Layout Potterish
Layout Potterish
   
 
Layout Potterish
Layout Potterish
 

Cerveja amanteigada quente é a novidade do cardápio no The Wizarding World of Harry Potter [ler]

 

Novo tipo de inseto recebe nome de uma das criaturas de “Harry Potter” [ler]

 

Divulgada a primeira foto oficial da minissérie “Morte Súbita” [ler]

 

Imagens da seção sobre artes das trevas do “The Making of Harry Potter” [ler]

 

 
 
Layout Potterish
Layout Potterish
 
Clube do Livro- Tolkien Clube do Livro- Garota Replay. Clube do Livro- Jesus Potter. Clube do Livro- A maldição do Tigre.      

 
Layout Potterish
Layout Potterish
 
Confira todos
os modelos e
compre já a sua!
 
 
Layout Potterish
Layout Potterish
Layout Potterish

 
«   »

A vida após a morte
//Por Sheila Vieira - domingo, 25 de julho de 2010 às 12:24

A literatura chamada de auto-ajuda constantemente sofre muitas críticas, por suas fórmulas fáceis. Porém, trata-se de um ramo de sucesso e marca presente nas Resenhas do Ish. Se bem que, de acordo com nosso resenhista Léo Scarpa, o gênero de “A Cabana” não é muito definido.

De qualquer forma, a obra de William P. Young fala sobre as mudanças nas vidas das pessoas e como seguir em frente após um trauma. Leia o texto e deixe seu comentário!

“A Cabana”, William P. Young

Tempo: exige muito tempo e dedicação
Finalidade: para ficar na ponta da cadeira
Restrição: para quem tem dificuldades com pontos de vista alternativos
Princípios ativos: Deus, cristianismo, amor, perdão, mudança de vida.

Mais de três anos após sua filha caçula ser seqüestrada e brutalmente assassinada em um acampamento, Mackenzie – Mack para os íntimos – recebe um bilhete em um dia de inverno, marcando um encontro na cabana onde fora encontrado apenas o vestido ensangüentado que Missy usava no dia. O bilhete, assinado pelo modo carinhoso que sua mulher costumava se relacionar com Deus, marcava o encontro no próximo final de semana.

“A Cabana”, livro publicado nos EUA em 2007 no Brasil em 2008 pela Editora Sextante, é por muitos considerado um livro de auto-ajuda e por outros, de ficção ou de mudança de vida. Uma coisa é certa, a obra, que foi publicado por uma editora pequena nos EUA, conquistou fãs de imediato, desde lá está na lista dos “Tops” e já pode ser considerado um Best-Seller.

“…Será que alguma daquelas pessoas era Deus? E se fossem alucinações? Ou será que Deus viria mais tarde? Já que eram três, talvez aquilo fosse uma espécie de Trindade. Mas duas mulheres e um homem? E nenhum deles era branco? Mas por que ele havia presumido que Deus seria branco?…” Esse trecho do livro parece fazer perguntas que povos de todas as épocas e regiões do mundo sempre se fizeram. Perguntas essas que o autor do livro tenta nos esclarecer.

William P. Young autor e personagem do livro, tenta nos ensinar lições de vida através e representando sempre o amor e o perdão do Criador. Alguns produtores de cinema já querem adaptar o livro em filme, mas preferem esperar a venda de mais exemplares para poderem ter a certeza do sucesso do longa metragem.

Um grupo de fãs de A Cabana, está convencido de que a obra de William P. Young merece ser lida pelo maior numero possível de pessoas. Esse é um dos argumentos da criação do “Projeto Missy”, que pede com a colaboração dos leitores a espalharem a obra, para que mais pessoas possam conhecê-la.

Sobre o bilhete que marcou o encontro no final de semana, muitos acreditam que foi resultado dos dias em que Mack ficou inconsciente, outros dão crédito a história dele, mas, a verdade, apenas Mackenzie conhece.

Resenhado por Léo Scarpa

240 páginas, Editora Sextante, primeira edição em 2008.
*Título original: The Shack. Publicado originalmente em 2007.

| Voltar |
Categorias: Léo Scarpa, Notícias em Destaque, Resenhas
Nota 1Nota 2Nota 3Nota 4Nota 5 (8 votos, média: 4,50 de 5)
Loading...Loading...




Comentários
Ao postar, não use xingamentos e palavrões.

