanto.

Aproveitando essa temática tão interessante e relembrando a sua própria paixão pelas fanfics, nossa colunista Gabriela Lutfi nos fala um pouco mais desse universo na coluna de hoje. E você? Já escreveu fanfics? Costuma lê-las? O que acha delas? Não deixe de nos contar nos comentários!

Por Gabriela Lutfi

Queridos leitores, vamos ser sinceros: quem não gosta de uma boa fanfic? Pra quem não sabe, fanfics são histórias escritas por fãs baseados em livros, filmes, jogos e outras criações pré-existentes. Eu amo fanfics (só perde para o meu amor por comida, como detalhado em minha coluna anterior), e adoro encontrar uma fic bem escrita justo com o tema que eu quero!

Obviamente existem fanfics terríveis, mas existem outras maravilhosas, e com Harry Potter não poderia ser diferente! Em um famoso site de fics (que não direi qual é, mas qualquer um consegue achar através do Google), Harry Potter é, na categoria de livros, a mais famosa escolha, com 670 mil histórias e contando!

Eu admito aqui, publicamente, que já escrevi fanfics, mas nenhuma de Harry Potter. No entanto, adoro ler! Existem histórias que são sensacionais e que deixaram pegadas lendárias, sendo eternamente lembrada pelos fãs. Aqui, cito a trilogia Draco, escrito pela maravilhosa Cassandra Claire. Quem não leu, deve ler! A trilogia é engraçada, sarcástica, tem a dose certa de ação e romance e certamente vai trazer lembranças para os filhos adotivos de J.K. Rowling.

Existem outras também, é só procurar pelas milhares de páginas na internet, com certeza vocês acharão uma que o agradará.

No entanto, fanfic também é um assunto muito polêmico. Vocês sabiam que muitos autores famosos proíbem que sejam escritas fanfics sobre suas histórias? Antes de dizer o motivo, vou citar alguns autores com relação a este tema.

George Martin, famoso escritor da série épica “As Crônica do Gelo e Fogo” (Game of Thrones, gente!) é absolutamente contra fics. Segundo ele, fics são um jeito preguiçoso de escrever e que não estimula a criatividade dos autores. Felizmente para George, os sites de fics atendem seus desejos e não permitem publicação de histórias dos livros. Já a série de TV é outra história, uma vez que os direitos não são dele. Só no site especificado acima existem mais de 1.600 fics baseadas na série. Bom, tem um jeito pra tudo!

Anne Rice, outra autora extremamente famosa, principalmente por Entrevista com o Vampiro e A Rainha dos Condenados, também é contra. Anne usa um argumento mais pesado, dizendo que seus personagens são protegidos por lei e que qualquer violação incorrerá em ações legais. Também não é possível encontrar fics suas em grandes sites.

Deixando de lado os assuntos mais polêmicos, existe uma autora com sentimentos mistos com relação a fanfics. Stephenie Meyer diz que acha fics um desperdício de tempo, apesar de gostar de algumas. Vale citar aqui que a trilogia Cinquenta Tons foi derivada de uma fic de Crepúsculo. Irônico, não?

E quanto à nossa gloriosa rainha? Bom, fiquem felizes e soltem confetes pois Rowling é totalmente a favor! Nossa querida autora se diz lisonjeada por encontrar fanfics de Harry Potter e diz que a única coisa que a desagrada são histórias com conteúdos adultos (vocês me entenderam, crianças), mas não vamos falar sobre isso neste momento.

Acho isso incrível! Eu também me sentiria imensamente lisonjeada se escrevessem fics de algum livro que eu publicasse. Afinal, escrevi o livro para as pessoas se divertirem, e se elas se divertem escrevendo baseado em meus personagens, melhor ainda.

Agora vamos falar das questões legais acerca de fanfics. Muitos autores proíbem isso pela questão dos direitos autorais, e não possuem medo de processar.

Porém, do mesmo jeito que os autores do livro podem processar, os autores das fanfics também podem processá-los. Mas pera aí! Como assim?

Vamos pegar de exemplo, obviamente, a série Harry Potter. As fanfics explodiram por volta do terceiro livro. Nessa época, muitos autores amadores começaram a especular sobre o rumo da história e, obviamente, escrever fics sobre isso. Assustadoramente, muitos acertaram! Vocês sabiam que em Abril de 2001 foi postada a primeira fic de romance entre Snape e Lily? Gente! Isso foi mais de 6 anos antes do último livro ser lançado! Todos sabem que é no último livro que os sentimentos de Snape são revelados.

Agora, o que o autor dessa fic poderia fazer? Ele poderia muito bem processar Rowling alegando que ela utilizou como base sua fic para poder desenvolver a história em seus livros.

Felizmente, nenhum caso grande de processos legais contra Rowling foi realizado (mas devo dizer que existem alguns). Sinceramente, acho que isso é uma questão de todos cederem. O autor está deixando vocês usarem o personagem dele! Se algum dia o autor usasse minha ideia como base para seu livro, eu acharia sensacional!

Sendo legal ou não, eu acho fics um ótimo exercício de criatividade, relacionamento interpessoal e utilização de tempo. Afinal, nem todo mundo que gosta de escrever tem tempo e vontade de montar um universo inteiro para se divertir!

E vocês, o que acham?

Gabriela Lutfi me contou que pretende publicar muitos livros, e vai deixar vocês escreverem fanfics sobre todos eles. Aproveitem!

Voltar |
Categorias: Colunas, Ensaios, Gabriela Lutfi
Nota 1Nota 2Nota 3Nota 4Nota 5 (9 votos, média: 4,33 de 5)
Loading...

Comentários