Cayo César | domingo, 25 de julho de 2010

É realmente um ótimo livro :}


Amanda | domingo, 25 de julho de 2010

Já li esse livro é realmente emocionante… recomendo a todos que leiam. ;)


Monique França | domingo, 25 de julho de 2010

Esse livro é perfeito. Recomendo a todos.


Mandddhy | domingo, 25 de julho de 2010

Eu já li esse livro,e achei maravilhoso. Realmente um livro estupendo,acho que seria uma boa ideia fazer longa dele


Alvo | domingo, 25 de julho de 2010

Achei um livro muito pedante, sei lá. Gostei não.


Matheus Marchiori | domingo, 25 de julho de 2010

Suas resenhas continuam evoluindo… continue assim


Matheus Marchiori | domingo, 25 de julho de 2010

Voce continua evoluindo em suas resenhas, muito bem, continue assim. Essa foi a mais bem trabalhada/ordenada/pesquisada/montada de todas ;) Parabéns


Angel Sanches | segunda-feira, 26 de julho de 2010

Eu tenho este livro!É super legal!


Luisa W | segunda-feira, 26 de julho de 2010

Eu gostei, e não gostei desse livro.
O início é bom, o meio achei um pouco redundante, e me emocionei com o fim.
Mas realmente aconselho que as pessoas leiam esse livro, pois a mensagem que ele traz é realmente maravilhosa!

Ótima resenha! :D


Kafka | segunda-feira, 26 de julho de 2010

Odiei esse livro, lição de moral barata encontrada em genericos, o autor aborda um tema oposto ao que realmente interessaria no enredo, pode até emocionar a alguns, mas a mim, parece um livro de conceitos manjados…

E alem do mais, sou ateu x.x


Brunna Cassales | quinta-feira, 29 de julho de 2010

Não é qualquer livro que proporciona ao leitor o que “A Cabana” proporciona. É um livro tão arrebatador quanto transformador. Não há um capítulo em que eu não tenha me emocionado.

Sim, “A Cabana” passa uma mensagem realmente maravilhosa sobre o amor de Deus e o amor a Deus; sobre dor e perda; sobre sabedoria e sobre perdão. Todo mundo devia dedicar um pouquinho do seu tempo para ler este livro e recomendá-lo.

Pessoalmente, eu fico muito feliz com o pouquinho que já contribuí para o “Projeto Missy”. Quero muito, um dia, reler “A Cabana”.


Brunna Cassales | quinta-feira, 29 de julho de 2010

Ah, parabéns pela resenha! ^^
E espero que o livro seja adaptado em breve, vê-lo no cinema será uma experiência sem igual.


Bia Anchão Oliveira | sábado, 31 de julho de 2010

Olá a todos!

Olha, li o livro, e achei ele realmente muito bom, porém ele fica batendo nessa tecla de Deus e tal. Para quem não crê em Deus, fica meio complicado gostar do livro. Alias Léo Scarpa, parabéns pela resenha, muito completa…. :D


Anne | terça-feira, 16 de novembro de 2010

enho este livro aki em casa , nao gosto de livros de auto ajuda , portanto nao li e nem pretendo ler



Ou:
Nome:
(opcional)
E-mail:
(opcional)
Website:
(opcional)
Mensagem:
Add Avatar?
   
 

 

Qual o seu smartphone?







Loading ... Loading ...
 
Resultados Anteriores
 
 

Cerveja amanteigada quente é a novidade do cardápio no The Wizarding World of Harry Potter [ler]

 

IT! Entretenimento promete trazer Tom Felton para eventos com fãs em 2015! [ler]

 

Daniel Radcliffe visita Harry Potter: a Exposição [ler]

 

Instituição de caridade de Rowling, Lumos, desmascara o mito de crianças vivendo em orfanatos [ler]

 

 
 
 
09/02/2013
Lançada a nossa seção dedicada à literatura chamada Clube do Livro.

01/12/2012
Criado aplicativo do Potterish para iPhone/iPod.

28/11/2012
Lançado aplicativo do Potterish para Windows Phone.

14/04/2012
Potterish lança hotsite com traduções do Pottermore.

23/01/2012
Versão mobile do Potterish disponível para acesso ao site através de dispositivos móveis.

 
 
 
Parceiros
 
 
Doe para a ABEM
 
 
 

Buscar no Potterish
Powered by WordPress